Semana de 14 de março a 19 de março de 2022

De 14 de março de 2022 até 19 de março de 2022

PROPLAN
NDEECLS
CONSUNI
ACAD RE
COLCMPF
NDEECCNI
CONSUNI CGAE
CONSUNI CAPGP
CONSCRE
PROPEPG
CONSUNI CPPGEC
PROAD
CONCUR
PROGRAD
CECCH
GR
EDITAL Nº 251/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 252/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 253/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 254/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 255/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 256/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 257/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 258/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 259/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 260/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 261/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 262/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 263/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 264/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 265/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 266/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 267/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 268/GR/UFFS/2022 (RETIFICADO) EDITAL Nº 269/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 270/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 271/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 272/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 273/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 274/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 275/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 276/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 277/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 278/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 279/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 280/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 281/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 282/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 283/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 284/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 285/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 286/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 287/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 288/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 289/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 290/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 291/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 292/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 293/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 294/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 295/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 296/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 297/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 298/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 299/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 300/GR/UFFS/2022 EDITAL Nº 301/GR/UFFS/2022 PORTARIA DE PESSOAL Nº 171/GR/UFFS/2022 PORTARIA DE PESSOAL Nº 172/GR/UFFS/2022 PORTARIA DE PESSOAL Nº 173/GR/UFFS/2022 PORTARIA DE PESSOAL Nº 174/GR/UFFS/2022 PORTARIA DE PESSOAL Nº 175/GR/UFFS/2022 PORTARIA DE PESSOAL Nº 176/GR/UFFS/2022 PORTARIA DE PESSOAL Nº 177/GR/UFFS/2022 (REVOGADA) PORTARIA DE PESSOAL Nº 178/GR/UFFS/2022 PORTARIA DE PESSOAL Nº 179/GR/UFFS/2022 (TORNADA SEM EFEITO) PORTARIA DE PESSOAL Nº 180/GR/UFFS/2022 PORTARIA DE PESSOAL Nº 181/GR/UFFS/2022 PORTARIA DE PESSOAL Nº 182/GR/UFFS/2022 PORTARIA DE PESSOAL Nº 183/GR/UFFS/2022 (REVOGADA) PORTARIA DE PESSOAL Nº 184/GR/UFFS/2022 PORTARIA DE PESSOAL Nº 185/GR/UFFS/2022 PORTARIA DE PESSOAL Nº 186/GR/UFFS/2022 (REVOGADA) PORTARIA DE PESSOAL Nº 187/GR/UFFS/2022 (REVOGADA) PORTARIA DE PESSOAL Nº 188/GR/UFFS/2022 (REVOGADA) PORTARIA DE PESSOAL Nº 189/GR/UFFS/2022 (REVOGADA) PORTARIA DE PESSOAL Nº 190/GR/UFFS/2022 PORTARIA DE PESSOAL Nº 191/GR/UFFS/2022 PORTARIA DE PESSOAL Nº 192/GR/UFFS/2022 PORTARIA DE PESSOAL Nº 193/GR/UFFS/2022 (REVOGADA) PORTARIA DE PESSOAL Nº 194/GR/UFFS/2022 (REVOGADA) PORTARIA DE PESSOAL Nº 195/GR/UFFS/2022 (REVOGADA) PORTARIA DE PESSOAL Nº 196/GR/UFFS/2022 PORTARIA DE PESSOAL Nº 197/GR/UFFS/2022 (REVOGADA) PORTARIA DE PESSOAL Nº 198/GR/UFFS/2022 (RETIFICADA, REVOGADA) PORTARIA DE PESSOAL Nº 199/GR/UFFS/2022 (REVOGADA) PORTARIA DE PESSOAL Nº 200/GR/UFFS/2022 (REVOGADA) PORTARIA DE PESSOAL Nº 201/GR/UFFS/2022 (TORNADA SEM EFEITO) PORTARIA Nº 2120/GR/UFFS/2022 PORTARIA Nº 2121/GR/UFFS/2022 (REVOGADA) PORTARIA Nº 2122/GR/UFFS/2022 (REVOGADA) PORTARIA Nº 2123/GR/UFFS/2022 (REVOGADA) PORTARIA Nº 2124/GR/UFFS/2022 PORTARIA Nº 2125/GR/UFFS/2022 (REVOGADA) PORTARIA Nº 2126/GR/UFFS/2022 (REVOGADA) PORTARIA Nº 2127/GR/UFFS/2022 PORTARIA Nº 2128/GR/UFFS/2022 (ALTERADA) PORTARIA Nº 2129/GR/UFFS/2022 (REVOGADA) PORTARIA Nº 2130/GR/UFFS/2022 PORTARIA Nº 2131/GR/UFFS/2022 (REVOGADA) PORTARIA Nº 2132/GR/UFFS/2022 PORTARIA Nº 2133/GR/UFFS/2022 PORTARIA Nº 2134/GR/UFFS/2022 (ALTERADA)
SUCL
GDIR ER
COSCRE

PROPLAN

Designa servidores para atuar como Coordenadores responsáveis por acompanhar o andamento e a execução do Acordo de Cooperação Técnica, Processo nº 23205.023499/2021-65.

O PRÓ-REITOR DE PLANEJAMENTO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições e tendo em vista a delegação de competência do Magnífico Reitor através da Portaria nº 661/GR/UFFS/2012, de 19 de junho de 2012, publicada no Boletim Oficial da UFFS,

 

RESOLVE:

 

Art. 1º DESIGNAR os servidores abaixo relacionados para, com observância da legislação vigente, atuar como Coordenadores do Acordo de Cooperação Técnica, decorrente do Processo nº 23205.023499/2021-65, entre a Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS), e o Hospital de Caridade Frei Clemente:

 

 

I - coordenação:

a) Coordenador Titular: LEANDRO TUZZIN, Professor Magistério, Siape 21027153;

b) Coordenadora Substituta: RENATA DOS SANTOS RABELLO BERNARDO, 21027153, Siape 22489037.

 

Art. 2º Os Coordenadores serão os responsáveis pela execução das atividades, elaboração de relatórios e prestação de contas do objeto firmado.

 

 

Art. 3º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação no Boletim Oficial da UFFS.

 

Chapecó-SC, 15 de março de 2022.

Everton Miguel da Silva Loreto

Pró-Reitor de Planejamento

Designa servidores para atuar como Coordenadores responsáveis por acompanhar o andamento e a execução do Acordo de Cooperação Técnica, Processo nº 23205.002963/2022-61

O PRÓ-REITOR DE PLANEJAMENTO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições e tendo em vista a delegação de competência do Magnífico Reitor através da Portaria nº 661/GR/UFFS/2012, de 19 de junho de 2012, publicada no Boletim Oficial da UFFS,

 

RESOLVE:

 

Art. 1º DESIGNAR os servidores abaixo relacionados para, com observância da legislação vigente, atuar como Coordenadores do Acordo de Cooperação Técnica, decorrente do Processo nº 23205.002963/2022-61, entre a Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS), o Município de Vitorino- Paraná:

 

 

I - coordenação:

a) Coordenadora Titular: PATRICIA ROMAGNOLLI, Professora Magistério, Siape 18428304;

b) Coordenadora Substituta: GRACIELA SOARES FONSECA, Professora Magistério, Siape 23017694.

 

Art. 2º Os Coordenadores serão os responsáveis pela execução das atividades, elaboração de relatórios e prestação de contas do objeto firmado.

 

 

Art. 3º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação no Boletim Oficial da UFFS.

 

 

 

Chapecó-SC, 15 de março de 2022.

Everton Miguel da Silva Loreto

Pró-Reitor de Planejamento

Designa servidores para atuar como Coordenadores responsáveis por acompanhar o andamento e a execução do Acordo de Cooperação Técnica, Processo nº 23205.008687/2021-63

O PRÓ-REITOR DE PLANEJAMENTO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições e tendo em vista a delegação de competência do Magnífico Reitor através da Portaria nº 661/GR/UFFS/2012, de 19 de junho de 2012, publicada no Boletim Oficial da UFFS,

 

RESOLVE:

 

Art. 1º DESIGNAR os servidores abaixo relacionados para, com observância da legislação vigente, atuar como Coordenadores do Acordo de Cooperação Técnica, decorrente do Processo nº 23205.008687/2021-63, entre a Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS), o Hospital Beneficente São João:

 

I - coordenação:

a) Coordenador Titular: LEANDRO TUZZIN, Professor Magistério, Siape 21027153;

b) Coordenadora Substituta: ATHANY GUTIERRES, Professor Magistério, Siape 23594993.

 

Art. 2º Os Coordenadores serão os responsáveis pela execução das atividades, elaboração de relatórios e prestação de contas do objeto firmado.

 

Art. 3º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação no Boletim Oficial da UFFS.

Chapecó-SC, 15 de março de 2022.

Everton Miguel da Silva Loreto

Pró-Reitor de Planejamento

Designa servidores para atuar como Coordenadores responsáveis por acompanhar o andamento e a execução do Termo de Cooperação, Processo nº 23205.021778/2021-94.

O PRÓ-REITOR DE PLANEJAMENTO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições e tendo em vista a delegação de competência do Magnífico Reitor através da Portaria nº 661/GR/UFFS/2012, de 19 de junho de 2012, publicada no Boletim Oficial da UFFS,

 

RESOLVE:

 

Art. 1º DESIGNAR os servidores abaixo relacionados para, com observância da legislação vigente, atuar como Coordenadores do Termo de Cooperação, decorrente do Processo nº 23205.021778/2021-94, entre a Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) e a Secretaria da Educação do Rio Grande do Sul:

 

 

I - coordenação:

a) Coordenadora Titular: CLAUDIA ADRIANA DA SILVA, Professora Magistério, Siape 23170212;

b) Coordenador Substituto: MOISES MARQUES PRSYBYCIEM, Professor Magistério, Siape 23026529.

 

 

Art. 2º Os Coordenadores serão os responsáveis pela execução das atividades, elaboração de relatórios e prestação de contas do objeto firmado.

 

 

Art. 3º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação no Boletim Oficial da UFFS.

 

Chapecó-SC, 15 de março de 2022.

Everton Miguel da Silva Loreto

Pró-Reitor de Planejamento

NDEECLS

ATA Nº 1 DA 1ª REUNIÃO ORDINÁRIA DE 2022 DO NDE – 17/03/2022

Ao décimo sétimo dia do mês de março do ano de dois mil e vinte e dois, às catorze horas, no Auditório Docente, foi realizada a primeira Reunião Ordinária do Núcleo Docente Estruturante (NDE) do Curso Interdisciplinar em Educação do Campo: Ciências Naturais, Matemática e Ciências Agrárias, concomitante com a 1ª Reunião Ordinária do Núcleo Docente Estruturante (NDE) do Curso Interdisciplinar em Educação do Campo: Ciências da Natureza, presidida pelo Coordenador dos Cursos, Vitor de Moraes. Fizeram-se presentes à sessão os demais membros: Ana Cristina Hammel, Joaquim Gonçalves da Costa, Ricardo Key Yamazaki, Vivian Machado de Menezes, Yasmine Miguel Serafini Micheletto e como convidada a técnico administrativa Suelen Spindula Bilhar que fará parte do GT que cuidará da reformulação do PPC. Justificaram a ausência: Marciane Maria Mendes. O coordenador iniciou a reunião informando que é esta a primeira reunião do ano, a primeira presencial após o período de trabalho remoto e que também é a primeira reunião do NDE sob a sua coordenação, após deu início a pauta. Para conhecimento, os pontos de pauta desta reunião não se aplica a esta matriz, o registro da reunião concomitante foi mantido para conhecimento. 1. Expediente: 1.1 Estudo e construção do Edital do processo, de provimento de vagas no curso de Licenciatura Interdisciplinar em Educação do Campo: Ciências da Natureza. Edital do processo seletivo – UFFS. Panorama das matrículas via SISU 2022: a) O Coordenador informou que esforços vinham sendo realizados para que o curso pudesse elaborar um edital próprio, conforme definido em reunião do Colegiado e inserido como ponto de pauta para esta discussão no NDE, mas que, tendo em vista a reunião com a Prograd no período da manhã deste mesmo dia, na qual os coordenadores receberam a informação de que será lançado um edital contemplando todos os cursos dos campi, o qual visa preencher as vagas remanescentes do processo seletivo regular (SISU), a discussão proposta não será mais necessária, sendo optado pela adesão ao edital geral da instituição, tendo em vista que deve ser publicado no dia vinte e cinco e que para um edital próprio, o tempo necessário para o trâmite é bem mais longo. O Coordenador expôs os dados utilizados pela Prograd para a decisão por um edital geral, sendo que o baixíssimo número de matrículas para o processo regular que ocorreu em todas as universidades federais, foi determinante, sendo constatado que a queda no número de matrículas ocorreu em todos os cursos da UFFS, refletindo a mesma realidade do nível nacional. b) O Coordenador informou que material de divulgação será encaminhado para o campus e que caberá ao NDE a definição de plano de ação para a divulgação do Processo Seletivo Simplificado, que tem como critério para a inscrição, primeiramente a conclusão do ensino médio, seguido de manifestação de intenção por meio de escrita e a idade. Os presentes fizeram considerações e apresentaram sugestões que serão viabilizadas após o cronograma do processo estar disponibilizado. Entre as ações foi proposto o mapeamento dos pontos que poderiam gerar melhores resultados na divulgação, a utilização dos meios de comunicação local e verificação de estrutura de transporte de estudantes nos municípios vizinhos, municípios estes que poderão ser incluídos no plano de divulgação. 2. Reformulação do Projeto Pedagógico – curricularização da extensão: 2.1 O Coordenador informou que a reformulação dos PPCs foi pauta na reunião da Prograd, que informações quanto aos procedimentos foram passadas, mas ainda sem datas definidas para cada ação e que algumas definições quanto a curricularização da extensão, acontecerão no Fórum das Licenciaturas que está programado para ocorrer no dia dezoito de março, na qual será estudada a Resolução nº 93/CONSUNI/UFFS/2021 e Resolução CNE/CP Nº 2, de 20 de dezembro de 2019. Informou que a data para enviar os nomes da composição do GT é até dia trinta e um de março e a partir das definições da conferência das licenciaturas o grupo trabalhará na reformulação do PPC, contando com as palestras/módulos formativos que virão em forma de vídeos, a serem disponibilizados para nortear os trabalhos do GT, visando a reformulação do PPC, incluíndo neste a curricularização da extensão. O Coordenador informou que o primeiro passo para os trabalhos da reformulação do PPC deve ser a verificação quanto a atender o que pede a Resolução CNE/CP Nº 2, de 20 de dezembro de 2019. Informou também que foi criada uma comissão para avaliação da evasão/retenção no campus, visando levantar dados para sinalizar as mudanças dos projetos pedagógicos. 2.2 O Coordenador expôs a resolução noventa e três e os presentes fizeram considerações quanto as possibilidades para as alterações necessárias no PPC, visando definir a metodologia a ser usada, considerando também a possibilidade da redução da carga horária total do curso. 2.3 Encaminhamentos: a) O NDE definiu que os trabalhos serão divididos por área de conhecimento sendo que para o domínio específico o docente Ricardo Key Yamazaki será responsável pela verificação dos componentes de biologia, a docente Viviam Machado de Menezes será responsável pelos componentes de física e a docente Yasmine Miguel Serafini Micheletto será responsável pelos componentes de química. Para os componentes do domínio comum será responsável o docente Vitor de Moraes e para os componentes do domínio conexo será responsável o docente Joaquim Gonçalves da Costa e Ana Cristina Hammel. b) O PPC será disponibilizado no drive para que as contribuições sejam realizadas no documento pela comissão, visando definir uma proposta a ser apresentada em assembleia, para explicação e conhecimento dos docentes. c) Foi marcada a próxima reunião para o dia doze de abril as nove horas da manhã em local a ser definido. 3. Encerramento: Sendo dezesseis horas e cinco minutos e não havendo mais nada a tratar, foi encerrada a sessão, da qual eu, Marcia Regina Maximowski, Assistente em Administração, lotada na Secretaria Geral de Cursos, lavrei a presente Ata que será enviada aos membros para aprovação e, aprovada, será assinada por mim e pelo Coordenador do Curso que presidiu esta primeira reunião ordinária do NDE.

Marcia Regina Maximowski_________________________

Vitor de Moraes _______________________

Laranjeiras do Sul-PR, 17 de março de 2022.

Vitor de Moraes

Presidente do Núcleo Docente Estruturante do Curso de Educação do Campo do Campus Laranjeiras do Sul

CONSUNI

Altera a Decisão nº 41/CONSUNI/UFFS/2021, que aprova a criação do curso de Matemática no campus Cerro Largo.

O PRESIDENTE DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO (CONSUNI) DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições legais,

 

DECIDE:

 

Art. 1º Alterar o art. 1º da Decisão nº 41/CONSUNI/UFFS/2021, de 15 de dezembro de 2021, que passa a vigorar com a seguinte redação:

 

“Art. 1º APROVAR a criação do Curso de Graduação em Matemática - Licenciatura, no Campus Cerro Largo da UFFS, estabelecendo limite de oferta de 25 vagas anuais, turno noturno.”

 

Art. 2º Esta Decisão entra em vigor na data de sua publicação no Boletim Oficial da UFFS.

 

 

 

 

MARCELO RECKTENVALD

Presidente do Conselho Universitário

Chapecó-SC, 16 de março de 2022.

Marcelo Recktenvald

Presidente do Conselho Universitário

Parecer do processo nº 23205.027008-2021-55.

Parecer do processo nº 23205.027008-2021-55.

Relator: Roberto Mauro Dall’Agnol

Chapecó-SC, 18 de março de 2022.

Marcelo Recktenvald

Presidente do Conselho Universitário

ACAD RE

RETIFICAÇÃO DO EDITAL COMPLEMENTAR Nº 007/ACAD-RE/UFFS/2022 PARA A SELEÇÃO DE MONITORES DE ENSINO UFFS/CAMPUS REALEZA/2022

A COORDENAÇÃO ACADÊMICA DO CAMPUS REALEZA, no uso de suas atribuições e tendo em vista a delegação de competência da Resolução Nº 31/CONSUNI/CGAE/UFFS/2021, resolve:

 

1 Tornar público o presente edital de retificação, que altera o disposto no item 4.4 do EDITAL COMPLEMENTAR Nº 007/ACAD-RE/UFFS/2022:

ONDE SE LÊ:

4.4 Os projetos de monitoria de ensino classificados através do Edital Nº 83/PROGRAD/UFFS/2021 e o número de vagas ofertadas e os requisitos exigidos para seu preenchimento encontram-se explicitados na tabela que segue:

Título do Projeto

Categoria

Coordenadora

Vagas Monitoria Remunerada

Vagas Monitoria Não Remunerada

Monitoria Acadêmica de Técnica Cirúrgica e Obstetrícia Veterinária (ENS-2021-0065)

CCR

Fabíola Dalmolin

1

1

Requisitos exigidos para a candidatura:

a) Ter cursado os CCRs de Técnica Cirúrgica Veterinária e Obstetrícia Veterinária com sucesso;

b) Ter atividades complementares na área em questão, tais como estágio, participação em programas/projetos de extensão ou publicações de resumos e artigos;

c) Ter disponibilidade de 16 horas semanais e afinidade com a área da monitoria;

d) Ter nota superior a 6,0 (seis) na prova de seleção.

E-mail coordenação do projeto: fabiola.dalmolin@uffs.edu.br

 

LEIA-SE:

4.4 Os projetos de monitoria de ensino classificados através do Edital Nº 83/PROGRAD/UFFS/2021 e o número de vagas ofertadas e os requisitos exigidos para seu preenchimento encontram-se explicitados na tabela que segue:

Título do Projeto

Categoria

Coordenadora

Vagas Monitoria Remunerada

Vagas Monitoria Não Remunerada

Monitoria Acadêmica de Técnica Cirúrgica e Obstetrícia Veterinária (ENS-2021-0065)

CCR

Fabíola Dalmolin

1

1

Requisitos exigidos para a candidatura:

a) Ter cursado com sucesso ou estar cursando os CCRs de Técnica Cirúrgica Veterinária e Obstetrícia Veterinária;

b) Ter atividades complementares na área em questão, tais como estágio, participação em programas/projetos de extensão ou publicações de resumos e artigos;

c) Ter disponibilidade de 16 horas semanais e afinidade com a área da monitoria;

d) Ter nota superior a 6,0 (seis) na prova de seleção.

E-mail coordenação do projeto: fabiola.dalmolin@uffs.edu.br



 

Realeza/PR, 14 de março de 2022.

 

ADEMIR ROBERTO FREDDO

Coordenador Acadêmico do Campus Realeza

Realeza-PR, 14 de março de 2022.

Ademir Roberto Freddo

Coordenador Acadêmico do Campus Realeza

Documento Histórico

EDITAL Nº 8/ACADRE/UFFS/2022

COLCMPF

Altera a RESOLUÇÃO Nº 01/CCM-PF/UFFS/2021, que estabelece diretrizes complementares para o ingresso por transferência e retorno no Curso de Medicina do Campus Passo Fundo.

O COLEGIADO DO CURSO DE MEDICINA DO CAMPUS PASSO FUNDO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL – UFFS, no uso de suas atribuições, com fulcro no inciso XV do art. 5º da Resolução nº 4/CONSUNI-CGRAD/UFFS/2014, considerando o disposto na Seção II do Capítulo I do Título VI do Regulamento da Graduação da UFFS, bem como o disposto no Art. 5º da Portaria nº 807 do Ministério da Educação, de 18 de junho de 2010;

                

RESOLVE:       

 

Art 1º Alterar a caput do Art. 5º Resolução Nº 01/CCM-PF/UFFS/2021, que passa vigorar com a seguinte redação:

 

Art. 5º Os candidatos que atenderem aos requisitos elencados no artigo 4º serão classificados pela nota obtida no Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), exceto notas obtidas antes da conclusão do Ensino Médio, ou seja, na condição de treineiro.

 

Art 2º Esta resolução entra em vigor na data de sua publicação.

 

Sala das sessões do Colegiado do Curso de Medicina do Campus Passo Fundo da UFFS, excepcionalmente por meio de videoconferência – 1ª Sessão Ordinária, em Passo Fundo-RS, 15 de março de 2022.

Passo Fundo-RS, 15 de março de 2022.

Rogerio Tomasi Riffel

Presidente do Colegiado do Curso de Graduação em Medicina do Campus Passo Fundo

NDEECCNI

ATA Nº 1 DA 1ª REUNIÃO ORDINÁRIA DE 2022 DO NDE – 17/03/2022

Ao décimo sétimo dia do mês de março do ano de dois mil e vinte e dois, às catorze horas, no Auditório Docente, foi realizada a primeira Reunião Ordinária do Núcleo Docente Estruturante (NDE) do Curso Interdisciplinar em Educação do Campo: Ciências da Natureza, concomitante com a 1ª Reunião Ordinária do Núcleo Docente Estruturante (NDE) do Curso Interdisciplinar em Educação do Campo: Ciências Naturais, Matemática e Ciências Agrárias, presidida pelo Coordenador dos Cursos, Vitor de Moraes. Fizeram-se presentes à sessão os demais membros: Ana Cristina Hammel, Joaquim Gonçalves da Costa, Ricardo Key Yamazaki, Vivian Machado de Menezes, Yasmine Miguel Serafini Micheletto e como convidada a técnico administrativa Suelen Spindula Bilhar que fará parte do GT que cuidará da reformulação do PPC. Justificaram a ausência: Marciane Maria Mendes. O coordenador iniciou a reunião informando que é esta a primeira reunião do ano, a primeira presencial após o período de trabalho remoto e que também é a primeira reunião do NDE sob a sua coordenação, após deu início a pauta. 1. Expediente: 1.1 Estudo e construção do Edital do processo, de provimento de vagas no curso de Licenciatura Interdisciplinar em Educação do Campo: Ciências da Natureza. Edital do processo seletivo – UFFS. Panorama das matrículas via SISU 2022: a) O Coordenador informou que esforços vinham sendo realizados para que o curso pudesse elaborar um edital próprio, conforme definido em reunião do Colegiado e inserido como ponto de pauta para esta discussão no NDE, mas que, tendo em vista a reunião com a Prograd no período da manhã deste mesmo dia, na qual os coordenadores receberam a informação de que será lançado um edital contemplando todos os cursos dos campi, o qual visa preencher as vagas remanescentes do processo seletivo regular (SISU), a discussão proposta não será mais necessária, sendo optado pela adesão ao edital geral da instituição, tendo em vista que deve ser publicado no dia vinte e cinco e que para um edital próprio, o tempo necessário para o trâmite é bem mais longo. O Coordenador expôs os dados utilizados pela Prograd para a decisão por um edital geral, sendo que o baixíssimo número de matrículas para o processo regular que ocorreu em todas as universidades federais, foi determinante, sendo constatado que a queda no número de matrículas ocorreu em todos os cursos da UFFS, refletindo a mesma realidade do nível nacional. b) O Coordenador informou que material de divulgação será encaminhado para o campus e que caberá ao NDE a definição de plano de ação para a divulgação do Processo Seletivo Simplificado, que tem como critério para a inscrição, primeiramente a conclusão do ensino médio, seguido de manifestação de intenção por meio de escrita e a idade. Os presentes fizeram considerações e apresentaram sugestões que serão viabilizadas após o cronograma do processo estar disponibilizado. Entre as ações foi proposto o mapeamento dos pontos que poderiam gerar melhores resultados na divulgação, a utilização dos meios de comunicação local e verificação de estrutura de transporte de estudantes nos municípios vizinhos, municípios estes que poderão ser incluídos no plano de divulgação. 2. Reformulação do Projeto Pedagógico – curricularização da extensão: 2.1 O Coordenador informou que a reformulação dos PPCs foi pauta na reunião da Prograd, que informações quanto aos procedimentos foram passadas, mas ainda sem datas definidas para cada ação e que algumas definições quanto a curricularização da extensão, acontecerão no Fórum das Licenciaturas que está programado para ocorrer no dia dezoito de março, na qual será estudada a Resolução nº 93/CONSUNI/UFFS/2021 e Resolução CNE/CP Nº 2, de 20 de dezembro de 2019. Informou que a data para enviar os nomes da composição do GT é até dia trinta e um de março e a partir das definições da conferência das licenciaturas o grupo trabalhará na reformulação do PPC, contando com as palestras/módulos formativos que virão em forma de vídeos, a serem disponibilizados para nortear os trabalhos do GT, visando a reformulação do PPC, incluíndo neste a curricularização da extensão. O Coordenador informou que o primeiro passo para os trabalhos da reformulação do PPC deve ser a verificação quanto a atender o que pede a Resolução CNE/CP Nº 2, de 20 de dezembro de 2019. Informou também que foi criada uma comissão para avaliação da evasão/retenção no campus, visando levantar dados para sinalizar as mudanças dos projetos pedagógicos. 2.2 O Coordenador expôs a resolução noventa e três e os presentes fizeram considerações quanto as possibilidades para as alterações necessárias no PPC, visando definir a metodologia a ser usada, considerando também a possibilidade da redução da carga horária total do curso. 2.3 Encaminhamentos: a) O NDE definiu que os trabalhos serão divididos por área de conhecimento sendo que para o domínio específico o docente Ricardo Key Yamazaki será responsável pela verificação dos componentes de biologia, a docente Viviam Machado de Menezes será responsável pelos componentes de física e a docente Yasmine Miguel Serafini Micheletto será responsável pelos componentes de química. Para os componentes do domínio comum será responsável o docente Vitor de Moraes e para os componentes do domínio conexo será responsável o docente Joaquim Gonçalves da Costa e Ana Cristina Hammel. b) O PPC será disponibilizado no drive para que as contribuições sejam realizadas no documento pela comissão, visando definir uma proposta a ser apresentada em assembleia, para explicação e conhecimento dos docentes. c) Foi marcada a próxima reunião para o dia doze de abril as nove horas da manhã em local a ser definido. 3. Encerramento: Sendo dezesseis horas e cinco minutos e não havendo mais nada a tratar, foi encerrada a sessão, da qual eu, Marcia Regina Maximowski, Assistente em Administração, lotada na Secretaria Geral de Cursos, lavrei a presente Ata que será enviada aos membros para aprovação e, aprovada, será assinada por mim e pelo Coordenador do Curso que presidiu esta primeira reunião ordinária do NDE.

Marcia Regina Maximowski__________________________

Vitor de Moraes _______________________

Laranjeiras do Sul-PR, 17 de março de 2022.

Vitor de Moraes

Presidente do Núcleo Docente Estruturante do Curso de Educação do Campo: Ciências da Natureza Interdisciplinar do Campus Laranjeiras do Sul

CONSUNI CGAE

ATA DA 2ª SESSÃO ORDINÁRIA DE 2022 DA CÂMARA DE GRADUAÇÃO E ASSUNTOS ESTUDANTIS

Aos dezesseis dias do mês de março do ano de dois mil e vinte e dois, às oito horas e dezoito minutos, pelo sistema Cisco Webex Meetings, foi realizada a 2ª Sessão Ordinária da Câmara de Graduação e Assuntos Estudantis (CGAE), do Conselho Universitário (CONSUNI), da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS), presidida pelo Pró-Reitor de Graduação da UFFS, Jeferson Saccol Ferreira. Fizeram­-se presentes à sessão, por videoconferência, os seguintes conselheiros: Rubens Fey (Pró-Reitor de Assuntos Estudantis); representantes docentes: Alessandra Regina Muller Germani (Campus Passo Fundo); Anderson André Genro Alves Ribeiro (Campus Erechim); Antonio Marcos Myskiw, Camila Elizandra Rossi (Campus Realeza); Tiago da Costa, Silvia Romão, Josimeire Aparecida Leandrini (suplente) (Campus Laranjeiras do Sul); Élsio José Corá, Ari José Sartori (suplente), Siumar Pedro Tironi (suplente) (Campus Chapecó); Rosemar Ayres dos Santos, Anderson Spohr Nedel (Campus Cerro Largo); representantes discentes: Guilherme José Schons (suplente) (Campus Erechim); Benedito Kayo Lemos De Brito Costa (Campus Laranjeiras do Sul); Natan Chiarello Amaro (Campus Passo Fundo); não compareceram à sessão por motivos justificados os conselheiros: representantes dos técnico-administrativos em educação: Ronnie Reus Schroeder e Juliani Borchardt da Silva (suplente) (Campus Cerro Largo). Também, estiveram presentes: Eleine Maestri, Neuza Maria Franz Blanger, Adriana Folador, Sandra de Avila Farias Bordignon, Alexandre Fassina (PROGRAD/DOP); Maiquel Tesser (PROGRAD/DRA); Márcio do Carmo Pinheiro (Coordenador Acadêmico Campus Cerro Largo), Cristiane de Quadros, Jose Oto Konzen, Valdete Boni, (Coordenadora do Curso de Ciências Sociais Campus Chapecó), Sandra Pierozan (Coordenadora Acadêmica Campus Erechim), Dulce Maria Di Mare (PROAE). Conferido o quórum, o Presidente saudou a todos e passou ao Expediente, com a apreciação da Ata da 1ª Sessão Ordinária da CGAE, realizada em 07/02/2022. Registra-se que não houve manifestações contrárias e a ata foi aprovada. Comunicados. O Presidente informou que foi encaminhado o Ofício Circular nº 04/2022-PROGRAD às Direções de Campus, Coordenações Acadêmica e Coordenações de Curso, que trata sobre encaminhamentos/contextualização relacionados ao SiSU, Processo Seletivo Simplificado (PSS) e Reformulações dos Projetos Pedagógicos de Cursos (PPCs). O conselheiro Guilherme José Schons informou que protocolizou para análise da CGAE o processo nº 23205.007049/2022-14 que trata sobre proposta de alteração da Resolução nº 6/CONSUNI/CGRAD/UFFS/2012, de modo a incluir pessoas trans e travestis no modelo de reserva de vagas da política de ingresso nos cursos de graduação da UFFS. Encerrados os comunicados, passou-se à 2) Ordem do dia: 2.1 Processo nº 23205.005817/2022-97 - Solicitação de autorização de oferta de turma do Curso de Matemática - Licenciatura, Campus Cerro Largo, para o primeiro semestre letivo de 2022; 2.2 Processo nº 23205.006500/2022-78 -  Definição de prazos para reformulação dos Projetos Pedagógicos dos Cursos de Graduação da UFFS e encaminhamentos para migração; 2.3 Processo nº 23205.023436-2021-17 - Revogação da Resolução Nº 10/CONSUNI CGAE/UFFS/2016, e proposta de elaboração de uma nova Resolução para análises Socioeconômicas; apreciação do Parecer da conselheira relatora Silvia Romão; 2.4. Processo nº 23205.029506/2021-32 - Solicitação de alteração no PPC do Curso de Ciências Sociais - Licenciatura, Campus Chapecó; apreciação do Parecer do conselheiro relator Élsio José Corá; 2.5 Processo nº 23205.000975/2022-51 - Proposta de Projeto Pedagógico do Curso de Pedagogia - Licenciatura, Campus Realeza; apreciação do Parecer do conselheiro relator Tiago da Costa. Após a apresentação da pauta, o Conselheiro Tiago da Costa solicitou alteração na ordem de apreciação dos pontos de pauta, para que o item 2.5 Processo nº 23205.000975/2022-51 - Proposta de Projeto Pedagógico do Curso de Pedagogia - Licenciatura, Campus Realeza, tivesse tempo hábil para análise na sessão do dia. Houve consenso pela alteração da pauta. A ordem do dia ficou assim definida: 2.1 Processo nº 23205.005817/2022-97 - Solicitação de autorização de oferta de turma do Curso de Matemática - Licenciatura, Campus Cerro Largo, para o primeiro semestre letivo de 2022; 2.2 Processo nº 23205.006500/2022-78 -  Definição de prazos para reformulação dos Projetos Pedagógicos dos Cursos de Graduação da UFFS e encaminhamentos para migração; 2.3 Processo nº 23205.000975/2022-51 - Proposta de Projeto Pedagógico do Curso de Pedagogia - Licenciatura, Campus Realeza; apreciação do Parecer do conselheiro relator Tiago da Costa;  2.4. Processo nº 23205.029506/2021-32 - Solicitação de alteração no PPC do Curso de Ciências Sociais - Licenciatura, Campus Chapecó; apreciação do Parecer do conselheiro relator Élsio José Corá; 2.5 Processo nº 23205.023436-2021-17 - Revogação da Resolução Nº 10/CONSUNI CGAE/UFFS/2016, e proposta de elaboração de uma nova Resolução para análises Socioeconômicas; apreciação do Parecer da conselheira relatora Silvia Romão. Logo, passou-se ao item 2.1 Processo nº 23205.005817/2022-97 - Solicitação de autorização de oferta de turma do Curso de Matemática - Licenciatura, Campus Cerro Largo, para o primeiro semestre letivo de 2022. O Presidente apresentou a matéria, e passou a palavra para o Coordenador Acadêmico do Campus Cerro Largo, professor Márcio do Carmo Pinheiro, realizar os devidos esclarecimentos aos conselheiros. Na sequência, aberto espaço para discussão, não houve questionamentos quanto ao mérito da solicitação e a matéria foi aprovada por consenso. Deverá ser publicada Decisão da CGAE. Na sequência, passou-se ao item 2.2 Processo nº 23205.006500/2022-78 -  Definição de prazos para reformulação dos Projetos Pedagógicos dos Cursos de Graduação da UFFS e encaminhamentos para migração. O Presidente apresentou a matéria, e após discussão dos conselheiros, deliberou-se pela não aprovação da proposta, tendo em vista a complexidade dos temas, situações que vão além das competências da CGAE. Em seguida, passou-se ao item 2.3 Processo nº 23205.000975/2022-51 - Proposta de Projeto Pedagógico do Curso de Pedagogia - Licenciatura, Campus Realeza; apreciação do Parecer do conselheiro relator Tiago da Costa. O conselheiro relator apresentou o parecer e o voto, no qual manifesta voto favorável à aprovação do Projeto Pedagógico de Pedagogia – Licenciatura, Campus Realeza, com as seguintes ressalvas: 1. Adequar o documento quanto à forma e conteúdo, conforme modelo disponibilizado pela UFFS para o PPC de cursos de licenciaturas, inserindo e organizando sequencialmente o texto dos seguintes itens: 8.13 - Resumo de créditos e carga horária dos estágios, ACCs e TCC; 8.14 - Análise vertical e horizontal da matriz curricular (representação gráfica); 8.15 - Modalidades de componentes curriculares presentes na matriz do curso: 8.16 - Componentes curriculares; 2. Adequar a inserção da carga horária de extensão e cultura no currículo do Curso, tomando por base as recomendações da Resolução 93/CONSUNI/UFFS/2021. Na sequência, em votação, o parecer do relator foi aprovado por consenso. Ficou definido que, após os ajustes pertinentes, a DOP encaminhará o processo para homologação da CGAE. A seguir, passou-se ao item 2.4. Processo nº 23205.029506/2021-32 - Solicitação de alteração no PPC do Curso de Ciências Sociais - Licenciatura, Campus Chapecó; apreciação do Parecer do conselheiro relator Élsio José Corá. O conselheiro relator fez a leitura do parecer e do voto. Na sequência, abriu-se espaço para a manifestação. Iniciadas as discussões e considerando o horário regimental de duração da sessão de 04 (quatro) horas, o presidente suspendeu a matéria para ter continuidade na próxima sessão ordinária. Dessa forma, o item 2.5 também será retomado na próxima sessão. Registramos que a íntegra das votações e discussões realizadas nesta sessão encontram-se disponíveis para consulta, em áudio e vídeo, junto à respectiva Secretaria desta Câmara. Nada mais havendo a tratar, o Presidente agradeceu a presença de todos e encerrou a sessão às doze horas e dezessete minutos, da qual eu, Noemia Salete Wismann, Administradora, lavrei a presente Ata que, aprovada, será devidamente assinada por mim e pelo presidente.

Chapecó-SC, 16 de março de 2022.

Jeferson Saccol Ferreira

Presidente da Câmara de Graduação e Assuntos Estudantis

Autoriza a oferta de turma do Curso de Graduação em Matemática, Licenciatura, para o primeiro semestre letivo de 2022, Campus Cerro Largo, da Universidade Federal da Fronteira Sul.

 

O PRESIDENTE DA CÂMARA DE GRADUAÇÃO E ASSUNTOS ESTUDANTIS (CGAE) DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO (CONSUNI) DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições legais, considerando o Regimento Interno do CONSUNI e Processo nº 23205.005817-2022-97,

 

DECIDE:

 

Art. Autorizar a oferta de turma do Curso de Graduação em Matemática, Licenciatura, para o primeiro semestre letivo de 2022, Campus Cerro Largo, da Universidade Federal da Fronteira Sul.

 

Art. 2º Esta Decisão entra em vigor na data de sua publicação no Boletim Oficial da UFFS.

 

Sala das Sessões da Câmara de Graduação e Assuntos Estudantis do Conselho Universitário (pelo sistema Cisco Webex Meetings), 2ª Sessão Ordinária, em Chapecó-SC, 16 de março de 2022.

 

 

 

JEFERSON SACCOL FERREIRA

Presidente da Câmara de Graduação e Assuntos Estudantis

 

 

MARCELO RECKTENVALD

Presidente do Conselho Universitário

 

Chapecó-SC, 18 de março de 2022.

Jeferson Saccol Ferreira

Presidente da Câmara de Graduação e Assuntos Estudantis

CONSUNI CAPGP

ATA DA 2ª SESSÃO ORDINÁRIA DE 2022 DA CÂMARA DE ADMINISTRAÇÃO, PLANEJAMENTO E GESTÃO DE PESSOAS

Aos dezoito dias do mês de março de dois mil e vinte e dois, às treze horas e quarenta e cinco minutos, através de videoconferência pela plataforma Cisco Webex Meetings, com transmissão pelo Facebook - Conselhos Superiores da UFFS, foi realizada a Segunda Sessão Ordinária da Câmara de Administração, Planejamento e Gestão de Pessoas (CAPGP) da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS), presidida pelo Pró-reitor de Planejamento, Everton Miguel da Silva Loreto. Participaram da sessão os seguintes conselheiros titulares: Charles Albino Schultz (Pró-Reitor de Administração e Infraestrutura em exercício). Diretores de Campus: Luis Fernando Santos Corrêa da Silva (Campus Erechim), Bruno München Wenzel (Campus Cerro Largo). Docentes: Anderson Funai (Campus Chapecó), Ilton Benoni da Silva (Campus Erechim). Técnico-administrativos em Educação (TAEs): Elisângela Ribas dos Santos (Campus Chapecó), Guilhermo Romero (Campus Erechim), Edson Antonio Santolin (Campus Realeza) e Fabriela Soriane dos Santos (Reitoria). Suplentes no exercício da titularidade: Ademir Roberto Freddo (Direção Campus Realeza), Claudio Claudino da Silva Filho (Docente Campus Chapecó), Edison Kjyoshi Tsutsumi (Docente Campus Erechim), Izabel Aparecida Soares (Docente Campus Realeza). Suplentes que acompanharam a sessão: Sandra Simone Hopner Pierozan (Direção Campus Erechim), Viviane Marmentini (TAE Campus Erechim), Marcio Pedroso Barbosa (TAE Reitoria). Ausências justificadas: Roberto Mauro Dall’Agnol (Direção Campus Chapecó) e Claunir Pavan (Pró-Reitor de Gestão de Pessoas). Ausentes sem justificativa: Julio César Stobbe e Leandro Tuzzin (titular e suplente da Direção Campus Passo Fundo), Gabriela Gonçalves de Oliveira (suplente da Direção Campus Chapecó), Martinho Machado Junior e Thiago Bergler Bitencourt (titular e suplente da Direção Campus Laranjeiras do Sul), Jaime Giolo e Regina Inês Kunz (Docentes titular e suplente Campus Passo Fundo), Iara Maria Adriano e Darilene Silva Andrade (Discentes titular e suplente do Campus Realeza). Conferido o quórum regimental, o presidente declarou aberta a sessão. Em seguida, passou ao Expediente: 1.1 Apreciação da Ata da 1ª Sessão Ordinária de 2022: a ata foi aprovada por consenso. 1.2 Comunicados: O Presidente informou que no e-mail de convocação para a sessão foram enviados os seguintes processos para conhecimento dos conselheiros: o Processo 23205.004391-2022-54, que traz a resposta da Auditoria Interna ao questionamento da comissão relatora, composta pelos conselheiros Ilton Benoni da Silva, Luis Fernando Santos Corrêa da Silva e Marcos Antônio Beal, no parecer relativo ao PAINT 2022; e o Processo 23205.003616-2022-55, que traz o Relatório Anual de Auditoria Interna – RAINT do exercício 2021. Informou ainda que justificaram ausência na sessão: os conselheiros Roberto Mauro DallAgnol, Roseana Tenutti Setti e Claunir Pavan, por motivo de férias. Sem mais comunicados, o Presidente submeteu aos conselheiros a Ordem do Dia, solicitando a inclusão, em regime de urgência, do Processo 23205.007613/2022-91, de solicitação de homologação do Edital de Concurso Docente 2022, como item 2.2 da pauta, justificando que o concurso precisa ter o resultado homologado até o dia dois de julho de 2022, para que seja possível a nomeação dos aprovados durante o período eleitoral, conforme orientação da AGU. A alteração da pauta foi aprovada por consenso. Em seguida, o Presidente passou à apreciação dos itens: 2.1 Processo 23205.003424/2022-49 - Indicação de permanência da servidora Deisi Maria dos Santos Klagenberg no cargo de Auditor-Chefe da UFFS, para designação de relatoria. O Presidente pediu para os conselheiros manifestarem interesse em relatar a matéria. A conselheira Elisângela Ribas dos Santos manifestou interesse e teve o pedido acolhido. 2.2 Processo nº 23205.007613/2022-91 Homologação do Edital de Concurso Docente 2022, em regime de urgência. Foi deliberado por consenso a homologação do edital. 2.3 Processo 23205.003811/2014-75Avaliação de desempenho do Reitor Marcelo Recktenvald, para emissão de declaração atestando seu desempenho no período de 27/01/2021 a 26/01/2022, para apreciação do parecer da relatora Fabriela Soriane dos Santos. A conselheira apresentou seu parecer com o voto: “Declara que o Professor Marcelo Recktenvald, Matrícula Siape 1800982, cumpriu satisfatoriamente os quesitos acima relacionados ao período avaliativo de 27/01/2021 a 26/01/2022.” O voto foi aprovado com duas abstenções (Elisângela Ribas dos Santos e Anderson Funai). Cumprida a ordem do dia, sendo catorze horas e dez minutos, o presidente declarou encerrada a sessão, da qual eu Aline Voss Perin, Secretária da Câmara de Administração, Planejamento e Gestão de Pessoas, lavrei a presente Ata que, aprovada, será devidamente assinada por mim e pelo presidente.

Chapecó-SC, 18 de março de 2022.

Claunir Pavan

Presidente da Câmara de Administração, Planejamento e Gestão de Pessoas

Homologa o Edital de Concurso Público para o Magistério Superior do ano de 2022.

O PRESIDENTE EM EXERCÍCIO DA CÂMARA DE ADMINISTRAÇÃO, PLANEJAMENTO E GESTÃO DE PESSOAS (CAPGP) DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO (CONSUNI) DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições legais,

 

 

RESOLVE:

 

 

Art. 1º Homologar o Edital de Concurso Público para o Magistério Superior do ano de 2022, parte integrante do Processo nº 23205.007613/2022-91, conforme Anexo I.

 

Art. 2º Esta resolução entra em vigor na data de sua publicação, tendo em vista o disposto no parágrafo único do art. 4º do Decreto nº 10.139/2019.

 

Sala das Sessões da Câmara de Administração, Planejamento e Gestão de Pessoas do Conselho Universitário (em caráter excepcional, por meio de sistema de videoconferência Webex), 2ª Sessão Ordinária, em Chapecó-SC, 18 de março de 2022.

 

 

 

EVERTON MIGUEL DA SILVA LORETO

Presidente da Câmara de Administração, Planejamento e Gestão de Pessoas em exercício

 

 

 

MARCELO RECKTENVALD

Presidente do Conselho Universitário

 

ANEXO I DA RESOLUÇÃO Nº 38/CONSUNI/CAPGP/UFFS/2022

EDITAL Nº XXX/GR/UFFS/2022

CONCURSO PÚBLICO PARA O MAGISTÉRIO SUPERIOR

 

O REITOR DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições legais, pública a abertura de inscrições e estabelece as normas para a realização de Concurso Público destinado a selecionar candidatos para provimento de cargos da Carreira do Magistério Superior, para o Quadro Permanente da UFFS, sob o Regime Jurídico Único dos Servidores Públicos Civis da União, Autarquias e das Fundações Públicas e Federais, em conformidade com a Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990; Lei nº 11.784, de 22 de setembro de 2008; Lei nº 12.029, de 15 de setembro de 2009; Portaria nº 243, de 3 de março de 2011; Decreto nº 7.485, de 18 de maio de 2011; Lei nº 12.772, de 28 de dezembro de 2012; Decreto nº 8.259, de 29 de maio de 2014; Lei nº 12.990, de 9 de junho de 2014; Portaria Normativa SEGRT/MP nº 4, de 6 de abril de 2018; Lei nº 13.656, de 30 de abril de 2018; Decreto nº 9.508, de 24 de setembro de 2018; e Decreto nº 9.739, de 28 de março de 2019 para os campi da Universidade Federal da Fronteira Sul, conforme a seguir especificado:

  

1    DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 

1.1 Este Concurso Público será executado pela Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS).

1.2 Todas as informações relativas a este Concurso Público serão publicadas no sítio https://concursos.uffs.edu.br/.

1.3 O candidato é único e exclusivo responsável pelo acompanhamento das publicações referentes a todas as etapas do certame.

1.4 Os horários divulgados neste Edital e em publicações futuras, observam o horário oficial de Brasília/DF.

1.5 Todas as etapas do Concurso serão realizadas na cidade de Chapecó – SC.

1.6 Este Edital possui sete anexos: Anexo I – Relação das áreas, vagas, regime de trabalho e campus; Anexo II – Requisitos específicos para cada área de conhecimento; Anexo III – Pontos para as provas de conhecimento e didática; Anexo IV – Critérios de avaliação para a prova de conhecimento; Anexo V – Pontuação para a prova de títulos; Anexo VI – Critérios de avaliação para a prova didática; Anexo VII – Atribuições do Cargo de Professor do Magistério Superior Federal.

1.7 A qualquer tempo, o presente Edital poderá ser revogado ou anulado, no todo ou em parte, seja por decisão unilateral da UFFS, seja por motivo de interesse público, decretos governamentais ou exigência legal, em decisão fundamentada, sem que isso implique direitos à indenização ou à reclamação de qualquer natureza.

1.8 A jornada de trabalho dos candidatos aprovados e nomeados deverá ser cumprida durante o turno diurno e/ou noturno, para o desenvolvimento das atribuições do cargo conforme indicados no Anexo VII, de acordo com as necessidades da UFFS.

 

 2. CRONOGRAMA

ETAPAS

DATA E HORÁRIO

Realização de sorteio das vagas (Anexo I) a serem reservadas a PcD e Negros

23/03/2022

Período de Inscrições

24/03/2022 à 22/04/2022

Pagamento da Taxa de Inscrição e Envio de Comprovantes por email

Até 22/04/2022

Solicitação de Isenção da Taxa de Inscrição

24/03/2022 à 04/04/2022

Publicação de Lista de Isenção da Taxa de Inscrição

A partir de 08/04/2022

Homologação Provisória das Inscrições

A partir de 25/04/2022

Homologação Final das Inscrições

A partir de 29/04/2022

Publicação da Portaria de Designação das Bancas Examinadoras

A partir de 09/05/2022

Sorteio do Ponto para a Prova de Conhecimentos

29/05/2022 às 13h20

Sorteio do Ponto para a Prova Didática

29/05/2022 às 13h20

Publicação do Ponto Sorteado para a Prova Didática

A partir de 29/05/2022

Prova de Conhecimentos

29/05/2022 às 13h30

Publicação do Resultado Provisório da Prova de Conhecimentos

A partir de 30/05/2022

Homologação Final do Resultado da Prova de Conhecimentos

A partir de 02/06/2022

Publicação do local e horário da Prova Didática

A partir de 29/05/2022

Prova Didática e Entrega dos Comprovantes de Títulos

A partir de 05/06/2022

Homologação Provisória da Prova de Títulos

A partir de 06/06/2022

Homologação Final da Prova de Títulos

A partir de 09/06/2022

Homologação Provisória do Resultado Final do Concurso

A partir de 13/06/2022

Homologação Final do Resultado Final do Concurso

A partir de 16/06/2022

 

 

3 DA REMUNERAÇÃO

 

3.1 Tabela de Remuneração

a) Professor de Magistério Superior - Regime de trabalho: 20 horas semanais.

CARGO/REGIME DE TRABALHO

PROFESSOR DE MAGISTÉRIO SUPERIOR
20 HORAS SEMANAIS

CLASSE

AUXILIAR - A

ASSISTENTE – A

ADJUNTO - A

Vencimento Básico

R$ 2.236,32

R$ 2.236,32

R$ 2.236,32

Retribuição por Titulação

R$ 223,63

R$ 559,08

R$ 1.285,89

Auxílio Alimentação

R$ 229,00

R$ 229,00

R$ 229,00

TOTAL

R$ 2.688,95

R$ 3.024,40

R$ 3.751,21

 

b) Professor de Magistério Superior - Regime de trabalho: 40 horas Dedicação Exclusiva.

CARGO/REGIME DE TRABALHO

PROFESSOR DE MAGISTÉRIO SUPERIOR
40 HORAS - DEDICAÇÃO EXCLUSIVA

CLASSE

AUXILIAR

ASSISTENTE - A

ADJUNTO - A

Vencimento Básico

R$ 4.472,64

R$ 4.472,64

R$ 4.472,64

Retribuição por Titulação

R$ 894,53

R$ 2.236,32

R$ 5.143,54

Auxílio Alimentação

R$ 458,00

R$ 458,00

R$ 458,00

TOTAL

R$ 5.825,17

R$ 7.166,96

R$ 10.074,18

 

4 DAS INSCRIÇÕES

4.1 O período de inscrições está disposto no cronograma deste edital.

4.2 O candidato deverá acompanhar os editais de homologação das inscrições.

4.3 O valor da taxa de inscrição será de R$ 250,00 (duzentos e cinquenta reais) para todos os cargos.

4.3.1 A taxa de inscrição será restituída apenas em caso de cancelamento do certame.

4.4 Dos Procedimentos para Inscrição

4.4.1 A inscrição do candidato deverá ser efetuada para um único campus da UFFS e em uma única área de conhecimento. Na hipótese de múltiplas inscrições pagas, será considerada apenas a mais recente.

4.4.2 A inscrição será efetuada exclusivamente pela Internet, no sítio https://concursos.uffs.edu.br/.

4.4.3 Para inscrever-se o candidato deverá:

a) Acessar o sítio https://concursos.uffs.edu.br/ e preencher o Requerimento de Inscrição e salvar/guardar o Comprovante de Inscrição gerado ao final;

b) Após finalizar o envio do Requerimento de Inscrição, imprimir a Guia de Recolhimento da União (GRU) e o Comprovante de Requerimento de Inscrição;

c) Efetuar o pagamento da GRU até o dia indicado no cronograma deste edital;

d) Realizar o pagamento exclusivamente em agências do Banco do Brasil S.A. (observado o horário de funcionamento das agências);

e) Enviar o comprovante de inscrição e comprovante de pagamento da GRU para o e-mail concursos@uffs.edu.br, com assunto “Inscrição Concurso”, até o dia indicado no cronograma deste edital.

 

4.5 Das Disposições Gerais sobre a Inscrição

4.5.1 A responsabilidade pelo provimento de informações verdadeiras no requerimento de inscrição é inteiramente do candidato.

4.5.2 Terá a inscrição indeferida o candidato que não atender rigorosamente ao estabelecido neste Edital.

4.5.3 Observada a ocorrência de falsificação ou alteração de algum documento ou declaração, a falta de entrega de documentos comprobatórios exigidos, ou a prática de qualquer outro ato irregular no certame, o candidato será automaticamente excluído deste Concurso Público.

4.5.4 O candidato que necessitar qualquer tipo de condição especial para a realização das provas deverá solicitá-la no Requerimento de Inscrição, indicando claramente quais são os recursos especiais necessários (materiais, equipamentos, serviços, etc.).

4.5.5 A candidata lactante que desejar amamentar durante a realização das provas deverá informar essa condição no ato da inscrição e, no dia da prova, levar um acompanhante (maior de dezoito anos), que ficará em sala reservada para essa finalidade e que será responsável pela guarda da criança.

4.5.5.1 Ao acompanhante não será permitido o uso de quaisquer dos objetos e equipamentos descritos no item 8.2.7.1 deste Edital durante a realização do certame.

4.5.6 A solicitação de condições especiais será atendida obedecendo a critérios de viabilidade e de razoabilidade.

4.5.7 Não serão concedidas condições especiais não solicitadas no ato da inscrição.

4.5.8 A UFFS não se responsabiliza por solicitações de inscrição via Internet não recebidas por motivo de ordem técnica dos equipamentos, falhas de comunicação, congestionamento das linhas de comunicação, bem como outros fatores que impossibilitem a transferência de dados.

4.5.9 É vedada a inscrição condicional e/ou extemporânea, bem como por qualquer forma não prevista neste Edital.

4.5.10 Não haverá isenção da taxa de inscrição (total ou parcial), exceto para os candidatos amparados pela Lei nº 13.656, de 30 de abril de 2018, quais sejam: I - os candidatos que pertençam a família inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico), do Governo Federal, cuja renda familiar mensal per capita seja inferior ou igual a meio salário mínimo nacional; II - os candidatos doadores de medula óssea em entidades reconhecidas pelo Ministério da Saúde.

4.5.10.1 O cumprimento dos requisitos para a concessão da isenção deverá ser comprovado pelo candidato no momento da inscrição.

4.5.10.2 O candidato que prestar informação falsa com o intuito de usufruir da isenção de que trata o item 3.4.10 estará sujeito a: I - cancelamento da inscrição e exclusão do concurso, se a falsidade for constatada antes da homologação de seu resultado; II - exclusão da lista de aprovados, se a falsidade for constatada após a homologação do resultado e antes da nomeação para o cargo; III - declaração de nulidade do ato de nomeação, se a falsidade for constatada após a sua publicação.

4.5.11 A solicitação de isenção da taxa de inscrição deve ser indicada no formulário de Requerimento de Inscrição, selecionando opção correspondente. Ainda, no período indicado no cronograma deste Edital, o candidato deve apresentar a seguinte documentação:

I - Para candidatos pertencentes a famílias inscritas no CadÚnico:

a) Comprovante de inscrição no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico), do Governo Federal;

b) Cópia dos documentos de identificação de todos os membros da família;

c) Comprovante de renda do último mês de todos os membros da família.

II - Para candidatos doadores de medula óssea:

a) Comprovante de cadastro no Registro Nacional de Doadores de Medula (Redome) e/ou entidades reconhecidas pelo Ministério da Saúde.

4.5.11.1 A documentação listada no item 4.5.11 e o Comprovante de Inscrição deverão ser enviados para o e-mail inscricao.concursos@uffs.edu.br, até às 23h59 do último dia indicado para solicitação de isenção de taxa de inscrição, com o assunto “Solicitação de Isenção”.

4.5.11.2 Ao fazer o requerimento de isenção da taxa de inscrição o candidato declara que todas as informações prestadas são verdadeiras, estando ciente das penalidades a que está sujeito em caso de informação falsa, nos termos da Lei nº 13.656, de 30 de abril de 2018.

4.5.11.3 Não caberá recurso quanto ao indeferimento dos pedidos de isenção da taxa de inscrição.

4.5.12 O resultado do pedido de isenção da taxa de inscrição será divulgado conforme previsto no cronograma deste edital, de forma a possibilitar aos candidatos que não tiveram a isenção da taxa de inscrição deferida participar do certame com o preenchimento de um novo Requerimento de Inscrição.

4.5.13 Os candidatos que tiverem seu pedido de isenção da taxa de inscrição indeferido, poderão efetuar novo Requerimento de Inscrição e efetuar o pagamento da taxa de inscrição, dentro do prazo indicado no cronograma deste Edital.

4.5.14 São considerados documentos de identidade para preenchimento do Requerimento de Inscrição: carteiras expedidas pelos Ministérios Militares, pelas Secretarias de Segurança Pública e pelos Corpos de Bombeiros Militares, carteiras expedidas pelos órgãos fiscalizadores de exercício profissional (Ordens, Conselhos, etc.), Passaporte, Certificado de Reservista, Carteiras Funcionais expedidas por órgão público que, por Lei Federal, valham como documento de identidade, Carteira de Trabalho e Carteira Nacional de Habilitação (somente o modelo novo, com foto).

4.5.14.1 O documento de identificação apresentado deve possuir foto que permita o reconhecimento de seu portador.

4.5.14.2 Para inscrições de candidatos estrangeiros será requerido como documento de identificação a cédula de identidade de estrangeiro ou o passaporte, exceto nos casos em que existam acordos ou tratados internacionais que prevejam equivalência de documentos de identidade.

 4.6 Do Candidato com Deficiência

4.6.1 Ao candidato com deficiência, amparado pelo Decreto nº 3.298, de 20 de dezembro de 1999, fica assegurado o direito de se inscrever em Concurso Público, em igualdade de condições com os demais candidatos, para provimento de cargos cujas atribuições sejam compatíveis com a sua deficiência.

4.6.2 O candidato com deficiência que necessitar de condições especiais para a realização das provas deverá informar no Requerimento de Inscrição as condições especiais de que necessita e encaminhar laudo médico emitido nos últimos doze meses, atestando a necessidade de tais condições à UFFS, com expressa referência ao código correspondente da Classificação Internacional de Doenças (CID-10), bem como a provável causa da deficiência.

4.6.3 As solicitações de condições especiais para a realização das provas serão atendidas obedecendo a critérios de viabilidade e de razoabilidade.

4.6.4 O candidato com deficiência que necessitar de tempo adicional para realização das provas deverá preencher Requerimento de Inscrição, com justificativa acompanhada de parecer emitido por médico especialista da área de sua deficiência.

4.6.5 Não serão considerados como deficiência visual os distúrbios de acuidade visual passíveis de correção simples do tipo miopia, astigmatismo, estrabismo e congêneres, conforme estabelecido pelo Decreto nº 3.298, de 20 de dezembro de 1999.

4.6.6 O candidato com deficiência que, no ato da inscrição, não declarar esta condição, não poderá interpor recurso em favor de sua situação.

4.6.7 Os candidatos com deficiência participarão do Concurso em igualdade de condições com os demais candidatos no que tange ao horário de início, ao conteúdo e à correção das provas, assim como aos critérios de aprovação.

4.7 Da Entrega ou Envio dos Documentos referentes à Condição Especial ou à Condição de Deficiência.

4.7.1 Os documentos (original ou cópia autenticada) de que tratam os itens 4.6.2 e 4.6.4 deverão ser entregues juntamente com cópia do Requerimento de Inscrição, no período de inscrição, via Sedex com Aviso de Recebimento – AR, para UFFS – CONCURSO UFFS, Universidade Federal da Fronteira Sul,  Av. Fernando Machado, 108 E, Caixa Postal 181, Bairro: Centro, Chapecó - SC, CEP: 89802-112.

4.8 Da Inscrição e Reserva de Vagas para Candidato com Deficiência (PcD)

4.8.1 Às pessoas com deficiência (PcD), nos termos do art. 37, inciso VIII da Constituição Federal, da Lei Federal nº 7.853/89 e do Decreto Federal nº 9.508/18, é assegurado o direito de se inscrever neste Concurso, desde que as atribuições do cargo pretendido sejam compatíveis com a sua deficiência.

4.8.2 Os candidatos que, no ato da inscrição, declararem-se com deficiência, se aprovados no concurso terão seus nomes publicados em lista à parte e figurarão também na lista de classificação geral por área do conhecimento/campus.

4.8.3 Aos candidatos inscritos como PcD serão reservadas 5% (cinco por cento) do total das vagas oferecidas, independente da área ou da lotação e caso esse percentual resulte em número fracionado, será considerado o primeiro número inteiro subsequente, desde que não ultrapasse 20% (vinte por cento), conforme estabelece o artigo 5º, § 2º do Lei Federal nº 8.112/90.

4.8.4 As vagas reservadas aos candidatos PcD deste concurso serão definidas em sessão pública de sorteio, na data estabelecida no Cronograma deste Edital.

4.8.5 Para as áreas de conhecimento não sorteadas para fins de reserva para candidatos PcD, a nomeação de candidatos classificados em lista PcD somente ocorrerá se o número total de candidatos empossados na respectiva área de conhecimento, por cidade de lotação, for superior a quatro, a fim de atender ao percentual mínimo de 5% (cinco por cento).

4.8.5.1 No caso de não haver candidato inscrito ou não habilitado para a vaga reservada por sorteio a candidatos inscritos como PcD, ou caso surjam novas vagas durante a vigência do concurso, a nomeação dar-se-á pela lista de candidatos aprovados da lista de ampla concorrência.

4.8.5.2 No surgimento de novas vagas, para áreas que não tiveram reserva a candidato PcD definida em sorteio, durante vigência do concurso, aplicando-se o percentual de cinco por cento das vagas para candidatos PcD, a 5ª vaga de cada cargo, por cidade de lotação, por antecipação do direito de reserva ao candidato PcD, será destinada ao primeiro candidato PcD classificado e homologado para a referida vaga. Enquanto os demais candidatos PcD classificados serão convocados, a cada intervalo de 20 vagas providas, para ocupar a 21ª, a 41ª, e a 61ª vagas, e assim sucessivamente, observada a ordem de classificação, relativamente à criação de novas vagas, durante o prazo de validade do concurso.

4.8.5.2.1 Somente haverá convocação se os candidatos tiverem sido homologados dentro do limite de vagas estabelecido no Decreto nº 9.739/19 computados os candidatos homologados na ampla concorrência, e os inscritos como Pessoa Negra.

4.8.6 O candidato com deficiência deverá declarar essa condição no ato da inscrição, especificando e comprovando a deficiência que possui em consonância com o art. 3º do Decreto Federal nº 9.508/18.

4.8.7 Os candidatos com deficiência, resguardadas as condições especiais previstas no Decreto nº 9.508/18, participarão do Concurso Público em igualdade de condições com os demais candidatos no que se refere ao conteúdo das provas, à avaliação, aos critérios de aprovação, ao horário e local de aplicação das provas e às notas mínimas exigidas.

4.8.8 Para concorrer a uma das vagas para candidatos com deficiência, o candidato deverá:

a) no ato da inscrição, declarar-se candidato com deficiência, selecionando a opção correspondente no formulário de inscrição;

b) encaminhar na forma do subitem 4.7.1 deste Edital, cópia simples do Requerimento de Inscrição e laudo médico (original ou cópia autenticada), emitido nos últimos doze meses, atestando a espécie e o grau ou nível da deficiência, com expressa referência ao código correspondente da Classificação Internacional de Doenças (CID-10).

4.8.8.1 O fornecimento do laudo médico (original ou cópia autenticada) e da cópia simples do Requerimento de Inscrição, conforme subitem 4.7.1, é de responsabilidade exclusiva do candidato. A UFFS não se responsabilizará por qualquer tipo de extravio que impeça a chegada dessa documentação a seu destino.

4.8.9 A relação dos candidatos que tiverem a inscrição deferida para concorrer na condição de candidato com deficiência será divulgada conforme cronograma deste edital.

4.8.9.1 O candidato poderá entrar com recurso administrativo em até 48 horas da Homologação Provisória das Inscrições. O recurso deverá ser encaminhado mediante envio de e-mail para: inscricao.concursos@uffs.edu.br, com as devidas justificativas e comprovantes. Após esse período, não serão aceitos pedidos de revisão.

4.8.10 Os candidatos que se declararem com deficiência, por ocasião da nomeação, serão convocados para se submeterem à perícia médica promovida por médico perito designado pela UFFS, que verificará a sua qualificação como deficiente ou não, ainda, no estágio probatório, haverá a designação de uma equipe multiprofissional que avaliará a compatibilidade entre as atribuições do cargo/área e a deficiência apresentada, nos termos do artigo 43 do Decreto nº 3.298, de 20 de dezembro de 1999 e suas alterações.

4.8.11 Os candidatos, quando convocados, deverão comparecer à perícia médica, munidos de laudo médico original ou cópia autenticada que ateste a espécie e o grau ou nível de deficiência, com expressa referência ao código correspondente da Classificação Internacional de Doenças (CID-10), conforme especificado no Decreto nº 3.298, de 20 de dezembro de 1999 e suas alterações.

4.8.11.1 A não-observância do disposto no subitem 4.8.12 deste Edital ou a reprovação na perícia médica acarretará a perda do direito ao pleito das vagas reservas aos candidatos com deficiência, sendo o candidato classificado apenas na lista geral por cargo/área de conhecimento/campus.

4.8.12 O candidato com deficiência reprovado na perícia médica ou no decorrer do estágio probatório, em virtude de incompatibilidade da deficiência com as atribuições do cargo/área de conhecimento, será exonerado.

4.8.13 Os candidatos com deficiência, aprovados dentro do número de vagas oferecido para ampla concorrência, não serão computados para efeito do preenchimento das vagas reservadas.

4.8.14 O número máximo de candidatos aprovados na Prova Objetiva e classificados na condição de PcD, observada a ordem de classificação e o número máximo de aprovados, conforme subitem 4.8.5.2 e subitem 8.2.12, segue a tabela a seguir:

Número máximo de candidatos aprovados no cargo
na lista de classificação geral

Número máximo de candidatos classificados
na condição de PcD

5

1

20

2

40

3

60

4

80

5

 

4.8.15 Os candidatos não classificados no número máximo de aprovados de que trata o subitem 4.8.14, ainda que tenham atingido nota mínima, estarão automaticamente desclassificados no concurso público.

4.8.16 A inobservância do disposto no item 4.8 e respectivos subitens deste Edital acarretará a perda do direito ao pleito das vagas reservadas aos candidatos com deficiência.

 4.9 Da inscrição e reserva de vagas para candidatos negros

4.9.1 Os candidatos que, no ato da inscrição, se autodeclararem negros para fins de reserva de vagas, se aprovados no concurso, terão seus nomes publicados em lista à parte e figurarão também na lista de classificação geral por área de conhecimento/campus.

4.9.1.1 O candidato que se declarar negro concorrerá em igualdade de condições com os demais candidatos.

4.9.2 Aos candidatos inscritos como negros para fins de reserva de vagas, serão reservadas 20% (vinte por cento) do total das vagas oferecidas no concurso.

4.9.2.1 Na hipótese de quantitativo fracionado para o número de vagas reservadas a candidatos negros, esse será arredondado para o primeiro número inteiro subsequente, em caso de fração igual ou maior que 0,5 (cinco décimos), ou para número inteiro imediatamente inferior, em caso de fração menor que 0,5 (cinco décimos).

4.9.3 A observância do percentual de vagas destinadas aos candidatos negros dar-se-á durante todo o período de validade do concurso público, considerando-se cada vaga por área de conhecimento e localidade.

4.9.4 As vagas reservadas aos candidatos negros deste Concurso serão definidas em sessão pública de sorteio, na data estabelecida no cronograma deste Edital.

4.9.5 No caso de não haver candidato inscrito ou não habilitado para a vaga reservada por sorteio a candidatos negros, ou caso surjam novas vagas durante a vigência do concurso, a nomeação dar-se-á pela lista de candidatos aprovados da lista de ampla concorrência.

4.9.6 No surgimento de novas vagas para cargos que não tiveram reserva a candidatos negros definida em sorteio, aplicando-se o percentual de vinte por cento das vagas para candidatos negros, a 3ª vaga de cada cargo, por cidade de lotação, por antecipação do direito de reserva, será destinada ao primeiro candidato negro classificado e homologado para a referida vaga, enquanto os demais candidatos negros classificados serão convocados, a cada intervalo de cinco vagas providas, para ocupar a 8ª, a 13ª, a 18ª e a 23ª vagas, e assim sucessivamente, observada a ordem de classificação e o número máximo de candidatos aprovados conforme subitem 8.2.12, relativamente à criação de novas vagas, durante o prazo de validade do concurso.

4.9.7 Se o candidato negro estiver melhor classificado na lista geral, ele será nomeado por esta, permitindo-se o provimento do cargo, conforme subitem 4.9.6, por outra pessoa negra.

4.9.8 Vagas oriundas de nomeações de candidatos que não tomaram posse ou que não entraram em exercício, bem como as vagas provenientes de vacâncias de servidores aprovados por este certame, não serão consideradas como vaga nova para fins do disposto no subitem 4.9.6.

4.9.9 As vagas reservadas a candidatos negros que não forem providas por falta de candidatos aprovados nesta condição, serão preenchidas pelos demais candidatos, observada a ordem geral de classificação por cargo/área de conhecimento/campus.

4.9.10 Para concorrer a uma das vagas para negros, deste Edital, o candidato deverá, no momento de sua inscrição, marcar em seu requerimento de inscrição a condição de pessoa negra e que deseja concorrer às vagas reservadas. Até o final do período de inscrição do concurso, será facultado ao candidato desistir de concorrer pelo sistema de reserva de vagas, devendo formalizar sua desistência através do e-mail inscricao.concursos@uffs.edu.br. Deverá incluir no corpo do e-mail, além da declaração de desistência de concorrer pelo sistema de reserva de vagas, o seu nome completo, número do documento pessoal registrado na inscrição e área em que se inscreveu.

4.9.10.1 Ao marcar a opção para concorrer às vagas reservadas a candidatos negros, o candidato deverá assim se autodeclarar, no momento da inscrição no concurso público, de acordo com os critérios de raça e cor utilizados pela Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE.

4.9.11 A relação dos candidatos com a inscrição deferida para concorrer nesta condição será divulgada na Internet, no sítio eletrônico https://concursos.uffs.edu.br/, conforme cronograma  deste edital.

4.9.11.1 O candidato poderá entrar com recurso administrativo em até 48 horas da Homologação Provisória das Inscrições. O recurso deverá ser encaminhado mediante envio de e-mail para: inscricao.concursos@uffs.edu.br, com as devidas justificativas e comprovantes. Após esse período, não serão aceitos pedidos de revisão.

4.9.12 Os candidatos negros, inscritos nesta condição, concorrerão concomitantemente às vagas para negros e às vagas destinadas à ampla concorrência, bem como às vagas de pessoa com deficiência, caso se declarem também deficientes, de acordo com a classificação no concurso.

4.9.13 No caso de indeferimento da inscrição, na condição de negro, o candidato que atender a todos os requisitos necessários para inscrição deste Edital terá sua inscrição homologada neste certame, concorrendo somente às vagas de ampla concorrência e/ou PcD, se for o caso.

4.9.14 As informações prestadas no momento da inscrição são de inteira responsabilidade do candidato, devendo este responder por qualquer falsidade.

4.9.15 O candidato inscrito como negro participará deste Concurso em igualdade de condições com os demais candidatos, no que se refere ao conteúdo, à avaliação, aos critérios de aprovação, ao(s) horário(s), ao(s) local(is) de aplicação das provas e às notas mínimas exigidas.

4.9.16 Os candidatos negros, aprovados dentro do número de vagas oferecido para ampla concorrência, não serão computados para efeito do preenchimento das vagas reservadas.

4.9.17 O número máximo de candidatos aprovados na Prova Objetiva e classificados na condição de candidato negro, observada a ordem de classificação e o número máximo de aprovados, conforme subitem 4.9.6 e subitem 8.2.12, segue a tabela abaixo:

Número máximo de candidatos aprovados no cargo na lista de classificação geral

Número máximo de candidatos classificados na condição de candidato negro

3

1

8

2

13

3

 

4.9.17.1 A partir do 13º (décimo terceiro) aprovado na lista de classificação geral, a cada cinco aprovados nesta lista, acrescenta-se 1 (um) na lista de candidatos classificados na condição de candidato negro.

4.9.18 Os candidatos não classificados no número máximo de aprovados de que trata o subitem 4.9.17, ainda que tenham atingido nota mínima, estarão automaticamente desclassificados no concurso público.

4.9.19 Conforme Lei nº 12.990, de 9 de junho de 2014 e a Portaria Normativa nº 4, de 6 de abril de 2018, da Secretaria de Gestão de Pessoas do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, alterada pela Portaria 14.635, de 14 de dezembro de 2021, da Secretaria Especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital do Ministério da Economia, o candidato inscrito que solicitar cota para candidato negro, se aprovado no certame, deverá comparecer à sede da UFFS, na cidade de Chapecó-SC, em data, horário e local a serem definidos e publicados após resultado provisório geral do Concurso, para realização do procedimento de heteroidentificação.

4.9.20 Os candidatos que optarem por concorrer às vagas reservadas às pessoas negras, ainda que tenham obtido nota suficiente para aprovação na ampla concorrência, e satisfizerem as condições de habilitação estabelecidas neste edital deverão se submeter ao procedimento de heteroidentificação.

4.9.21 Será convocada para o procedimento de heteroidentificação, no mínimo, a quantidade de candidatos equivalente a três vezes o número de vagas reservadas às pessoas negras previstas no edital, ou dez candidatos, o que for maior, resguardadas as condições de aprovação estabelecidas nesse edital de concurso.

4.9.22 O Candidato que não comparecer no horário e local definido para procedimento de heteroidentificação e análise de recurso, conforme item 4.9.20, será eliminado do concurso, dispensada a convocação suplementar de candidatos não habilitados.

4.9.23 A comissão de heteroidentificação utilizará exclusivamente o critério fenotípico para aferição da condição declarada pelo candidato.

4.9.23.1 Serão consideradas as características fenotípicas do candidato ao tempo da realização do procedimento de heteroidentificação.

4.9.23.2 Não serão considerados, para os fins do caput, quaisquer registros ou documentos pretéritos eventualmente apresentados, inclusive imagem e certidões referentes a confirmação em procedimentos de heteroidentificação realizados em concursos públicos federais, estaduais, distritais e municipais.

4.9.24 O procedimento de heteroidentificação será filmado e sua gravação será utilizada na análise de eventuais recursos interpostos pelos candidatos.

4.9.25 O candidato que recusar a realização da filmagem do procedimento para fins de heteroidentificação, nos termos do item 4.9.24, será eliminado do concurso público, dispensada a convocação suplementar de candidatos não habilitados.

4.9.26 O candidato cuja autodeclaração não for confirmada em procedimento de heteroidentificação, e que atender o critério de aprovação definido nos itens 8.2.12 e 8.2.13 do edital concorrerá às vagas destinadas à ampla concorrência.

4.9.26.1 O candidato que não atender os critérios definidos nos itens 8.2.12 e 8.2.13, ainda que aprovado nas demais etapas do certame, será desclassificado do concurso.

4.9.26.2 Não concorrerá às vagas destinadas a ampla concorrência e será eliminado do concurso público o candidato que apresentar autodeclaração falsa constatada em procedimento administrativo da comissão de heteroidentificação nos termos do parágrafo único do art. 2º da Lei nº 12.990, de 2014.

4.9.27 As hipóteses de que tratam os itens 4.9.26, 4.9.26.1 e 4.9.26.2 não ensejam o dever de convocar suplementarmente candidatos não convocados para o procedimento de heteroidentificação.

4.9.28 A comissão de heteroidentificação deliberará pela maioria dos seus membros, sob forma de parecer motivado. As deliberações da comissão de heteroidentificação terão validade apenas para este concurso público, não servindo para outras finalidades.

4.9.28.1 É vedado à comissão de heteroidentificação deliberar na presença dos candidatos.

4.9.28.2 O teor do parecer motivado será de acesso restrito, nos termos do art. 31 da Lei nº 12.527, de 18 de novembro de 2011.

4.9.29 O resultado provisório do procedimento de heteroidentificação será publicado no sítio eletrônico https://concursos.uffs.edu.br do qual constarão os dados de identificação do candidato, a conclusão do parecer da comissão de heteroidentificação a respeito da confirmação da autodeclaração.

4.9.30 Os integrantes da Comissão de heteroidentificação devem manifestar por escrito, nos prazos estabelecidos no cronograma a ser publicado junto ao resultado provisório geral do concurso, à Comissão Permanente de Concurso, relações que podem ser qualificadas como de favorecimento ou de desfavorecimento para que a Comissão seja reorganizada de forma a desconstituir tais relações, utilizando para este fim os membros suplentes da referida comissão.

4.9.30.1 A manifestação de que trata o subitem 4.9.31 deverá ser encaminhada mediante envio de e-mail para: concurso@uffs.edu.br, com as devidas justificativas, obedecido o cronograma publicado junto ao resultado provisório geral do concurso.

4.9.30.2 Para fins deste Edital serão consideradas relações que podem gerar favorecimento ou desfavorecimento as relações de amizade íntima, inimizade notória, parentesco e inter-relações profissionais e acadêmicas, como publicações conjuntas, orientação, relações diretas de trabalho.

4.9.31 O candidato poderá entrar com recurso administrativo em até 48 horas após a publicação do resultado do procedimento de heteroidentificação. O recurso deverá ser encaminhado mediante envio de e-mail para: concurso@uffs.edu.br, com as devidas justificativas. Após esse período, não serão aceitos pedidos de revisão.

4.9.31.1 O candidato que solicitar recurso conforme item 4.9.32, deverá seguir os procedimentos  publicados junto com o resultado provisório geral do Concurso, para fins de análise do recurso.

4.9.31.2 A análise dos recursos será realizada pela Comissão Recursal, composta por três integrantes distintos dos membros da comissão de heteroidentificação.

4.9.31.2.1 Não cabe recurso ao julgamento da Comissão Recursal.

4.9.32 O resultado do parecer das comissões será divulgado na página do concurso.

4.9.33 A inobservância do disposto no item 4.9 e respectivos subitens deste Edital acarretará a perda do direito ao pleito das vagas reservadas aos candidatos negros.

 

5 DA HOMOLOGAÇÃO DAS INSCRIÇÕES

5.1 A relação das inscrições homologadas será divulgada no sítio https://concursos.uffs.edu.br/.

5.2 Os candidatos que efetuarem a inscrição e o pagamento no período previsto no Edital, e não tiverem suas inscrições homologadas, poderão entrar com recurso administrativo em até 48 horas da Homologação Provisória das Inscrições. O recurso deverá ser encaminhado mediante envio de e-mail para: inscricao.concursos@uffs.edu.br anexando o comprovante de inscrição acompanhado do comprovante de pagamento da Guia de Recolhimento da União (GRU) com o título - Recurso Inscrição Concurso.

  

6 DOS REQUISITOS BÁSICOS PARA INVESTIDURA NO CARGO

6.1 São requisitos básicos para investidura em cargo público, conforme prevê o art. 5º da Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990:

a) a nacionalidade brasileira e, no caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado pelo estatuto de igualdade entre brasileiros e portugueses, com reconhecimento do gozo dos direitos políticos na forma do disposto no art. 12, § 1º da Constituição Federal, e no art. 13 do Decreto nº 70.436, de 18 de abril 1972;

b) o gozo dos direitos políticos;

c) a quitação com as obrigações militares e eleitorais;

d) a idade mínima de 18 (dezoito) e máxima de 70 (setenta) anos;

e) o nível de escolaridade exigido para o exercício do cargo;

f) a aptidão física e mental;

g) não estar cumprindo sanção por inidoneidade, aplicada por qualquer órgão público ou entidade da esfera federal, estadual ou municipal;

h) professores, técnicos e cientistas estrangeiros poderão participar do Concurso e serem investidos nos cargos para os quais forem aprovados e nomeados nos termos da Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990, e da Lei nº 9.515, de 20 de novembro de 1997.

6.2 Para investidura no cargo, o candidato deverá atender também a todos os requisitos específicos da vaga pretendida, descritos pelo ANEXO II deste Edital.

6.3 Somente serão aceitos diplomas de Graduação e Pós-Graduação reconhecidos pela legislação federal vigente à data de posse no cargo. Os diplomas de Graduação e Pós-Graduação obtidos em instituição estrangeira somente serão aceitos se já tiverem sido revalidados no Brasil.

6.4 A aprovação no certame não representa o atendimento aos requisitos de titulação e demais requisitos estabelecidos neste Edital, os quais deverão ser comprovados no ato de posse conforme subitem 11.5.

 

7 DAS BANCAS EXAMINADORAS

7.1 A Banca Examinadora da Prova de Conhecimentos, da Prova Didática e da Prova de Títulos será composta por 3 (três) membros titulares e até 3 (três) membros suplentes, com titulação acadêmica igual ou superior à do cargo a ser provido e preferencialmente com formação acadêmica na área específica ou afim da vaga. Os membros das bancas podem ser diferentes nas etapas do concurso condicionado à disponibilidade dos mesmos.

7.1.1 Um dos membros da Banca Examinadora a presidirá, coordenando os trabalhos da Banca Examinadora durante o certame, conforme Portaria específica de designação, a ser divulgada no sítio https://concursos.uffs.edu.br/.

7.2 Respeitadas as condições do item 7.1, poderão integrar a Banca Examinadora profissionais da Universidade Federal da Fronteira Sul, de outras Instituições de Ensino Superior reconhecidas pelo MEC e de Instituições de Ciência e Tecnologia, sejam eles efetivos ou visitantes, ativos ou aposentados.

7.3 Os membros da Banca Examinadora (titulares e suplentes) deverão declarar por escrito em formulário próprio disponibilizado no sítio referente ao concurso a inexistência ou existência de relações que possam vir a gerar favorecimento ou desfavorecimento a qualquer um dos candidatos que tiverem sua inscrição homologada para concorrer à vaga.

7.3.1 Os membros suplentes poderão substituir os membros titulares a qualquer tempo em caso de impedimento dos membros, ou por motivo justificado.

7.4 O candidato que possuir ou identificar entre outros candidatos a existência de relações que possam implicar favorecimento ou desfavorecimento com um ou mais integrantes da Banca Examinadora (titular ou suplente), deverá, via requerimento específico disponível no sítio do concurso, manifestar essa incompatibilidade em até 48 horas da publicação da Portaria de Designação das Bancas Examinadoras com a descrição detalhada do impedimento. O formulário deverá ser enviado por meio eletrônico com a assinatura do candidato, empregando o endereço eletrônico informado pelo candidato no momento da inscrição e remetido para o endereço concurso@uffs.edu.br tendo como assunto “Declaração de relações de favorecimento ou desfavorecimento”. O candidato que não informar incompatibilidade declara tacitamente não haver impedimento para a composição da Banca Examinadora.

7.5 A Comissão de Concurso julgará os pedidos de incompatibilidade supra descritos e não caberá recurso contra a decisão.

7.5.1 Para fins deste Edital serão consideradas relações que podem gerar favorecimento ou desfavorecimento as relações de amizade íntima, inimizade, parentesco e inter-relações profissionais e acadêmicas, como publicações conjuntas, orientação, relações diretas de trabalho.

 

8 DA REALIZAÇÃO DO CONCURSO

8.1 O Concurso Público constará das seguintes etapas:

a) Prova de Conhecimentos;

b) Prova Didática;

c) Prova de Títulos.

8.1.1 Todas as etapas do Concurso serão realizadas na cidade de Chapecó, nas datas especificadas no cronograma deste Edital, com locais e horários a serem divulgados no sítio do Concurso: https://concursos.uffs.edu.br/.

8.1.1.1 O candidato deverá comparecer ao local da Prova de Conhecimentos munido de comprovante de inscrição e original do documento oficial de identidade com foto, informado na inscrição.

 

DA PROVA DE CONHECIMENTOS

 8.2 A Prova de Conhecimentos, classificatória e eliminatória, será constituída de um texto acerca do ponto sorteado de uma lista de pontos constante do ANEXO III deste Edital.

8.2.1 Não será permitida a entrada de candidatos no local específico da prova após às 13h20 horas.

8.2.2 Na realização da Prova de Conhecimentos, o candidato redigirá no máximo seis laudas na versão definitiva da prova.

8.2.2.1 O candidato deverá preencher de próprio punho os dados de identificação, quando solicitado, nas folhas de prova (tanto nas folhas de rascunho quanto nas folhas definitivas) e conferir a correta numeração e a correta sequência de folhas.

8.2.2.2 O candidato não deverá proceder qualquer identificação nas folhas definitivas além do local expressamente indicado. Caso o candidato faça identificação pessoal em local não indicado ele será excluído do certame.

8.2.2.3 Apenas as folhas definitivas serão avaliadas pela Banca Examinadora, no entanto, todo material recebido pelo candidato deverá ser devolvido ao término da Prova de Conhecimentos.

8.2.2.4 Não haverá fornecimento de folhas adicionais nem substituição de folhas definitivas devido a erro do candidato.

8.2.3 A Prova de Conhecimentos visa a avaliação da capacidade de sistematização, de síntese, de argumentação e de domínio do tema relativo a um ponto sorteado de uma lista de pontos constante do ANEXO III deste Edital.

8.2.4 Cada examinador da Banca Examinadora, individualmente, atribuirá à Prova de Conhecimentos uma nota de 0 (zero) à 10 (dez) em observância aos critérios de avaliação estabelecidos no ANEXO IV do presente Edital.

8.2.4.1 A média de Prova de Conhecimentos será calculada através da média aritmética das três notas atribuídas pela Banca Examinadora, considerando até duas casas decimais após a vírgula.

8.2.4.2 Será considerado reprovado na Prova de Conhecimentos o candidato que obtiver média aritmética menor do que 6,0 (seis vírgula zero), sendo registrada até duas casas decimais após a vírgula.

8.2.4.3 Os candidatos reprovados na Prova de Conhecimentos não participarão das etapas posteriores do certame.

8.2.4.4 As provas de conhecimento não serão fornecidas aos candidatos, ficando sob guarda da Comissão Permanente de Concurso.

8.2.5 O ponto para a Prova de Conhecimentos será sorteado às 13 horas e 25 minutos do dia da Prova, em local indicado pela Comissão Permanente de Concurso.

8.2.6 O número do ponto sorteado para a Prova de Conhecimentos será o mesmo para todos os candidatos inscritos na área de concurso.

8.2.7 A Prova de Conhecimentos terá duração de 4h (quatro horas), sendo os 30 (trinta) minutos iniciais exclusivamente destinados à consulta a livros ou apontamentos, podendo o candidato fazer anotações em folhas de rascunhos. Porém, estas anotações não poderão ser usadas durante a realização da prova de Conhecimentos.

8.2.7.1 Durante a Prova de Conhecimentos, inclusive durante o período de consulta a materiais, é expressamente proibida a comunicação e a troca de materiais entre os candidatos, bem como a posse ou utilização de qualquer material, equipamentos mecânicos e/ou eletrônicos, tais como computadores, tablets, telefones celulares e outros que não sejam expressamente autorizados por esse Edital ou pela comissão permanente de concurso. Os candidatos não poderão utilizar véus, bonés, chapéus, gorros, lenços, aparelhos auriculares (à exceção de candidato inscrito na condição de Pessoa com Deficiência Auditiva, cuja condição deverá estar previamente informada na lista de candidato que solicitou atendimento especial, conforme subitem 4.6.2), óculos escuros, ou qualquer outro adereço que lhes cubra a cabeça, os olhos e os ouvidos ou parte do rosto (exceto máscara de proteção).

8.2.7.1.1 Caso o candidato se apresente para a realização da Prova portando qualquer objeto ou adereço ou com qualquer tipo de aparelho eletrônico especificados no item 8.2.7.1, esse material deverá ser identificado e lacrado pelo próprio candidato, antes do início da Prova, por meio de embalagem fornecida para tal fim pela UFFS. Os celulares deverão ser desligados e acondicionados nessa embalagem. Se assim não proceder, o candidato será excluído do Concurso. Esse material será acomodado em local a ser indicado pelos fiscais da sala de Prova e ali deverá ficar durante o período de permanência do candidato no local de Prova. A UFFS não se responsabilizará por perda ou extravio de documentos, objetos ou equipamentos eletrônicos, que ocorram no local de realização da Prova, nem por danos neles causados.

8.2.7.2 O candidato que desrespeitar o contido no item 8.2.7.1 será desclassificado do certame.

8.2.7.3 O horário destinado à consulta será computado no total de duração da Prova de Conhecimentos, podendo o candidato portar neste período os seguintes materiais: livros, apostilas, folhas avulsas e anotações.

8.2.7.4 O horário de consulta encerra-se às 14 horas, quando o candidato deverá preparar-se para receber as folhas de prova e guardar todos os seus materiais: livros, apostilas, folhas avulsas, anotações e qualquer outro tipo de material que a fiscalização de sala julgue necessário.

8.2.7.5 As folhas de rascunho e as laudas definitivas de prova somente serão entregues a partir das 14 horas, ainda que o candidato opte por não realizar consulta a materiais durante o tempo em que é permitido.

8.2.7.6 O candidato receberá 4 folhas de rascunho.

8.2.7.7 A Prova de Conhecimentos definitiva deverá ser redigida em caneta esferográfica de tinta azul ou preta. A caneta empregada para realização da prova deverá ser de material transparente.

8.2.8 Durante a realização da Prova de Conhecimentos, nenhum candidato poderá deixar a sala de prova sem estar acompanhado por uma pessoa indicada pelo fiscal de sala.

8.2.9 Será permitido ao candidato entregar a sua prova somente após decorrido uma hora do início da prova. Depois da entrega da prova ao fiscal, o candidato não poderá permanecer no local da prova.

8.2.10 Os 3 (três) últimos candidatos de cada sala somente poderão entregar as respectivas provas e se retirarem do local simultaneamente, assinando a ata.

8.2.11 Os candidatos aprovados serão ordenados de forma decrescente segundo a grandeza da nota média obtida nessa etapa.

8.2.12 O número máximo de candidatos aprovados na Prova de Conhecimento segue a tabela abaixo, conforme o Decreto nº 9.739, de 28 de março de 2019.

VAGAS PREVISTAS NO EDITAL (por área de conhecimento)

Quantidade de aprovados (por área de conhecimento)

1

5

2

9

3

14

 

8.2.13 Quando houver candidatos empatados na última posição que completar o número de candidatos aptos para realizarem as demais etapas do certame, todos esses candidatos empatados serão considerados aptos e terão o direito de prosseguir no certame.

8.2.14 Do resultado provisório da Prova de Conhecimentos caberá recurso, a ser interposto mediante preenchimento de formulário próprio, por meio do sítio do Concurso, em até 48 horas após a publicação do seu resultado.

8.2.15 O recurso deve conter objetivamente e claramente o(s) item(ns) que está(ão) sendo solicitado(s) para revisão, além de justificativa e fundamentação sobre a pertinência da revisão do(s) item(ns).

8.2.16 Contra o julgamento do recurso previsto no item antecedente não caberá recurso.

8.2.17 Somente os candidatos aprovados e classificados na Prova de Conhecimentos estarão aptos para as demais etapas respeitando as quantidades expressas no Item 8.2.12.

 

DA PROVA DIDÁTICA 

8.3 A Prova Didática será pública, com duração mínima de 40 (quarenta) minutos e máxima de 50 (cinquenta) minutos, sobre o ponto sorteado pela Comissão Permanente de Concurso com antecedência mínima de 36 (trinta e seis) horas do início da realização da prova didática.

8.3.1 A Comissão Permanente de Concurso procederá ao sorteio do ponto para a prova de conhecimento e para a prova didática no início do certame. O número do ponto sorteado para a Prova Didática será o mesmo para todos os candidatos.

8.3.1.1 O resultado do sorteio será publicado na página do concurso.

8.3.1.2 O ponto sorteado para a Prova de Conhecimentos será automaticamente excluído da lista de pontos para a Prova Didática.

8.3.2 Para a Prova Didática, os candidatos deverão comparecer no horário e local definidos para esta etapa, que serão publicados na página do Concurso.

8.3.2.1 Os candidatos serão ordenados para apresentação da prova didática de acordo com a ordem crescente do número de inscrição.

8.3.2.2 O candidato deverá comparecer ao local de realização da Prova Didática munido de documento oficial de identidade original, com foto, informado na inscrição.

8.3.2.3 A UFFS garantirá a disponibilidade de quadro e giz ou marcadores para quadro branco para utilização do candidato durante a Prova Didática.

8.3.2.4 A UFFS disponibilizará projetor multimídia, porém não será disponibilizado computador, sendo responsabilidade do candidato providenciá-lo, se houver necessidade.

8.3.2.5 Recomenda-se o formato pdf para as apresentações em projetor multimídia, evitando problemas de compatibilidade.

8.3.2.6 Em face de ocorrências de queda de energia elétrica ou outras falhas, incluindo a incompatibilidade entre o computador do candidato e o projetor multimídia, a Universidade não garante a disponibilidade de equipamentos elétricos ou eletrônicos, incluindo a substituição de projetor multimídia, para a realização da Prova Didática.

8.3.2.6.1 Os projetores multimídia disponibilizados possuem conexão do tipo VGA.

8.3.2.7 O candidato poderá utilizar até 10 (dez) minutos para instalações, antes do início do tempo de até 50 (cinquenta) minutos correspondentes à Prova Didática.

8.3.2.8 Antes do início da Prova Didática, o candidato deverá entregar o plano de aula, digitado, e impresso em três vias.

8.3.3 O candidato que não comparecer para a Prova Didática na hora marcada ou que não respeitar o tempo mínimo de 40 (quarenta) minutos de duração da Prova Didática será desclassificado e excluído do Certame e não terá nota atribuída à Prova Didática.

8.3.3.1 Ao candidato, é permitido cronometrar o período de duração de sua prova didática.

8.3.4 A Prova Didática será gravada em áudio, conforme Decreto nº 9.739, de 28 de março de 2019 e não poderá ser assistida pelos demais candidatos participantes do Concurso.

8.3.5 Os presentes não poderão utilizar equipamentos eletrônicos, não poderão se manifestar e os candidatos não poderão requisitar sua participação, sob pena de desclassificação do certame, apenas poderão simulá-la, se assim desejarem.

8.3.6 A Banca Examinadora não se manifestará no decorrer da prova, não interrompendo o candidato.

8.3.6.1 Aos 50 (cinquenta) minutos de prova, a Banca comunicará o encerramento da aula do candidato.

8.3.7 Os candidatos não serão arguidos pela Banca Examinadora ao término da Prova Didática.

8.3.8 Cada examinador, individualmente, atribuirá à Prova Didática uma nota de 0 (zero) a 10 (dez), em observância aos critérios de avaliação estabelecidos no ANEXO VI do presente Edital, consignando-a em cédula por ele assinada e colocada em envelope lacrado, o qual ficará sob a guarda da Comissão Permanente de Concurso, até o final do concurso.

8.3.9 Para obtenção da nota da Prova Didática, será calculada a média aritmética das três notas individuais conferidas pela Banca Examinadora, considerando até duas casas decimais após a vírgula.

8.3.10 A Prova Didática é eliminatória e classificatória, e o candidato que, na Prova Didática, não obtiver média igual ou superior a 6 (seis) e que não obtiver, da maioria dos membros da Banca Examinadora, nota igual ou superior a 6 (seis) será eliminado do Concurso, independente da nota obtida nas demais Provas.

8.3.11 Do resultado provisório da Prova Didática caberá recurso, a ser interposto mediante preenchimento de formulário próprio, por meio do sítio do Concurso, em até 48 horas após a publicação do seu resultado.

8.3.11.1 O recurso deve conter objetivamente e claramente o(s) item(ns) que está(ão) sendo solicitado(s) para revisão, além de justificativa e fundamentação sobre a pertinência da revisão do(s) item(ns).

8.3.11.2 Contra o julgamento do recurso previsto no item antecedente não caberá recurso.


DA PROVA DE TÍTULOS 

8.4 Para a Prova de Títulos o candidato deverá entregar, no horário e no local da sua Prova Didática, o Currículo documentado, conforme ANEXO V deste Edital.

8.4.1 O candidato que não proceder de acordo com o especificado no item 8.4 será excluído do certame.

8.4.2 É de responsabilidade do candidato a entrega dos documentos comprobatórios da Prova de Títulos nas seguintes condições: encadernados com espiral, grampeadas ou costuradas, e em sequência numérica crescente, de acordo com a ordenação em que são relacionados no ANEXO V deste Edital.

8.4.2.1 Em hipótese alguma serão aceitas folhas avulsas para comprovação de títulos.

8.4.2.2 Não serão pontuadas atividades não descritas no ANEXO V.

8.4.3 Os títulos serão avaliados conforme tabela constante do ANEXO V do presente Edital.

8.4.3.1 O candidato que tiver concluído o Doutorado ou o Mestrado ou a Especialização e não estiver de posse do respectivo diploma poderá entregar declaração ou documento equivalente (atestado/certidão), emitido pela instituição de ensino responsável, que declare expressamente a conclusão efetiva do curso reconhecido pelo Ministério da Educação; a aprovação do interessado; a inexistência de qualquer pendência para a obtenção da titulação; e o início da expedição e registro do respectivo diploma.

8.4.3.2 A comprovação dos títulos poderá ser realizada por cópia simples do original.

8.4.3.3 A UFFS poderá solicitar os originais dos documentos utilizados na prova de títulos, para comprovação.

8.4.4 A nota atribuída na prova de títulos será uma nota única, dos três membros da Banca Examinadora, estabelecida em consenso, obedecida a valoração constante da tabela do ANEXO V do presente Edital.

8.4.5 Para os candidatos que cumprirem ao item 8.4, a nota da Prova de Títulos será atribuída a partir de um valor mínimo de 6 (seis) e máximo de 10 (dez) calculado de acordo com a fórmula:

a) N = 6 + (P -10)/35

b) Sendo N a nota do candidato na prova de títulos e P a pontuação obtida pelo candidato (segundo o ANEXO V), cujo valor máximo é de 150 pontos.

8.4.6 A nota atribuída aos candidatos será consignada em cédula assinada pelos três membros da Banca Examinadora e colocada em envelope lacrado, o qual ficará sob a guarda da Comissão Permanente de Concurso.

8.4.7 Os recursos à Prova de Títulos deverão ser interpostos mediante preenchimento de formulário próprio, por meio do sítio do Concurso, até 48 horas após a publicação do seu resultado no sítio do Concurso.

 

9 DA APROVAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO 

9.1 Terminadas as etapas do certame, a Comissão Permanente de Concurso procederá à leitura e a apuração das notas para aprovação e classificação dos candidatos em sessão aberta.

9.2 Será aprovado no Concurso o candidato que tiver atendido os requisitos exigidos em cada uma das etapas do certame (Prova de Conhecimentos, Prova Didática e Prova de Títulos).

9.3 Para a classificação geral, a Banca Examinadora calculará a média aritmética das notas obtidas pelos candidatos aprovados e classificados em cada uma das etapas do Concurso, relacionando-os em ordem decrescente das médias obtidas.

9.3.1 A média aritmética da nota final será registrada com até duas casas decimais após a vírgula.

9.4 Em caso de empate entre os candidatos na nota final no Concurso a ordem de classificação para esses candidatos será estabelecida através dos critérios a seguir, na ordem como são apresentados:

a) idade mais elevada igual ou acima de 60 anos, conforme artigo 27, parágrafo único, do Estatuto do Idoso, Lei nº 10.741, de 1 de outubro de 2003;

b) maior nota na Prova de Conhecimentos;

c) maior nota na Prova Didática;

d) idade mais elevada;

e) candidato que tiver exercido efetivamente a função de jurado no período entre a data de publicação da Lei nº 11.689, de 9 de junho de 2008 e a data de término das inscrições, conforme estabelece o Art. 440 do Código de Processo Penal Brasileiro.

9.5 De cada reunião da Banca Examinadora será lavrada uma ata, em que serão registradas as ocorrências verificadas e as decisões tomadas, devidamente assinadas pelos examinadores.

 

10 DA DIVULGAÇÃO DOS RECURSOS

10.1 Ultimado o julgamento do Concurso, a Banca Examinadora deverá elaborar relatório final, no qual deverão constar, para cada candidato, entre outros elementos:

a) a nota de cada examinador na Prova Didática, e a média aritmética;

b) a nota de cada examinador na Prova de Conhecimentos e a média aritmética;

c) a nota da Prova de Títulos;

10.1.1 O nome dos examinadores não será vinculado a cada nota.

10.2 O relatório da Banca Examinadora, acompanhado das atas das diversas etapas do Concurso, deverá ser encaminhado à Comissão de Concursos para homologação e, em seguida, ao Reitor da UFFS que o fará publicar o resultado final no sítio do Concurso.

10.2.1 Os resultados provisórios e finais serão publicados separadamente por vaga/área.

10.2.2 Os candidatos deverão acompanhar a publicação dos resultados finais por vaga/área e são responsáveis por este acompanhamento e pelo atendimento aos prazos de recurso.

10.3 Do resultado provisório geral caberá recurso quanto ao registro das notas/médias atribuídas pela Banca Examinadora, mediante preenchimento de formulário próprio, disponível no sítio do Concurso.  A interposição deverá ser efetuada em até 48 horas após a divulgação do resultado provisório geral através do sítio https://concursos.uffs.edu.br/.

10.4 Não serão aceitos recursos por outros meios, distintos do estabelecido no item 10.3, ou fora do prazo estabelecido neste Edital.

10.5 Recursos cujo teor desrespeite a Banca Examinadora serão indeferidos.

10.6 Contra o julgamento do recurso previsto no item 10.3 não caberá recurso.

10.7 O resultado dos recursos será divulgado no sítio do Concurso e não terá efeito suspensivo sobre o certame.

 

11 DO PROVIMENTO DOS CARGOS E DO APROVEITAMENTO DOS CANDIDATOS HABILITADOS

11.1 O provimento dos cargos nos vários campi da UFFS obedecerá a ordem de classificação por área de conhecimento.

11.2 Havendo vagas não ocupadas em determinado campus e candidatos aprovados para a mesma área de conhecimento em outros campi, a UFFS poderá chamá-los para ocupar tais vagas, observando a média final obtida pelos candidatos. Os candidatos terão a liberdade de aceitar ou não a oferta, isto é, o fato de declinarem da eventual proposta feita não os retirará da sua posição na lista de aprovados no campus por eles escolhido.

11.3 A aprovação do candidato no Concurso Público não lhe assegura o aproveitamento automático no cargo de professor a que concorre, mas garante-lhe, apenas, a expectativa de direito de ser admitido dentro da ordem classificatória, ficando a concretização deste ato condicionada à observância da legislação pertinente, especialmente do ANEXO II do Decreto nº 9.739, de 28 de março de 2019 e à necessidade da Instituição.

11.4 Não haverá, em hipótese alguma, opção por parte do candidato aprovado de transferência para outras posições da lista de classificados publicada no Diário Oficial.

11.5 O candidato aprovado no Concurso, quando convocado para a investidura no cargo (posse), deverá atender os requisitos previstos neste Edital e em seus Anexos.

11.6 A convocação do candidato aprovado para investidura no cargo dar-se-á por meio de portaria de nomeação publicada no Diário Oficial da União e no Boletim Oficial da UFFS, bem como através de e-mail, enviado exclusivamente ao endereço fornecido na inscrição.

11.7 É de exclusiva responsabilidade do candidato acompanhar as publicações de nomeações da UFFS, divulgadas no sítio da UFFS em Boletim Oficial e no Diário Oficial da União divulgada no sítio da Imprensa Nacional.

11.8 O não comparecimento do interessado no prazo estipulado, ou a não aceitação do cargo para o qual foi convocado, implicará sua exclusão do processo de nomeação.

11.9 No ato da assinatura do Termo de Posse, o nomeado firmará declaração de que não acumula cargo, emprego ou função pública. Na hipótese de acúmulo legal, contemplado no artigo 37, inciso XVI, da Constituição Federal, o limite máximo de carga horária acumulada não poderá ser superior a 60 (sessenta) horas semanais, respeitada a compatibilidade de horário entre os cargos legalmente acumulados.

11.10 O provimento do candidato na Carreira de Magistério Superior dar-se-á sempre no primeiro nível de vencimento da Classe A com as seguintes denominações: Professor Auxiliar para portadores de certificado de especialização; Professor Assistente A para portadores de título de mestre; ou Professor Adjunto A para portadores de título de Doutor, respeitada a exigência de cada área do conhecimento especificada no ANEXO II deste Edital.

11.11 Além da área de conhecimento para a qual eventualmente venha a ser nomeado, o candidato deverá, em caso de necessidade, assumir aulas de área correlata, desde que possua qualificação para isso.

11.12 Nos termos do art. 14 da Lei nº 8.112, de 11 de dezembro 1990, a posse em cargo público dependerá de prévia inspeção médica oficial, sendo empossado somente aquele que for julgado apto física e mentalmente para o exercício do cargo.

11.13 O candidato poderá, a qualquer tempo, desistir formalmente da nomeação ou da vaga através de declaração de desistência, acompanhada de foto frente e verso de seu documento de identificação, encaminhada ao setor de Gestão de Pessoas da UFFS (dap.dpam@uffs.edu.br), utilizando a mesma conta de e-mail fornecido no momento da inscrição.

 

12 DAS DISPOSIÇÕES FINAIS

12.1 A homologação do resultado final do Concurso será publicada no Diário Oficial da União e no sítio do Concurso.

12.2 O prazo de validade do Concurso será de 2 (dois) anos a contar da data da publicação do Edital de homologação do resultado final no Diário Oficial da União, prorrogáveis, a critério da Administração, por igual período.

12.3 Durante o período de validade do Concurso, a UFFS reserva-se o direito de proceder às nomeações em número que atenda ao interesse e às necessidades do serviço, de acordo com a disponibilidade orçamentária e até o número de vagas existentes.

12.4 No processo de realização do Concurso e de posse no cargo, não compete à Universidade Federal da Fronteira Sul qualquer responsabilidade referente a extravios de documentos enviados via SEDEX, passagens, bem como diárias, alimentação e estadia, ou quaisquer outras despesas relativas à participação dos candidatos.

12.5 A inscrição no Concurso implicará o conhecimento e a tácita aceitação das condições estabelecidas no inteiro teor do presente Edital bem como dos editais complementares que porventura venham a ser publicados, dos quais o candidato não poderá alegar desconhecimento.

12.6 Os candidatos declaram estar cientes de que todas as publicações e divulgações pertinentes a este Concurso Público serão realizadas por meio do sítio do Concurso
https://concursos.uffs.edu.br/.

12.7 A Universidade realizará a análise curricular, para fins de comprovação dos requisitos elencados no Anexo II, somente após a nomeação do candidato ao cargo.

12.7.1 Para fins de comprovação dos requisitos de titulação para fins de posse no cargo, somente serão aceitos os seguintes documentos: Diploma de Conclusão para Graduação, Mestrado e Doutorado; e Certificado de Conclusão para Especialização.

12.8 Os candidatos admitidos poderão atuar em qualquer dos componentes curriculares relativos à matéria/área de conhecimento objeto do concurso ou qualquer componente curricular da área de conhecimento da sua formação.

12.9 A jornada de trabalho dos candidatos admitidos poderá ocorrer durante o turno diurno e/ou noturno, de acordo com as necessidades da UFFS.

12.10 Dúvidas relativas ao concurso poderão ser encaminhadas para o e-mail
concurso@uffs.edu.br.

12.11 A UFFS poderá publicar edital complementar com normas de biossegurança aplicáveis ao certame.

12.12 Os casos omissos serão resolvidos pela Comissão Permanente de Concurso da UFFS.

 

 

Chapecó-SC, xx de março de 2022.

 

 

 

MARCELO RECKTENVALD

Reitor

 

 

ANEXO I

RELAÇÃO DAS ÁREAS, VAGAS, REGIME DE TRABALHO E CAMPUS

 

Área do Conhecimento

Vagas

Regime de Trabalho

Campus

1

Medicina de Família e Comunidade

1

20h

Passo Fundo

2

Infectologia

1

20h

Passo Fundo

3

Gastroenterologia

1

20h

Passo Fundo

4

Clínica Médica - Medicina Intensiva

1

20h

Passo Fundo

5

Clínica Médica - Geriatria

1

20h

Passo Fundo

6

Pediatria

1

20h

Passo Fundo

7

Educação Inclusiva/Educação de Surdos/ Linguística das Línguas de Sinais: Libras

1

40h DE

Laranjeiras do Sul

8

Arquitetura e Urbanismo; Fundamentos de Arquitetura e Urbanismo; Projeto de Arquitetura e Urbanismo

1

40h DE

Erechim

9

Cirurgia Geral ou demais áreas cirúrgicas, incluindo Otorrinolaringologia ou Oftalmologia

3

20h

Chapecó

10

Radiologia e Diagnóstico por imagem

1

20h

Chapecó

11

Semiologia e Clínica Médica

2

20h

Chapecó

12

Ginecologia e Obstetrícia

1

20h

Chapecó

13

Ciências Humanas: Educação - Alfabetização

1

40h DE

Chapecó

 

ANEXO II

REQUISITOS ESPECÍFICOS PARA CADA ÁREA DE CONHECIMENTO

 

A separação entre os requisitos específicos, utilizando-se ponto e vírgula, denota somatório, ou seja, o candidato no momento da posse no cargo deverá atender a todos os requisitos elencados relativos à área de conhecimento em que se encontra aprovado.

 

I - Área de conhecimento 1: Medicina de Família e Comunidade (Campus Passo Fundo)

1 Requisitos específicos:

1.1 Graduação: Medicina, com registro no CRM;

1.2 Especialização: Residência Médica ou Especialização em: Medicina de Família e Comunidade (ou Saúde da Família e Comunidade) ou Medicina Preventiva e Social.

 

II - Área de conhecimento 2: Infectologia (Campus Passo Fundo)

1 Requisitos específicos:

1.1 Graduação: Medicina, com registro no CRM;

1.2 Especialização: Residência Médica ou Especialização em: Infectologia, ou Nefrologia, ou Pneumologia.

 

III - Área de conhecimento 3: Gastroenterologia (Campus Passo Fundo)

1 Requisitos específicos:

1.1 Graduação: Medicina, com registro no CRM;

1.2 Especialização: Residência Médica em Gastroenterologia.

 

IV - Área de conhecimento 4: Clínica Médica - Medicina Intensiva (Campus Passo Fundo)

1 Requisitos específicos:

1.1 Graduação: Medicina, com registro no CRM;

1.2 Especialização: Residência Médica em Medicina Intensiva ou Especialização em Medicina Intensiva pela Associação de Medicina Intensiva Brasileira (AMIB).

 

V - Área de conhecimento 5: Clínica Médica - Geriatria (Campus Passo Fundo)

1 Requisitos específicos:

1.1 Graduação: Medicina, com registro no CRM;

1.2 Especialização: Residência Médica ou Especialização em Geriatria.

 

VI - Área de conhecimento 6: Pediatria (Campus Passo Fundo)

1 Requisitos específicos:

1.1 Graduação: Medicina, com registro no CRM;

1.2 Especialização: Residência Médica em Pediatria.

   

VII - Área de conhecimento 7: Educação Inclusiva/Educação de Surdos/Linguística das Línguas de Sinais: Libras  (Campus Laranjeiras do Sul)

1 Requisitos específicos:

1.1 Graduação: Licenciatura em Letras/Libras ou Licenciatura em Letras/Libras/Língua Portuguesa como segunda língua;

1.2 Especialização: Libras ou proficiência em Libras;

1.3 Mestrado: Letras, ou Educação e áreas afins.

 

VIII - Área de conhecimento 8: Arquitetura e Urbanismo; Fundamentos de Arquitetura e Urbanismo; Projeto de Arquitetura e Urbanismo (Campus Erechim)

1 Requisitos específicos:

1.1 Graduação: Arquitetura e Urbanismo;

1.2 Doutorado: Arquitetura ou Arquitetura e Urbanismo.

 

IX - Área de conhecimento 9: Cirurgia Geral ou demais áreas cirúrgicas, incluindo Otorrinolaringologia ou Oftalmologia (Campus Chapecó)

1 Requisitos específicos:

1.1 Graduação: Medicina, com registro no CRM;

1.2 Especialização: Pós graduação ou residência médica em qualquer área/sub-área médica cirúrgica (inclui otorrinolaringologia ou oftalmologia);

 

X - Área de conhecimento 10: Radiologia e Diagnóstico por imagem (Campus Chapecó)

1 Requisitos específicos:

1.1 Graduação: Medicina, com registro no CRM;

1.2 Especialização: Residência em Radiologia e Diagnóstico por Imagem.

 

XI - Área de conhecimento 11: Semiologia e Clínica Médica (Campus Chapecó)

1 Requisitos específicos:

1.1 Graduação: Medicina, com registro no CRM;

1.2 Especialização: Pós graduação ou residência médica em qualquer área/sub-área da clínica médica, ou medicina de família e comunidade, ou medicina de saúde de família, ou medicina preventiva/saúde coletiva, ou saúde pública ou especialização em preceptoria no SUS.

 

XII - Área de conhecimento 12: Ginecologia e Obstetrícia (Campus Chapecó)

1 Requisitos específicos:

1.1 Graduação: Medicina, com registro no CRM;

1.2 Especialização: Residência em Ginecologia e Obstetrícia.

 

XIII - Área de conhecimento 13: Ciências Humanas: Educação - Alfabetização (Campus Chapecó)

1 Requisitos específicos:

1.1 Graduação: Licenciatura em Pedagogia;

1.2 Mestrado: Educação;

1.3 Doutorado: Educação.

 

 

ANEXO III

PONTOS PARA AS PROVAS DE CONHECIMENTO E DIDÁTICA

 

I - Área de conhecimento 1: Medicina de Família e Comunidade (Campus Passo Fundo)

1.

2.

3.

4.

5.

6.

7.

8.

9.

10.

 

II - Área de conhecimento 2: Infectologia (Campus Passo Fundo)

1.

2.

3.

4.

5.

6.

7.

8.

9.

10.

 

III - Área de conhecimento 3: Gastroenterologia (Campus Passo Fundo)

1.

2.

3.

4.

5.

6.

7.

8.

9.

10.

 

IV - Área de conhecimento 4: Clínica Médica - Medicina Intensiva (Campus Passo Fundo)

1.

2.

3.

4.

5.

6.

7.

8.

9.

10.

 

V - Área de conhecimento 5: Clínica Médica - Geriatria (Campus Passo Fundo)

1.

2.

3.

4.

5.

6.

7.

8.

9.

10.

 

VI - Área de conhecimento 6: Pediatria (Campus Passo Fundo)

1.

2.

3.

4.

5.

6.

7.

8.

9.

10.

 

 

VII - Área de conhecimento 7: Educação Inclusiva/Educação de Surdos/Linguística das Línguas de Sinais: Libras  (Campus Laranjeiras do Sul)

1.

2.

3.

4.

5.
6.
7.
8.
9.
10.

Obs.:

 

VIII - Área de conhecimento 8: Arquitetura e Urbanismo; Fundamentos de Arquitetura e Urbanismo; Projeto de Arquitetura e Urbanismo (Campus Erechim)

1.

2.

3.

4.

5.

6.

7.

8.

9.

10.

 

IX - Área de conhecimento 9: Cirurgia Geral ou demais áreas cirúrgicas, incluindo Otorrinolaringologia ou Oftalmologia (Campus Chapecó)

1.

2.

3.

4.

5.

6.

7.

8.

9.

10.

 

X - Área de conhecimento 10: Radiologia e Diagnóstico por imagem (Campus Chapecó)

1.

2.

3.

4.

5.

6.

7.

8.

9.

10.

 

XI - Área de conhecimento 11: Semiologia e Clínica Médica (Campus Chapecó)

1.

2.

3.

4.

5.

6.

7.

8.

9.

10.

 

XII - Área de conhecimento 12: Ginecologia e Obstetrícia (Campus Chapecó)

1.

2.

3.

4.

5.

6.

7.

8.

9.

10.

 

XIII - Área de conhecimento 13: Ciências Humanas: Educação - Alfabetização (Campus Chapecó)

1.

2.

3.

4.

5.

6.

7.

8.

9.

  1. do\a professor\a alfabetizador\a.

 

ANEXO IV

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO PARA A PROVA DE CONHECIMENTO

 

Item

Critérios de avaliação para a Prova de Conhecimento

Máximo

1

Sistematização (organização do texto)

2

2

Síntese (clareza, objetividade, precisão, coerência, criatividade e adequação do texto ao tema)

2

3

Capacidade Argumentativa/Domínio do tema (conhecimento específico)

5

4

Qualidade da linguagem (gramática e domínio do vocabulário técnico)

1

Total

10

 


ANEXO V

PONTUAÇÃO PARA A PROVA DE TÍTULOS

 

ORIENTAÇÕES GERAIS:

I - Os documentos comprobatórios apresentados para a Prova de Títulos devem ser encadernados com espiral, grampeadas ou costuradas, de acordo com a ordem em que são relacionados neste Anexo, sob pena de desclassificação.

II - Quanto aos itens constantes no Grupo I, para efeito de pontuação: será considerada unicamente a maior titulação e apenas uma vez; somente serão considerados válidos os títulos reconhecidos pela legislação vigente.

III - Os pontos atribuídos às funções relacionadas nos Grupos II e III são acumulativos, respeitadas as pontuações máximas.

IV - Para pontuação nas atividades descritas nos Grupo II e III, somente serão consideradas atividades ocorridas a partir de 01/01/2017.

V - Frações de tempo superiores a 6 (seis) meses serão contabilizadas como 1 (um) ano.

VI - Nos itens que possuam a pontuação variada (exemplo, 0 a 10 pontos por trabalho) ou com teto sem escalas (exemplo, Item 3.5), a banca deve criar critérios para a pontuação (exemplo: o impacto do periódico ou evento para artigos científicos) e registrá-los em ata anteriormente a análise dos títulos.

VII - os valores para cada item, individualmente, deverão ser múltiplos de 0,1 (zero vírgula um).

VIII - a pontuação máxima a ser alcançada na prova de títulos será de 150 pontos.

IX – os membros da banca devem expressar os motivos da atribuição de cada item avaliado.

X - A critério da Banca Examinadora, poderão ser valoradas outras atividades consideradas relevantes, não podendo exceder 5 (cinco) pontos no total. Os critérios acordados devem ser registrados na ata correspondente.

 

1 GRUPO I - Títulos Acadêmicos

1.1 Doutorado ou Livre-Docência: 80 (oitenta) pontos.

1.2 Mestrado: 20 (vinte) pontos.

1.3 Especialização (pós-graduação Lato Sensu): 10 (dez) pontos.

1.4 Residência Médica: 15 (quinze) pontos.

 

2 GRUPO II - Atividades de ensino

2.1 Orientação de tese de doutorado aprovada: 3 (três) pontos por tese, até máximo de 15 (quinze) pontos.

2.2 Orientação de dissertação de mestrado aprovada: 2 (dois) pontos por dissertação, até o máximo de 12,5 (doze e meio) pontos.

2.3 Orientação de trabalho aprovado, de conclusão de curso de graduação ou de especialização (pós-graduação Lato Sensu): 0,5 (zero vírgula cinco) ponto por trabalho, até o máximo de 4 (quatro) pontos.

2.4 Orientação de outra natureza em nível de graduação (iniciação científica, extensão, outras): 0,5 (zero vírgula cinco) ponto por aluno e por ano, até o máximo de 4 (quatro) pontos.

2.5 Orientação de outra natureza ou preceptoria (internato, residência, atividade educativa curricular de interação ensino-serviço) em nível de graduação (estágio não curricular, estágio não obrigatório e monitoria) presencial ou a distância: 0,5 (zero vírgula cinco) por semestre, até o máximo de 4 (quatro) pontos.

2.6 Participação em Bancas Examinadoras de:

a) Doutorado ou Livre-Docência: 1 (um) ponto cada banca, até o máximo de 6 (seis) pontos.

b) Mestrado: 0,5 (zero vírgula cinco) ponto cada banca, até o máximo de 3 (três) pontos.

c) Trabalho de conclusão de curso de graduação e/ou especialização (pós-graduação Lato Sensu): 0,2 (zero vírgula dois) ponto cada banca, até o máximo de 1 (um) ponto.

d) Concurso para carreira do magistério superior: 0,5 (zero vírgula cinco) ponto cada banca, até o máximo de 3 (três) pontos.

 

3 GRUPO III - Trabalhos científicos, artísticos, sociais e culturais, e realizações profissionais

3.1 Autoria de livro com ISBN: de 1 (um) até 10 (dez) pontos por livro até no máximo 30 (trinta) pontos.

3.2 Autoria de capítulo de livro: de 1 (um) a 5 (cinco) pontos cada trabalho até no máximo 15 (quinze) pontos.

3.3 Tradução de livros, de 1 (um) a 3 (três) pontos cada trabalho até 12 (doze) pontos.

3.4 Organização de livro ou periódico acadêmico: de 0,5 (zero vírgula cinco) a 2 (dois) pontos cada trabalho, até o máximo de 8 (oito) pontos.

3.5 Trabalhos completos publicados em anais: de 0,1 (zero virgula um) até 2 (dois) pontos por trabalho até o máximo de 10 pontos.

3.6 Artigos em periódico com corpo editorial e ISSN: de 0,5 (zero vírgula cinco) até 4 (quatro) pontos por trabalho até no máximo 25 (vinte e cinco) pontos.

3.7 Trabalho de natureza técnica ou profissional, sem caráter rotineiro: de 0 (zero) até 4 (quatro) pontos pelo conjunto dos trabalhos.

3.8 Participação voluntária em trabalho social, sem remuneração: 0,2 (zero virgula dois) ponto a cada 6 (seis) meses de trabalho, até o máximo de 1 (um) ponto.

3.9 Avaliador de artigos para revistas especializadas até um máximo de 2 (dois) pontos pelo conjunto.

3.10 Membro de corpo editorial até o máximo de 2 (dois) pontos pelo conjunto.

3.11 Organização de evento científico: de 0,1 (zero vírgula um) até 0,5 (zero vírgula cinco) pontos por evento até o máximo de 3 pontos.

3.12 A comprovação das publicações pode ser realizada com a apresentação da primeira página, em que conste o veículo de publicação.

 


ANEXO VI

 CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO PARA A PROVA DIDÁTICA

 

Item

Critérios de avaliação para a Prova Didática

Máximo

1

Plano de aula

0,5

2

Organização do conteúdo (coerência).

1,0

3

Domínio do conteúdo trabalhado.

2,5

4

Clareza, exatidão da exposição e adequação da linguagem a alunos de graduação (tom, nível de abstração, ilustrações, figuras de linguagem, exemplos). Adequação do material didático empregado aos objetivos propostos.

2,5

5

Domínio dos procedimentos didáticos.

1,0

6

Postura: comunicabilidade, motivação e criatividade.

1,0

7

Síntese dos pontos fundamentais: revisão, generalização, inferências, esclarecimentos, implicações.

1,0

8

Referências bibliográficas.

0,5

 

TOTAL

10,0

 Obs.: os membros da banca devem expressar os motivos da atribuição de cada item avaliado.

 

 

ANEXO VII

ATRIBUIÇÕES DO CARGO DE PROFESSOR DO MAGISTÉRIO SUPERIOR FEDERAL

 

Conforme disposto na lei nº 12.772, de 28 de dezembro de 2012, Art. 2º “São atividades das Carreiras e Cargos Isolados do Plano de Carreiras e Cargos de Magistério Federal aquelas relacionadas ao ensino, pesquisa e extensão e as inerentes ao exercício de direção, assessoramento, chefia, coordenação e assistência na própria instituição, além daquelas previstas em legislação específica.”

 

São exemplos de atividades a serem exercidas:

 a) participar da elaboração e cumprimento do Plano de Ensino da disciplina em conformidade com o Projeto Pedagógico dos Cursos para os quais suas disciplinas forem oferecidas;

b) ministrar o ensino sob sua responsabilidade, em conjunto com os demais docentes, cumprindo integralmente o Plano de Ensino da disciplina e sua carga horária;

c) utilizar metodologias condizentes com a disciplina, buscando atualização permanente;

d) observar a obrigatoriedade de frequência e pontualidade às atividades didáticas;

e) estimular e promover pesquisas e atividades de extensão à comunidade;

f) registrar, no sistema acadêmico, a frequência dos alunos, as notas das avaliações e os resultados de sua disciplina, na forma e nos prazos previstos;

g) organizar e aplicar os instrumentos de avaliação do aproveitamento escolar dos alunos;

h) elaborar Plano e Relatório de Atividades, obedecendo aos prazos previstos;

i) participar de capacitações organizadas pela UFFS;

j) participar de comissões e atividades para as quais for convocado ou eleito;

k) participar da vida acadêmica da UFFS;

l) exercer outras atribuições previstas nos atos normativos da UFFS ou na legislação vigente;

m) ampliar os conhecimentos e atualizar-se constantemente, por meio da participação em congressos, palestras, leituras, visitas, estudos, entre outros meios;

n) participar da elaboração e execução de projetos de pesquisa, objetivando o desenvolvimento científico da UFFS;

o) votar e ser votado para as diferentes representações de sua Unidade Organizacional;

p) participar de reuniões e trabalhos dos órgãos colegiados a que pertencer e de comissões para as quais for designado;

q) zelar pela guarda, conservação e manutenção dos materiais e equipamentos que utiliza;

r) cumprir e fazer cumprir normas e padrões de comportamento estabelecidos pela Instituição; e

s) executar tarefas afins, a critério de seu superior imediato.

Chapecó-SC, 18 de março de 2022.

Claunir Pavan

Presidente da Câmara de Administração, Planejamento e Gestão de Pessoas

CONSCRE

Aprova o Parecer nº 5/CONSC-RE/UFFS/2022

O PRESIDENTE EM EXERCÍCIO DO CONSELHO DO CAMPUS REALEZA  (CONSC-RE) da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS), no uso de suas atribuições legais, considerando o Processo nº 23205.015764/2021-31,

DECIDE:

Art. 1º Aprovar o Parecer nº 5/CONSC-RE/UFFS/2022, da Comissão Permanente de Planejamento, Orçamento e Gestão (CPPOG), que recomenda o indeferimento do requerimento de redistribuição da servidora Fabiane Juvenal de Lima Rodrigues, Tecnóloga em Gestão Pública, nível E, para a UFFS – Campus Realeza.

Art. 2º Esta Decisão entra em vigor na data de sua publicação.

 

Realeza-PR, 17 de março de 2022.

Ademir Roberto Freddo

Presidente do Conselho de Campus Realeza

PROPEPG

Homologa o credenciamento da professora ALINE PEIXOTO GRAVINA como docente permanente do Programa de Pós-Graduação em Estudos Linguísticos da Universidade Federal da Fronteira Sul.

O PRÓ-REITOR DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições legais e considerando a Resolução Nº18/CONSUNI CPPGEC/UFFS/2016:

 

RESOLVE:

 

Art.1º HOMOLOGAR o credenciamento da professora ALINE PEIXOTO GRAVINA, Siape nº 1782633, como docente permanente do Programa de Pós-Graduação em Estudos Linguísticos (PPGEL), da UFFS, em conformidade com o Processo 23205.003864/2022-04.

 

Art.2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação no Boletim Oficial da UFFS.

Chapecó-SC, 17 de março de 2022.

Clevison Luiz Giacobbo

Pró-Reitor de Pesquisa e Pós-Graduação

Homologa o credenciamento da professora MÁRCIA ADRIANA DIAS KRAMER como docente permanente do Programa de Pós-Graduação em Estudos Linguísticos da Universidade Federal da Fronteira Sul.

O PRÓ-REITOR DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições legais e considerando a Resolução Nº18/CONSUNI CPPGEC/UFFS/2016:

 

RESOLVE:

 

Art.1º HOMOLOGAR o credenciamento da professora MÁRCIA ADRIANA DIAS KRAMER, Siape nº 2408016, como docente permanente do Programa de Pós-Graduação em Estudos Linguísticos (PPGEL), da UFFS, em conformidade com o Processo 23205.003864/2022-04.

 

Art.2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação no Boletim Oficial da UFFS.

Chapecó-SC, 17 de março de 2022.

Clevison Luiz Giacobbo

Pró-Reitor de Pesquisa e Pós-Graduação

Homologa o credenciamento da professora MARILENE APARECIDA LEMOS como docente permanente do Programa de Pós-Graduação em Estudos Linguísticos da Universidade Federal da Fronteira Sul.

O PRÓ-REITOR DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições legais e considerando a Resolução Nº18/CONSUNI CPPGEC/UFFS/2016:

 

RESOLVE:

 

Art.1º HOMOLOGAR o credenciamento da professora MARILENE APARECIDA LEMOS, Siape nº 1863967, como docente permanente do Programa de Pós-Graduação em Estudos Linguísticos (PPGEL), da UFFS, em conformidade com o Processo 23205.003864/2022-04.

 

Art.2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação no Boletim Oficial da UFFS.

Chapecó-SC, 17 de março de 2022.

Clevison Luiz Giacobbo

Pró-Reitor de Pesquisa e Pós-Graduação

Homologa o credenciamento da professora ANDREIA INÊS HANEL CEREZOLI como docente permanente do Programa de Pós-Graduação em Estudos Linguísticos da Universidade Federal da Fronteira Sul.

O PRÓ-REITOR DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições legais e considerando a Resolução Nº18/CONSUNI CPPGEC/UFFS/2016:

 

RESOLVE:

 

Art.1º HOMOLOGAR o credenciamento da professora ANDREIA INÊS HANEL CEREZOLI, Siape nº 2047392, como docente permanente do Programa de Pós-Graduação em Estudos Linguísticos (PPGEL), da UFFS, em conformidade com o Processo 23205.003864/2022-04.

 

Art.2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação no Boletim Oficial da UFFS.

 

Chapecó-SC, 17 de março de 2022.

Clevison Luiz Giacobbo

Pró-Reitor de Pesquisa e Pós-Graduação

Homologa o descredenciamento da professora MARIA JOSÉ LAINÕ como docente permanente do Programa de Pós-Graduação em Estudos Linguísticos da Universidade Federal da Fronteira Sul.

O PRÓ-REITOR DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições legais e considerando a Resolução Nº18/CONSUNI CPPGEC/UFFS/2016:

 

RESOLVE:

 

Art.1º HOMOLOGAR o descredenciamento da professora MARIA JOSÉ LAINÕ, Siape nº 1770005, como docente permanente do Programa de Pós-Graduação em Estudos Linguísticos na Fronteira Sul (PPGEL), da UFFS, em conformidade com o Protocolo 23205.004579/2022-01.

 

Art.2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação no Boletim Oficial da UFFS.

Chapecó-SC, 18 de março de 2022.

Clevison Luiz Giacobbo

Pró-Reitor de Pesquisa e Pós-Graduação

CONSUNI CPPGEC

ATA DA 2ª SESSÃO ORDINÁRIA DE 2022 DA CÂMARA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO, EXTENSÃO E CULTURA

Aos dezessete dias do mês de março do ano de dois mil e vinte e dois, às treze horas e trinta minutos, por meio de videoconferência pela plataforma Cisco Webex Meetings, e transmitida na página do Facebook Conselhos Superiores UFFS, foi realizada a 2ª Sessão Ordinária do ano de dois mil e vinte e dois da Câmara de Pesquisa, Pós-Graduação, Extensão e Cultura (CPPGEC) do Conselho Universitário (CONSUNI), da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS), presidida pela Pró-Reitora de Extensão e Cultura, Patricia Romagnolli. Fizeram-se presentes à sessão, por videoconferência, os seguintes conselheiros: Clevison Luiz Giacobbo (Pró-Reitor de Pesquisa e Pós-Graduação); Gismael Francisco Perin (Vice-Reitor); representantes docentes: Ana Cecilia Teixeira Gonçalves e Alcione Aparecida de Almeida Alves (Campus Cerro Largo); Iône Inês Pinsson Slongo e Maira Rosseto (Campus Chapecó); Paulo Afonso Hartmann e Marcela Alvares Maciel (Campus Erechim); Betina Muelbert (Campus Laranjeiras do Sul); representantes técnico-administrativos em educação: Fernando Zatt Schardosin (Campus Laranjeiras do Sul) e Laura Spaniol Martinelli (Campus Passo Fundo); representantes da comunidade regional: Jose Valerio Cavalli (Rio Grande do Sul) e Jussara Isabel Tumelero (Santa Catarina). Participou da sessão o seguinte conselheiro suplente, no exercício da titularidade: Rozane Marcia Triches (docente – Campus Realeza). Faltaram à sessão sem justificativa: Vanderlei de Oliveira Farias e Lieverson Augusto Guerra (docentes titular e suplenteCampus Passo Fundo). A representação discente do Campus Cerro Largo encontra-se em vacância. Acompanhou a sessão na condição de suplente o conselheiro Diogo Jose Siqueira (servidor técnico-administrativo – Campus Laranjeiras do Sul). Após realizada a abertura da sessão e conferência de quórum regimental, a presidente passou ao 1 Expediente: 1.1 Apreciação da Ata da 1ª Sessão Ordinária de 2022, de 8 de fevereiro. A Ata foi aprovada por consenso. 1.2 Não houve comunicação da presidência, nem dos conselheiros. De imediato, passou-se a leitura da Ordem do dia: 2.1 Processo nº 23205.005785/2022-20: Regulamento para o repasse, utilização e prestação de contas dos recursos financeiros concedidos através de Editais de pesquisa, por meio da assinatura do Termo de Outorga de Auxílio Financeiro aos pesquisadores da UFFS (para designação de relatoria); 2.2 Processo nº 23205.000016/2022-35: Solicitação de alteração da equipe técnica do projeto Apoio à organização de eventos na UFFS no estado do Paraná (para designação de relatoria); 2.3 Processo nº 23205.004092/2022-10: Relatório do curso de pós-graduação lato sensu em Gestão Escolar: coordenação, direção e supervisão escolar, ofertado no Campus Erechim-RS (para designação de relatoria); 2.4 Processo nº 23205.029254/2021-41: Relatório do curso de pós-graduação lato sensu em: Processos e produtos criativos e suas interfaces, ofertado no Campus Erechim-RS (apreciação do parecer da conselheira Ana Cecilia Teixeira Gonçalves); 2.5 Processo nº 23205.029537/2021-93: Solicitação de alteração da equipe técnica do projeto Formação continuada de professores da região macromissioneira, Campus Cerro Largo-RS (apreciação do parecer da conselheira Betina Muelbert). Aprovada a ordem do dia, passou-se ao item 2.1 Processo nº 23205.005785/2022-20: Regulamento para o repasse, utilização e prestação de contas dos recursos financeiros concedidos através de Editais de pesquisa, por meio da assinatura do Termo de Outorga de Auxílio Financeiro aos pesquisadores da UFFS. A presidente solicitou manifestação de interessado para relatar o processo. Os conselheiros Ana Cecilia Teixeira Gonçalves e Fernando Zatt Schardosin se colocam à disposição. Será composta comissão relatora para a matéria, formada pelos referidos conselheiros que se disponibilizaram. 2.2 Processo nº 23205.000016/2022-35: Solicitação de alteração da equipe técnica do projeto Apoio à organização de eventos na UFFS no estado do Paraná. A presidente solicitou manifestação de interessado para relatar o processo. A conselheira Betina Muelbert se disponibilizou e será a relatora. 2.3 Processo nº 23205.004092/2022-10: Relatório do curso de pós-graduação lato sensu em Gestão Escolar: coordenação, direção e supervisão escolar, ofertado no Campus Erechim-RS. A presidente solicitou manifestação de interessado para relatar o processo. A conselheira Iône Inês Pinsson Slongo se disponibilizou e será a relatora. 2.4 Processo nº 23205.029254/2021-41: Relatório do curso de pós-graduação lato sensu em: Processos e produtos criativos e suas interfaces, ofertado no Campus Erechim-RS. A conselheira relatora, Ana Cecilia Teixeira Gonçalves, fez a leitura do seu parecer, e apresentou seu voto, favorável a aprovação do relatório do curso. Parecer e voto foram aprovados por consenso. 2.5 Processo nº 23205.029537/2021-93: Solicitação de alteração da equipe técnica do projeto Formação continuada de professores da região macromissioneira, Campus Cerro Largo-RS. A conselheira Betina Muelbert iniciou a leitura do seu parecer, mas por conta de problemas de conexão com a internet, o conselheiro Gismael Perin concluiu a leitura do parecer. A relatora observou que o Professor Luis Fernando Gastaldo cumpre todos os requisitos legais para a substituição, o plano de trabalho e os diversos despachos demonstraram que o projeto está institucionalizado e conta com a anuência dos setores envolvidos. Dessa forma, votou pela aprovação da alteração solicitada. O parecer e o voto foram aprovados por consenso. Nada mais havendo a tratar, a presidente encerrou a sessão às quinze horas e cinco minutos, da qual eu, Eliane de Fátima Massaroli Metzler Gomes, Secretária da Câmara de Pesquisa, Pós-Graduação, Extensão e Cultura, lavrei a presente ata, que aprovada, será assinada pela presidente e por mim.

Chapecó-SC, 17 de março de 2022.

Patricia Romagnolli

Presidente da Câmara de Pesquisa, Pós-Graduação, Extensão e Cultura

Designa relatores para analisar matérias em tramitação na Câmara de Pesquisa, Pós-Graduação, Extensão e Cultura, do Conselho Universitário da Universidade Federal da Fronteira Sul.

 

A PRESIDENTE DA CÂMARA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO, EXTENSÃO E CULTURA (CPPGEC) DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO (CONSUNI) DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições legais, considerando o Regimento Interno do CONSUNI,

 

DECIDE:

 

Art. 1º Designar a conselheira Betina Muelbert para relatar a matéria constante no processo nº 23205.000016/2022-35, que dispõe sobre a solicitação de alteração da equipe técnica do projeto Apoio à organização de eventos na UFFS no estado do Paraná.

 

Art. 2º Designar a conselheira Iône Inês Pinsson Slongo para relatar a matéria constante no processo nº 23205.004092/2022-10, que dispõe sobre o relatório do curso de pós-graduação lato sensu em Gestão Escolar: coordenação, direção e supervisão escolar, ofertado no Campus Erechim-RS.

 

Art. 3º As conselheiras relatoras devem providenciar a inserção dos seus pareceres nos referidos processos, no SIPAC, menu Grupo de Trabalho - CPPGEC 2021/2023, até o dia 29 de março de 2022, para que possam ser disponibilizados aos demais conselheiros com antecedência à 3ª Sessão Ordinária da CPPGEC de 2022, agendada para o dia 8 de abril de 2022.

 

Art. 4º Esta Decisão entra em vigor na data de sua publicação no Boletim Oficial da UFFS.

 

Sala das Sessões da Câmara de Pesquisa, Pós-Graduação, Extensão e Cultura do Conselho Universitário, 2ª Sessão Ordinária, em Chapecó-SC, 17 de março de 2022.

 

 

PATRICIA ROMAGNOLLI

Presidente da Câmara de Pesquisa, Pós-Graduação, Extensão e Cultura

 

 

MARCELO RECKTENVALD

Presidente do Conselho Universitário

 

Chapecó-SC, 18 de março de 2022.

Patricia Romagnolli

Presidente da Câmara de Pesquisa, Pós-Graduação, Extensão e Cultura

Designa comissão relatora para analisar matéria em tramitação na Câmara de Pesquisa, Pós-Graduação, Extensão e Cultura, do Conselho Universitário da Universidade Federal da Fronteira Sul.

 

A PRESIDENTE DA CÂMARA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO, EXTENSÃO E CULTURA (CPPGEC) DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO (CONSUNI) DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições legais, considerando o Regimento Interno do CONSUNI,

 

DECIDE:

 

Art. 1º Designar comissão relatora composta pelos conselheiros Alcione Aparecida de Almeida Alves e Fernando Zatt Schardosin para relatar a matéria constante no processo nº 23205.005785/2022-20, que dispõe sobre o Regulamento para o repasse, utilização e prestação de contas dos recursos financeiros concedidos através de Editais de pesquisa, por meio da assinatura do Termo de Outorga de Auxílio Financeiro aos pesquisadores da UFFS.

Parágrafo único. A escolha do presidente e do relator fica a cargo da comissão.

 

Art. 2º A comissão relatora deve providenciar a inserção do seu parecer no referido processo, no SIPAC, menu Grupo de Trabalho - CPPGEC 2021/2023, até o dia 29 de março de 2022, para que possa ser disponibilizado aos demais conselheiros com antecedência à 3ª Sessão Ordinária da CPPGEC de 2022, agendada para o dia 8 de abril de 2022.

 

Art. 3º Esta Decisão entra em vigor na data de sua publicação no Boletim Oficial da UFFS.

 

Sala das Sessões da Câmara de Pesquisa, Pós-Graduação, Extensão e Cultura do Conselho Universitário, 2ª Sessão Ordinária, em Chapecó-SC, 17 de março de 2022.

 

 

PATRICIA ROMAGNOLLI

Presidente da Câmara de Pesquisa, Pós-Graduação, Extensão e Cultura

 

 

MARCELO RECKTENVALD

Presidente do Conselho Universitário

 

Chapecó-SC, 18 de março de 2022.

Patricia Romagnolli

Presidente da Câmara de Pesquisa, Pós-Graduação, Extensão e Cultura

PROAD

Documento inexistente devido a erro de cadastro no Sistema Integrado de Patrimônio, Administração e Contratos.

Documento inexistente devido a erro de cadastro no Sistema Integrado de Patrimônio, Administração e Contratos.

Chapecó-SC, 15 de março de 2022.

Charles Albino Schultz

Pró-Reitor de Administração e Infraestrutura em exercício

Designa Equipe de Planejamento da Contratação, a qual terá como atribuição a elaboração dos estudos necessários visando à aquisição de materiais de jardinagem que atenderão demandas dos Campi e Reitoria da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS).

O PRÓ-REITOR DE ADMINISTRAÇÃO E INFRAESTRUTURA EM EXERCÍCIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições e tendo em vista a delegação de competência do Magnífico Reitor através da Portaria nº 300/GR/UFFS/2020, de 18/3/2020, publicada no Boletim Oficial da UFFS na mesma data, e tendo em vista o disposto na Instrução Normativa nº 5, de 26 de maio de 2017 e na Instrução Normativa nº 40, de 22 de maio de 2020,

RESOLVE:

Art. 1º DESIGNAR os servidores abaixo para compor a Equipe de Planejamento da Contratação, a qual terá como atribuição a elaboração dos estudos necessários visando à aquisição de materiais que atenderão demandas dos Campi e Reitoria da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS):

I - Aline Carla Petkowicz, Siape 2766781;
II - Augusto Cesar Prado Pomaris Fernandes, Siape 1216185;
III - Berta Lúcia Pereira Villagra, Siape 2059751;
IV - Bertil Levi Hammarstrom, Siape 1118129;
V - Caroline Badzinski, Siape 1977497;
VI - Cássio Batista Marcon, Siape 2078640;
VII - Eduardo Colle, Siape 2124457;
VIII - Elizabete Maria da Silva Pedroski, Siape 1828090;
IX - Gentil Ferreira Gonçalves, Siape 1809467;
X - Hugo Franciscon, Siape 2386301;
XI - Janecler do Prado Dobrovolski, Siape 1805735;
XII - Josuel Vilela, Siape 1768703;
XIII - Juliana Ana Chiarello, Siape 1764330;
XIV - Maurício Trindade Viegas, Siape 2388998;
XV - Renan Costa Beber Vieira, Siape 2192802;
XVI - Seloi Regina Lenz Fiorini, Siape 1058562;
XVII - Siumar Pedro Tironi, Siape 1810571.

Art. 2º Todas as atribuições da Equipe de Planejamento da Contratação constam da Instrução Normativa nº 5, de 26 de maio de 2017, da Secretaria de Gestão do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão e da Instrução Normativa nº 40, de 22 de maio de 2020, do Ministério da Economia/Secretaria Especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital/Secretaria de Gestão.

Art. 3º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação no Boletim Oficial da UFFS.

Chapecó-SC, 15 de março de 2022.

Charles Albino Schultz

Pró-Reitor de Administração e Infraestrutura em exercício

Designa servidores para atuarem como gestores e fiscais do Contrato nº 75/2018, tendo como objeto a contratação de empresa especializada para a prestação de serviço de manutenção de máquinas, equipamentos e mobiliários instalados na Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS).

O PRÓ-REITOR DE ADMINISTRAÇÃO E INFRAESTRUTURA EM EXERCÍCIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições e tendo em vista a delegação de competência do Magnífico Reitor através da Portaria nº 354/GR/UFFS/2010, de 30/08/2010, publicada no Boletim Oficial da UFFS na mesma data,

RESOLVE:

Art. 1º DESIGNAR os servidores abaixo relacionados para, com observância da legislação vigente, atuarem como Gestores e Fiscais do Contrato nº 75/2018, tendo como objeto a contratação de empresa especializada para a prestação de serviço de manutenção de máquinas, equipamentos e mobiliários instalados na Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS):

I - Campus Chapecó-SC:
a) gestor titular: Diego de Souza Boeno, Assistente em Administração, Siape 213943;
b) gestor suplente: Thais Branco, Assistente em Administração, Siape 2998483;
c) fiscal administrativo titular: Ciro Omar Rodrigues Zambarda, Administrador, Siape 1933413;
d) fiscal administrativo suplente: Elise Cristina Eidt, Assistente em Administração, Siape 2907979;
e) fiscal técnico titular: Tiago Boldrin, Técnico de Laboratório/Física, Siape 1879947;
f) fiscal técnico suplente: Luiz Gustavo Ecco, Assistente em Administração, Siape 1940694.

II - Campus Cerro Largo-RS:
a) gestor titular: Adenise Clerici, Coordenadora Administrativa, Siape 2181976;
b) gestor suplente: Luana Inês Damke, Assistente em Administração, Siape 1807713;
c) fiscal administrativo titular: Diego Berwald, Técnico em Contabilidade, Siape 2124045;
d) fiscal administrativo suplente: Luis Antônio Guterres Haas, Assistente em Administração, Siape 1906825;
e) fiscal técnico titular: Rodrigo Patera Barcelos, Técnico Laboratório/Biologia, Siape 1754388;
f) fiscal técnico titular: Anadésia Britzke, Técnico Laboratório/Biologia, Siape 1929188;
g) fiscal técnico titular: Roberta Daniele Klein, Técnico Laboratório/Biologia, Siape 2420295;
h) fiscal técnico suplente: Renan Costa Beber Vieira, Docente, Siape 2191802;
i) fiscal técnico suplente: Caroline Badzinski, Técnico Laboratório/Biologia, Siape 1977497;
j) fiscal técnico suplente: Jonas Simon Dugatto, Tecnólogo em Química, Siape 2131973.

III - Campus Erechim-RS:
a) gestor titular: Elizabete Maria da Silva Pedroski, Coordenadora Administrativa, Siape 1828090;
b) gestor suplente: Reginaldo Cristiano Griseli, Contador, Siape 1030174;
c) fiscal administrativo titular: Cleudes Fátima Bresolin Hubner, Assistente em Administração, Siape 1829411;
d) fiscal administrativo titular: Suzana Fátima Bazoti, Técnica de Laboratório/Saneamento, Siape 2132193;
e) fiscal administrativo titular: Daiane Truylio, Administrador, Siape 1757547;
f) fiscal administrativo suplente: Tatiane Marmentini Oliveira, Assistente em Administração, Siape 1792911;
g) fiscal administrativo suplente: Nanci Mara Madalozzo, Assistente em Administração, Siape 1807994;
h) fiscal administrativo suplente: Domingos Roque Pavan, Administrador, Siape 2042217;
i) fiscal técnico titular: Flávia Bernardo Chagas, Técnica de Laboratório/Biologia, Siape 1794696;
j) fiscal técnico titular: Elitana Antoniolli, Nutricionista, Siape 2124154;
k) fiscal técnico suplente: Rafael Francisco dos Santos, Técnico de Laboratório/Química, Siape 1067430;
l) fiscal técnico suplente: Fernando Cesar Rosset Biazin, Assistente em Administração, Siape 1779183.

IV - Campus Laranjeiras do Sul-PR:
a) gestor titular: Ronaldo José Seramim, Coordenador Administrativo, Siape 1303289;
b) gestor suplente: Eleazer Felipe do Prado, Contador, Siape 1142393;
c) fiscal administrativo titular: Marcio Rodrigo de Oliveira, Assistente em Administração, Siape 3065595;
d) fiscal administrativo suplente: Fabiana dos Santos Oliveira, Assistente em Administração, Siape 1772073;
e) fiscal técnico titular: Augusto César Prado Pomari Fernandes, Técnico de Laboratório/Agronomia, Siape 1216185;
f) fiscal técnico titular: André Martins, Técnico Laboratório/Análises Clínicas, Siape 2388513;
g) fiscal técnico suplente: Edmilson José Kleinert, Técnico de Laboratório/Química, Siape 2385053;
h) fiscal técnico suplente: Evertom Licoviski, Assistente em Administração, Siape 2390689.

V - Campus Passo Fundo-RS:
a) gestor titular: Bertil Levi Hammarstrom, Coordenador Administrativo, Siape 1118129;
b) gestor suplente: Régis Hartmann, Auditor, Siape 1888732;
c) fiscal administrativo titular: Dalvana de Souza Bueno, Assistente em Administração, Siape1053643;
d) fiscal administrativo suplente: Michel da Silva Canabarro, Técnico em Contabilidade, Siape 1772065;
e) fiscal técnico titular: Marcelo Zvir de Oliveira, Técnico em Anatomia e Necropsia, Siape 2058443;
f) fiscal técnico suplente: Edson Comin, Tecnólogo em Química, Siape 2139863.

VI - Campus Realeza-PR:
a) gestor titular: Edinéia Paula Sartori Schmitz, Coordenadora Administrativa, Siape 1894471;
b) gestor suplente: Marcelo Karol Galvão de Meira, Assistente em Administração, Siape 2131666;
c) fiscal administrativo titular: Everton Junior Pelisson, Administrador, Siape 2021390;
d) fiscal técnico titular: Samuel Aires Lourenço, Técnico em Mecânica, Siape 1879707;
e) fiscal técnico suplente: André Luiz Zabott, Técnico em Informática, Siape 2066038.

VII - Reitoria/Departamento de Manutenção e Conservação de Bens Permanentes:
a) gestor titular: Giovani Zocche, Assistente em Administração, Siape 1950427;
b) gestor suplente: Keila Aparecida Marchioro, Assistente em Administração, Siape 1764657;
c) fiscal técnico titular: Paulo Didone Junior, Técnico em Eletrônica, Siape 1943251;
d) fiscal técnico titular: André Tiago Andreola, Técnico em Eletrotécnica, Siape 1962760.

Art. 2º Os gestores e os fiscais serão responsáveis por fiscalizar e acompanhar o andamento e a execução dos serviços prestados, de acordo com o Manual nº 3/PROAD/UFFS/2014, de Gestão e Fiscalização de Contratos da UFFS.

Art. 3º O contrato é decorrente do Pregão Eletrônico nº 42/2018, Processo nº 23205.000959/2018-81, contratada a empresa DORNELES E CIA LTDA.

Art. 4º Fica revogada a Portaria nº 576/PROAD/UFFS/2021, 17 de setembro de 2021.

Art. 5º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação no Boletim Oficial da UFFS.

Chapecó-SC, 15 de março de 2022.

Charles Albino Schultz

Pró-Reitor de Administração e Infraestrutura em exercício

Designa servidores para atuarem como Gestores e Fiscais do Contrato nº 28/2021, tendo como objeto a prestação de serviços de seguro de acidentes pessoais para estudantes matriculados em estágio curricular (obrigatório), estágios não obrigatórios (remunerados) cujas atividades ocorrem na UFFS, alunos residentes da pós-graduação e alunos matriculados nos Cursos de Ciências Biológicas, Enfermagem, Medicina, Medicina Veterinária e Nutrição.

O PRÓ-REITOR DE ADMINISTRAÇÃO E INFRAESTRUTURA EM EXERCÍCIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições e tendo em vista a delegação de competência do Magnífico Reitor através da Portaria nº 354/GR/UFFS/2010, de 30/08/2010, publicada no Boletim Oficial da UFFS na mesma data,

RESOLVE:

Art. 1º DESIGNAR os servidores abaixo relacionados para, com observância da legislação vigente, atuarem como Gestores e Fiscais do Contrato nº 28/2021, tendo como objeto a prestação de serviços de seguro de acidentes pessoais para estudantes matriculados em estágio curricular (obrigatório), estágios não obrigatórios (remunerados) cujas atividades ocorrem na UFFS, alunos residentes da pós-graduação e alunos matriculados nos Cursos de Ciências Biológicas, Enfermagem, Medicina, Medicina Veterinária e Nutrição:

I - gestor titular:  Diego Palmeira Rodrigues, Técnico em Assuntos Educacionais, Siape 1763996;
II - gestor suplente: Janaíta da Rocha Golin, Técnico em Assuntos Educacionais, Siape 1764038;
III - fiscal técnico titular: João Victor Balestrin Sartor, Assistente em Administração, Siape 1961006;
IV - fiscal técnico suplente: Gesibel Makoski Martins, Assistente em Administração, Siape 2907842.

Art. 2º Os gestores e os fiscais serão responsáveis por fiscalizar e acompanhar o andamento e a execução dos serviços prestados, de acordo com o Manual nº 3/PROAD/UFFS/2014, de Gestão e Fiscalização de Contratos da UFFS.

Art. 3º O contrato é decorrente do Pregão Eletrônico nº 2/2021, Processo nº 23205.013781/2020-53, contratada a empresa SEGUROS SURA S.A.

Art. 4º Fica revogada a Portaria nº 588/PROAD/UFFS/2021, de 27 de setembro de 2021.

Art. 5º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação no Boletim Oficial da UFFS.

Chapecó-SC, 15 de março de 2022.

Charles Albino Schultz

Pró-Reitor de Administração e Infraestrutura em exercício

Designa servidores para atuarem como gestores e fiscais do Contrato nº 58/2018, tendo como objeto a contratação de empresa especializada para a prestação de serviço de manutenção de máquinas, equipamentos e mobiliários instalados na Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS).

O PRÓ-REITOR DE ADMINISTRAÇÃO E INFRAESTRUTURA EM EXERCÍCIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições e tendo em vista a delegação de competência do Magnífico Reitor através da Portaria nº 354/GR/UFFS/2010, de 30/08/2010, publicada no Boletim Oficial da UFFS na mesma data,

RESOLVE:

Art. 1º DESIGNAR os servidores abaixo relacionados para, com observância da legislação vigente, atuarem como Gestores e Fiscais do Contrato nº 58/2018, tendo como objeto a contratação de empresa especializada para a prestação de serviço de manutenção de máquinas, equipamentos e mobiliários instalados na Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS):

I - gestor titular: Elizabete Maria da Silva Pedroski, Coordenadora Administrativa, Siape 1828090;
II - gestor suplente: Reginaldo Cristiano Griseli, Contador, Siape 1030174;
III - fiscal administrativo titular: Guilhermo Romero, Técnico de Laboratório/Biologia, Siape 1793251;
IV - fiscal administrativo titular: Cleudes Fátima Bresolin Hubner, Assistente em Administração, Siape 182941;
V - fiscal administrativo suplente: Veronica da Silva Salvador, Assistente em administração, Siape 21453954;
VI - fiscal técnico titular: Rodrigo José Tonin, Técnico em Agropecuária, Siape 1906204;
VII - fiscal técnico titular: Rodrigo Burin, Sanitarista, Siape 2195730;
VIII - fiscal técnico suplente: Maurício da Trindade Viegas, Engenheiro Agrônomo, Siape 2388998.

Art. 2º Os gestores e os fiscais serão responsáveis por fiscalizar e acompanhar o andamento e a execução dos serviços prestados, de acordo com o Manual nº 3/PROAD/UFFS/2014, de Gestão e Fiscalização de Contratos da UFFS.

Art. 3º O contrato é decorrente do Pregão Eletrônico nº 10/2018, Processo nº 23205.000959/2018-81, contratada a empresa IRMÃOS PROVIN LTDA.

Art. 4º Fica revogada a Portaria nº 187/PROAD/UFFS/2019, de 17 de outubro de 2019.

Art. 5º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação no Boletim Oficial da UFFS.

Chapecó-SC, 15 de março de 2022.

Charles Albino Schultz

Pró-Reitor de Administração e Infraestrutura em exercício

Designa Equipe de Planejamento da Contratação, a qual terá como atribuição a elaboração dos estudos necessários visando à contratação de Pessoa Jurídica especializada para execução da segunda etapa do Cercamento das áreas experimentais do Campus Laranjeiras do Sul-PR, da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS).

O PRÓ-REITOR DE ADMINISTRAÇÃO E INFRAESTRUTURA EM EXERCÍCIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições e tendo em vista a delegação de competência do Magnífico Reitor através da Portaria nº 300/GR/UFFS/2020, de 18/3/2020, publicada no Boletim Oficial da UFFS na mesma data, e tendo em vista o disposto na Instrução Normativa nº 5, de 26 de maio de 2017 e na Instrução Normativa nº 40, de 22 de maio de 2020,

RESOLVE:

Art. 1º DESIGNAR os servidores abaixo para compor a Equipe de Planejamento da Contratação, a qual terá como atribuição a elaboração dos estudos necessários visando à contratação de Pessoa Jurídica especializada para execução da segunda etapa do Cercamento das áreas experimentais do Campus Laranjeiras do Sul-PR, da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS):

I - Cláudio Luiz Pompermaier, Siape 3216834;
II - Fabio Corrêa Gasparetto, Siape 2015260;
III - Fábio Onetta, Siape 1770053.

Art. 2º Todas as atribuições da Equipe de Planejamento da Contratação constam da Instrução Normativa nº 5, de 26 de maio de 2017, da Secretaria de Gestão do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão e da Instrução Normativa nº 40, de 22 de maio de 2020, do Ministério da Economia/Secretaria Especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital/Secretaria de Gestão.

Art. 3º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação no Boletim Oficial da UFFS.

Chapecó-SC, 15 de março de 2022.

Charles Albino Schultz

Pró-Reitor de Administração e Infraestrutura em exercício

Designa servidores para atuarem como Gestores e Fiscais do Contrato nº 26/2018, tendo como objeto a contratação de serviços de gerenciamento, controle e fornecimento de combustíveis para atender a frota de veículos e equipamentos da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS).

O PRÓ-REITOR DE ADMINISTRAÇÃO E INFRAESTRUTURA EM EXERCÍCIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições e tendo em vista a delegação de competência do Magnífico Reitor através da Portaria nº 354/GR/UFFS/2010, de 30/08/2010, publicada no Boletim Oficial da UFFS na mesma data,

RESOLVE:

Art. 1º DESIGNAR os servidores abaixo relacionados para, com observância da legislação vigente, atuarem como Gestores e Fiscais do Contrato nº 26/2018, tendo como objeto a contratação de empresa especializada, em regime de empreitada por preço unitário, para a prestação de serviços de gerenciamento, controle e fornecimento de combustíveis para atender a frota de veículos e equipamentos da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS):

I - Reitoria:
a) gestor titular: Gelson Roque Guzzon, Administrador, Siape 1793267;
b) fiscal técnico titular: Adilson Zacarias da Silva, Assistente em Administração, Siape 1764619.

II - Campus Chapecó-SC:
a) gestor titular: Gelson Roque Guzzon, Administrador, Siape 1793267;
b) fiscal técnico titular: Elise Cristina Eidt, Assistente em Administração, Siape 2907979;
c) fiscal técnico suplente: Ciro Omar Rodrigues Zambarda, Administrador, Siape 1933413.

III - Campus Cerro Largo-RS:
a) gestor titular: Gelson Roque Guzzon, Administrador, Siape 1793267;
b) fiscal técnico titular: Dalcio Vorpagel Scheunemann, Agente de Transportes, Siape 2177370;
c) fiscal técnico suplente: Luis Antônio Guterres Haas, Assistente em Administração, Siape 1906825.

IV - Campus Erechim-RS:
a) gestor titular: Gelson Roque Guzzon, Administrador, Siape 1793267;
b) fiscal técnico titular: Claire Eloisa Rossi Ribeiro, Assistente em Administração, Siape 2052699;
c) fiscal técnico suplente: Reginaldo Cristiano Griseli, Contador, Siape 1030174.

V - Campus Passo Fundo-RS:
a) gestor titular: Gelson Roque Guzzon, Administrador, Siape 1793267;
b) fiscal técnico titular: Laura Spaniol Martinelli, Assistente em Administração, Siape 2126084;
c) fiscal técnico suplente: Seloi Regina Lenz Fiorini, Assistente em Administração, Siape 1058562.

VI - Campus Laranjeiras do Sul-PR:
a) gestor titular: Gelson Roque Guzzon, Administrador, Siape 1793267;
b) fiscal técnico titular: Anderson Ivan Nava, Administrador; Siape 1792663;
c) fiscal técnico suplente: Cássio Rafael Piaia, Assistente em Administração, Siape 1769722.

VII - Campus Realeza-PR:
a) gestor titular: Gelson Roque Guzzon, Administrador, Siape 1793267;
b) fiscal técnico titular: Fernanda Gabriel da Silva, Assistente em Administração, Siape 3068355;
c) fiscal técnico suplente: Luis Carlos Pais Gularte,  Assistente em Administração, Siape 2126760.

Art. 2º Os gestores e os fiscais serão responsáveis por fiscalizar e acompanhar o andamento e a execução dos serviços prestados, de acordo com o Manual nº 3/PROAD/UFFS/2014, de Gestão e Fiscalização de Contratos da UFFS.

Art. 3º O contrato é decorrente do Pregão Eletrônico nº 4/2018, Processo nº 23205.000696/2018-19, contratada a empresa TICKET SOLUÇÕES HDFGT S/A.

Art. 4º Fica revogada a Portaria nº 617/PROAD/UFFS/2021, de 26 de outubro de 2021.

Art. 5º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação no Boletim Oficial da UFFS.

Chapecó-SC, 15 de março de 2022.

Charles Albino Schultz

Pró-Reitor de Administração e Infraestrutura em exercício

Designa servidores para atuarem como gestores e fiscais do Contrato nº 41/2021, tendo como objeto a contratação de empresa especializada em gestão/administração de mão de obra com dedicação exclusiva para prestação de serviços continuados de apoio administrativo.

O PRÓ-REITOR DE ADMINISTRAÇÃO E INFRAESTRUTURA EM EXERCÍCIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições e tendo em vista a delegação de competência do Magnífico Reitor através da Portaria nº 354/GR/UFFS/2010, de 30/08/2010, publicada no Boletim Oficial da UFFS na mesma data,

RESOLVE:

Art. 1º DESIGNAR os servidores abaixo relacionados para, com observância da legislação vigente, atuarem como Gestores e Fiscais do Contrato nº 41/2021, tendo como objeto a prestação de serviços, sob a forma de execução indireta, no regime de empreitada por preço unitário, de pessoa jurídica especializada na gestão/administração de mão de obra para a prestação dos serviços terceirizados, com início da execução do objeto na data e quantidade previstas na Ordem de Serviço, de natureza continuada, com dedicação exclusiva de mão de obra, em postos de: condução de veículos oficiais (motorista), recebimento e encaminhamento de visitantes (recepcionista), atendimento e realização de ligações telefônicas (telefonista), conservação e higienização de bens móveis e imóveis (limpeza), manutenção, conservação e limpeza de jardins e áreas verdes (jardinagem), auxiliar de serviços gerais (carga e descarga), operador de máquinas e implementos agrícolas (tratorista), trabalhador agropecuário em geral (serviço braçal), lavadeiros em geral (lavador de roupas), trabalhadores de serviços veterinários (auxiliar de veterinário), coordenação e acompanhamento de equipe (encarregado), tradução e interpretação de libras língua portuguesa (tradutor e intérprete de libras língua portuguesa) e auxiliar de almoxarifado (almoxarife) a serem executados na Reitoria e nos Campi da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS), sediados nas cidades de Cerro Largo-RS, Chapecó-SC, Erechim-RS, Laranjeiras do Sul-PR, Passo Fundo-RS e Realeza-PR:

I - gestão do Contrato:
a) gestor titular: Cesar Augusto Di Domenico, Administrador, Siape 1943664;
b) gestor suplente: Anni Kellen Cunico, Administradora, Siape 1943625.

II - Campus Chapecó-SC:
1) gestor suplente: Diego de Souza Bueno, Assistente em Administração, Siape 2139439;
2) fiscal administrativo titular: Greyce Buzzolaro, Contadora, Siape 1003336;
3) fiscal administrativo suplente: Rodrigo Celso Gheno, Assistente em Administração, Siape 2136477.

a) posto de motorista:
1) fiscal técnico titular: Elise Cristina Eidt, Assistente em Administração, Siape 2907979;
2) fiscal técnico suplente: Ciro Omar Rodrigues Zambarda, Administrador, Siape 1933413.

b) posto de limpeza:
1) fiscal técnico titular: Rodrigo Celso Gheno, Assistente em Administração, Siape 2136477;
2) fiscal técnico suplente: Alana Zamoner Valmorbida, Assistente em Administração, Siape 1590936.

c) postos de jardinagem:
1) fiscal técnico titular: Rosana Lampugnani, Assistente em Administração, Siape 2072957;
2) fiscal técnico suplente: Eduardo Colle, Assistente em Administração, Siape 2124457.

d) posto de serviço braçal:
1) fiscal técnico titular: Luciano Pessoa de Almeida, Engenheiro Agrônomo, Siape 2089737;
2) fiscal técnico suplente: Mateus Velho dos Santos, Técnico em Agropecuária, Siape 2062021.

e) posto de serviços gerais:
1) fiscal técnico titular: Gesiel Fragozo Pompeo, Assistente em Administração, Siape 2173315;
2) fiscal técnico suplente: Thais Branco, Assistente em Administração, Siape 2998483.

f) posto de tradutor/interprete de libras:
1) fiscal técnico titular: Naiara Letícia Valentini, Tradutora e Intérprete de Linguagem de Sinais, Siape 211627;
2) fiscal técnico suplente: Elis Gorett da Silveira Lemos, Tradutora e Intérprete de Linguagem de Sinais, Siape 1981382.

g) posto de encarregado:
1) fiscal técnico titular: Rodrigo Celso Gheno, Assistente em Administração, Siape 2136477;
2) fiscal técnico suplente: Alana Zamoner Valmorbida, Assistente em Administração, Siape 1590936.

Art. 2º Os gestores e os fiscais serão responsáveis por fiscalizar e acompanhar o andamento e a execução dos serviços prestados, de acordo com o Manual nº 3/PROAD/UFFS/2014, de Gestão e Fiscalização de Contratos da UFFS.

Art. 3º O contrato é decorrente do Pregão Eletrônico nº 15/2021, Processo nº 23205.009024/2021-66, a empresa contratada é NASCIMENTO SERVIÇOS DE LIMPEZA LTDA.

Art. 4º Fica revogada a Portaria nº 596/PROAD/UFFS/2021, de 30 de setembro de 2021.

Art. 5º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação no Boletim Oficial da UFFS.

Chapecó-SC, 15 de março de 2022.

Charles Albino Schultz

Pró-Reitor de Administração e Infraestrutura em exercício

Designa servidores para atuarem como gestores e fiscais do Contrato nº 23/2020, tendo como objeto a contratação, de empresa para prestação de serviços de manutenção preventiva e corretiva nos veículos da frota da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS).

O PRÓ-REITOR DE ADMINISTRAÇÃO E INFRAESTRUTURA EM EXERCÍCIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições e tendo em vista a delegação de competência do Magnífico Reitor através da Portaria nº 354/GR/UFFS/2010, de 30/08/2010, publicada no Boletim Oficial da UFFS na mesma data,

RESOLVE:

Art. 1º DESIGNAR os servidores abaixo relacionados para, com observância da legislação vigente, atuarem como Gestores e Fiscais do Contrato nº 23/2020, tendo como objeto a contratação, sob a forma de execução indireta, no regime de empreitada por preço unitário, de empresa para prestação de serviços de manutenção preventiva e corretiva nos veículos da frota da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS):

I - Campus Chapecó-SC:
a) gestor titular: Diego de Souza Boeno, Assistente em Administração, Siape 2139439;
b) gestor suplente: Thais Branco, Assistente em Administração, Siape  2998483;
c) fiscal técnico titular: Elise Cristina Eidt, Assistente em Administração, Siape 2907979;
d) fiscal técnico suplente: Ciro Omar Rodrigues Zambarda, Administrador, Siape 1933413.

II - Reitoria:
a) gestor titular: Gelson Roque Guzzon, Administrador, Siape 1793267;
b) fiscal técnico titular: Adilson Zacarias da Silva, Assistente em Administração, Siape 1764619.

Art. 2º Os gestores e os fiscais serão responsáveis por fiscalizar e acompanhar o andamento e a execução dos serviços prestados, de acordo com o Manual nº 3/PROAD/UFFS/2014, de Gestão e Fiscalização de Contratos da UFFS.

Art. 3º O contrato é decorrente do Pregão Eletrônico nº 8/2020, Processo nº 23205.002987/2020-58, contratada a empresa MECÂNICA POINTER LTDA.

Art. 4º Fica revogada a Portaria nº 485/PROAD/UFFS/2021, de 6 de julho de 2021.

Art. 5º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação no Boletim Oficial da UFFS.

Chapecó-SC, 15 de março de 2022.

Charles Albino Schultz

Pró-Reitor de Administração e Infraestrutura em exercício

Designa servidores para atuarem como gestores e fiscais do Contrato nº 82/2018, tendo como objeto a contratação de empresa especializada, para a prestação de serviço continuado de agenciamento de viagens para aquisição de passagens aéreas nacionais e internacionais.

O PRÓ-REITOR DE ADMINISTRAÇÃO E INFRAESTRUTURA EM EXERCÍCIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições e tendo em vista a delegação de competência do Magnífico Reitor através da Portaria nº 354/GR/UFFS/2010, de 30/08/2010, publicada no Boletim Oficial da UFFS na mesma data,

RESOLVE:

Art. 1º DESIGNAR os servidores abaixo relacionados para, com observância da legislação vigente, atuarem como Gestores e Fiscal do Contrato nº 82/2018, tendo como objeto a contratação de empresa especializada, em regime de empreitada por preço global, para a prestação de serviço continuado de agenciamento de viagens para aquisição de passagens aéreas nacionais e internacionais, compreendendo os serviços de reserva, emissão, marcação, remarcação e cancelamento, com propostas de menor “taxa de agenciamento” para atender a demanda da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS):

I - gestor titular: Cesar Augusto Di Domenico, Administrador, Siape 1943664;
II - gestor suplente: Anni Kellen Cunico, Administradora, Siape 1943625;
III - fiscal técnico titular: Carla Berwanger, Assistente em Administração, Siape 1795516;
IV - fiscal técnico suplente: Christiane Patricia dos Santos, Assistente em Administração, Siape 3249050.

Art. 2º Os gestores e o fiscal serão responsáveis por fiscalizar e acompanhar o andamento e a execução dos serviços prestados, de acordo com o Manual nº 3/PROAD/UFFS/2014, de Gestão e Fiscalização de Contratos da UFFS.

Art. 3º O contrato é decorrente do Pregão Eletrônico nº 54/2018, Processo nº 23205.003497/2018-54, contratada a empresa UATUMÃ EMPREENDIMENTOS TURÍSTICOS LTDA.

Art. 4º Fica revogada a Portaria nº 177/PROAD/UFFS/2019, de 27 de setembro de 2019.

Art. 5º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação no Boletim Oficial da UFFS.

Chapecó-SC, 15 de março de 2022.

Charles Albino Schultz

Pró-Reitor de Administração e Infraestrutura em exercício

Designa servidores para atuarem como gestores e fiscais do Contrato nº 55/2019, tendo como objeto a contratação de transporte executivo com carro de passeio e transporte rodoviário de passageiros com van, micro-ônibus e ônibus, no âmbito municipal, intermunicipal, interestadual e internacional, para execução de viagens destinadas a atender as necessidades dos Campi e Reitoria da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS), no tocante à logística de transporte institucional.

O PRÓ-REITOR DE ADMINISTRAÇÃO E INFRAESTRUTURA EM EXERCÍCIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições e tendo em vista a delegação de competência do Magnífico Reitor através da Portaria nº 354/GR/UFFS/2010, de 30/08/2010, publicada no Boletim Oficial da UFFS na mesma data,

RESOLVE:

Art. 1º DESIGNAR os servidores abaixo relacionados para, com observância da legislação vigente, atuarem como Gestores e Fiscais do Contrato nº 55/2019, tendo como objeto a contratação, sob a forma de execução indireta, no regime de empreitada por preço unitário, de empresa especializada para a prestação dos serviços continuados de transporte executivo com carro de passeio e transporte rodoviário de passageiros com van, micro-ônibus e ônibus, no âmbito municipal, intermunicipal, interestadual e internacional, para execução de viagens destinadas a atender as necessidades dos Campi e Reitoria da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS), no tocante à logística de transporte institucional:

I - Campus Chapecó-SC:
a) gestor titular: Diego de Souza Boeno, Coordenador Administrativo, Siape 2139439;
b) gestor suplente: Thais Branco, Assistente em Administração, Siape 2998483;
c) fiscal técnico titular: Elise Cristina Eidt, Assistente em Administração, Siape 2907979;
d) fiscal técnico suplente: Ciro Omar Rodrigues Zambarda, Administrador, Siape 1933413.

II - Reitoria:
a) gestor titular: Gelson Roque Guzzon, Administrador, Siape 1793267;
b) fiscal técnico titular: Adilson Zacarias da Silva, Assistente em Administração, Siape 1764619.

Art. 2º Os gestores e os fiscais serão responsáveis por fiscalizar e acompanhar o andamento e a execução dos serviços prestados, de acordo com o Manual nº 3/PROAD/UFFS/2014, de Gestão e Fiscalização de Contratos da UFFS.

Art. 3º O contrato é decorrente do Pregão Eletrônico nº 34/2019, Processo nº 23205.002246/2019-33, contratada a empresa LOKAR AGÊNCIA DE VIAGENS E TURISMO LTDA.

Art. 4º Fica revogada a Portaria nº 370/PROAD/UFFS/2021, de 8 de fevereiro de 2021.

Art. 5º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação no Boletim Oficial da UFFS.

Chapecó-SC, 15 de março de 2022.

Charles Albino Schultz

Pró-Reitor de Administração e Infraestrutura em exercício

Designa servidores para atuarem como gestores e fiscais do Contrato nº 56/2019, tendo como objeto a contratação de empresa especializada para a prestação de serviço de transporte executivo com carro de passeio e transporte rodoviário de passageiros com van, micro-ônibus e ônibus, no âmbito municipal, intermunicipal, interestadual e internacional, para execução de viagens destinadas a atender as necessidades dos Campi e Reitoria da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS), no tocante à logística de transporte institucional.

O PRÓ-REITOR DE ADMINISTRAÇÃO E INFRAESTRUTURA EM EXERCÍCIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições e tendo em vista a delegação de competência do Magnífico Reitor através da Portaria nº 354/GR/UFFS/2010, de 30/08/2010, publicada no Boletim Oficial da UFFS na mesma data,

RESOLVE:

Art. 1º DESIGNAR os servidores abaixo relacionados para, com observância da legislação vigente, atuarem como Gestores e Fiscais do Contrato nº 56/2019, tendo como objeto a contratação de empresa especializada para a prestação de serviço de transporte executivo com carro de passeio e transporte rodoviário de passageiros com van, micro-ônibus e ônibus, no âmbito municipal, intermunicipal, interestadual e internacional, para execução de viagens destinadas a atender as necessidades dos Campi e Reitoria da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS), no tocante à logística de transporte institucional:

I - Campus Chapecó-SC:
a) gestor titular: Diego de Souza Boeno, Coordenador Administrativo, Siape 2139439;
b) gestor suplente: Thais Branco, Assistente em Administração, Siape 2998483;
c) fiscal técnico titular: Elise Cristina Eidt, Assistente em Administração, Siape 2907979;
d) fiscal técnico suplente: Ciro Omar Rodrigues Zambarda, Administrador, Siape 1933413.

II - Reitoria:
a) gestor titular: Gelson Roque Guzzon, Administrador, Siape 1793267;
b) fiscal técnico titular: Adilson Zacarias da Silva, Assistente em Administração, Siape 1764619.

Art. 2º Os gestores e os fiscais serão responsáveis por fiscalizar e acompanhar o andamento e a execução dos serviços prestados, de acordo com o Manual nº 3/PROAD/UFFS/2014, de Gestão e Fiscalização de Contratos da UFFS.

Art. 3º O contrato é decorrente do Pregão Eletrônico nº 34/2019, Processo nº 23205.002246/2019-33, contratada a empresa VIAGENS CHAPECÓ TRANSPORTE E TURISMO LTDA.

Art. 4º Fica revogada a Portaria nº 371/PROAD/UFFS/2021, de 8 de fevereiro de 2021.

Art. 5º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação no Boletim Oficial da UFFS.

Chapecó-SC, 15 de março de 2022.

Charles Albino Schultz

Pró-Reitor de Administração e Infraestrutura em exercício

CONCUR

Prestação de Contas referente a execução do subprojeto "Efeitos do enriquecimento ambiental no bem-estar de Calopsitas (Nymphicus Hollandicus) mantidas em cativeiro".

 

Processo nº: 23205.106560-2019-94

Conselheiro Relator: Evandro Bilibio

Assunto: Prestação de Contas referente a execução do subprojeto de pesquisa aprovado pelo Edital Nº 881/GR/UFFS/2019 de Resultado Final do Edital Nº 459/GR/UFFS/2019. Título:

Efeitos do enriquecimento ambiental no bem-estar de Calopsitas (Nymphicus Hollandicus) mantidas em cativeiro.

Interessado: Docente Luciana Pereira Machado - UFFS

 

I - HISTÓRICO

 

A prestação de contas final do processo 23205.106560-2019-94 referente ao Projeto Efeitos do enriquecimento ambiental no bem-estar de Calopsitas (Nymphicus Hollandicus) mantidas em cativeiro; coordenado pela docente Luciana Pereira Machado.

O projeto recebeu R$4.985,00 dos quais, R$350,00 em despesas de capital e R$4.635,00 em despesas correntes a serem executadas entre 01/09/2019 a 31/12/2020.

A prestação de contas foi aprovada pelo CAP (pág. 211 a 213).

A DCONT identificou incoformidades quanto a prestação de contas e as reportou a interessada para que fossem sanadas (prazo estipulado de 10 dias) antes da emissão do seu Parecer Técnico (pág. 214 e 215). As inconformidades dizem respeito: 1) não apresentaçãode cotação prévia de preços para itens de bens de capital (bens permanentes) e de serviços; o pagamento pela interessada de despesas bancárias (R$10,45) com os recursos destinados a execução do projeto – procedimento vedado pelo item 2.8 do Edital e o cadastro do item Contador estatístico manual (para contagem celular ao microscópio) como bem de consumo, quando deveria ter sido cadastrado como bem de capital. Todas as inconsistências foram sanadas pela interessada, conforme nos atestam as páginas 214 a 226. Diante disso a DCONT emitiu Parecer Técnico favorável a aprovação do relatório final de prestação de contas do projeto (pág. 227 a 229).

 

II - CONSIDERAÇÕES

O Comitê Assessor de Pesquisa aprovou o relatório final; o projeto em si e a adequação entre os recursos solicitados e a execução do projeto; bem como julgou pertinentes os resultados apresentados na pesquisa.

A Diretoria de Contabilidade verificou a prestação de contas, a movimentação financeira e a aplicação dos recursos pela interessada, tendo emitido parecer favorável.

 

 

III - DECISÃO DO RELATOR

 

Diante do exposto, s.m.j, sou de parecer favorável à aprovação do processo em epígrafe.

 

Chapecó-SC, 14 de março de 2022.

 

 

Evandro Bilibio

Conselheiro Relator

 

Chapecó-SC, 18 de março de 2022.

Alcindo Oliveira Lopes

Presidente do Conselho Curador

Prestação de Contas referente a execução do subprojeto de pesquisa "Distribuição das larvas de peixes nos diferentes micro-habitats presentes no Médio rio Uruguai".

 

Processo nº: 23205.1066702019-56

Conselheiro Relator: Evandro Bilibio

Assunto: Prestação de Contas referente a execução do subprojeto de pesquisa aprovado pelo Edital Nº 881/GR/UFFS/2019 de Resultado Final do Edital Nº 459/GR/UFFS/2019. Título: Distribuição das larvas de peixes nos diferentes micro-habitats presentes no Médio rio Uruguai

Interessado: Docente Davi Augusto Reynalte Tataje - UFFS


I - HISTÓRICO


A prestação de contas final do processo 23205.1066702019-56 referente ao Projeto Distribuição das larvas de peixes nos diferentes micro-habitats presentes no Médio rio Uruguai ; coordenado pelo docente Davi Augusto Reynalte Tataje.

O projeto recebeu R$4.959,00 dos quais, R$4.639 em despesas de capital e R$320,00 em despesas correntes a serem executadas entre 01/09/2019 a 31/08/2021.

A prestação de contas foi aprovada pelo CAP (pág. 123 e 124).

A DCONT emitiu Parecer Técnico favorável a aprovação do relatório final de prestação de contas do projeto (pág. 125 e 126).

 

II - CONSIDERAÇÕES

 

O Comitê Assessor de Pesquisa aprovou o relatório final; o projeto em si e a adequação entre os recursos solicitados e a execução do projeto; bem como julgou pertinentes os resultados apresentados na pesquisa.

A Diretoria de Contabilidade verificou a prestação de contas, a movimentação financeira e a aplicação dos recursos pelo interessado, tendo emitido parecer favorável.


III - DECISÃO DO RELATOR

 

Diante do exposto, s.m.j, sou de parecer favorável à aprovação do processo em epígrafe.

 


Evandro Bilibio

Conselheiro Relator

 

Chapecó-SC, 18 de março de 2022.

Alcindo Oliveira Lopes

Presidente do Conselho Curador

Prestação de contas referente ao projeto “Avaliação do potencial genotoxico da exposição aguda de três tipos de agrotóxicos em anfíbios”.

 

Processo nº 23205.106697/2019-49

Conselheiro Relator: Celso Eidt

Assunto: Prestação de contas referente ao projeto “Avaliação do potencial genotoxico da exposição aguda de três tipos de agrotóxicos em anfíbios”

Interessado: Profa. Marília Teresinha Hartmann


I Histórico

 

O Processo nº 23205.106697/2019-49 compreende a prestação de contas do Termo de Outorga referente ao subprojeto “Avaliação do potencial genotoxico da exposição aguda de três tipos de agrotóxicos em anfíbios” selecionado pelo Edital nº 459/2019. O Projeto teve como objetivo geral “avaliar o potencial genotoxico dos agrotóxicos testados em uma espécie de anfíbio do gênero

Physalaemus, utilizando o teste do micronúcleo, verificando a existência ou não de indução de

micronúcleos e anormalidades no núcleo das células do sangue”.

Para a realização da pesquisa foram coletadas desovas de anfíbios no lago dentro da UFFS – Campus Erechim- RS. Os experimentos foram feitos no laboratório de Ecologia e

Conservação da Universidade Federal Fronteira Sul, campus Erechim.

 

II Relatório Técnico

 

O documento de prestação de contas expõe o Demonstrativo de Receitas e Despesas; a Relação de pagamentos, com cópias dos respectivos documentos e comprovantes: e os Extratos bancários de conta corrente para todo o período da prestação de contas, bem como o relatório de pesquisa e as publicações referentes ao projeto.

Um parecer da Divisão de Gestão e Controle, intitulado “Análise Documental de Conformidade”, emitido em 18 de dezembro de 2019, informa que a documentação “apresenta conformidade” e o encaminha para conhecimento e arquivo.

De acordo com o parecer do Comitê Assessor de Pesquisa o projeto, objeto deste processo, cumpriu as exigências referentes à prestação de contas, assumidas no ato da assinatura do Termo de Outorga de Auxílio, tendo analisado os seguintes itens:

- I Relatório contendo os resultados finais de execução do objeto, o qual contemplou: a descrição das atividades desenvolvidas para o cumprimento do objeto; a demonstração e o comparativo científico das metas com os resultados alcançados; o comparativo das metas previstas e cumpridas e, em caso de discrepância, a justificativa para o não cumprimento; e, quando houver, a relação de bens desenvolvidos ou produzidos.

Segundo o parecer técnico 0193991 do DCONT, emitido em Chapecó-SC no dia 13 de setembro de 2021, que faz a Análise da Prestação de Contas do Termo de Outorga referente ao subprojeto intitulado “Avaliação do potencial genotoxico da exposição aguda de três tipos de agrotóxicos em anfíbios.”, a verificação da documentação da prestação de contas se deu com ênfase nos seguintes aspectos:

 

Relatório de prestação de contas; Comprovantes das despesas realizadas; Datas de emissão dentro do período de vigência do termo de outorga (nem anterior nem posterior, item 6.10, Edital 459/2019); Exatidão dos valores e comprovantes de pagamentos anexados. Informações complementares; Não utilização em despesas vedadas (item 5.2.3, Edital 459/GR/UFFS/2019); Atestes nas notas fiscais; Comprovantes de pesquisa/cotação prévia de preços para a contratação de serviços, quando houver; Comprovante recolhimento do saldo não utilizado -GRU; Comprovante do registro patrimonial (tombamento) dos equipamentos e/ou material permanente (itens 2.7.1 e 2.7.2 do Termo de Outorga); Aplicação financeira e rendimentos auferidos. A pesquisadora não aplicou os recursos financeiros enquanto estavam depositados em conta corrente. Procedeu-se cálculo dos rendimentos com base na movimentação da conta corrente (memória de cálculo anexada ao processo) com a ferramenta “calculadora do cidadão” do Banco Central, apurando-se R$ 84,44, importância que foi devolvida ao Tesouro Nacional por guia GRU; Prestação de contas no prazo hábil (até 60 dias da vigência final do Termo de Outorga, item 7.2, Edital 459/GR/UFFS/2019); O item 7.2 do Edital 459/GR/UFFS/2019 e o item 5.1 do Termo de Outorga determinam a apresentação da prestação de contas no prazo de até 60 dias contados da vigência final do Termo de Outorga, que foi em 31/08/2020. A prestação de contas foi remetida à CAPPG-ER dentro do prazo regulamentar, na data de 25/10/2020.

 

Parecer do Decont - Considerando o Parecer da Prestação de Contas do Pesquisador emitido pela Coordenação Adjunta de Pesquisa e Pós-Graduação do Campus Erechim declarando que o projeto cumpriu as exigências do item 5.2, inciso I do Termo de Outorga (resultado final da execução do objeto, descrição das atividades desenvolvidas para o cumprimento do objeto; a demonstração e o comparativo científico das metas com os resultados alcançados; o comparativo das metas previstas e cumpridas);

Considerando a documentação apresentada em conformidade com o item 5.2, incisos II a VII do Termo de Outorga, comprovando a regular aplicação dos recursos financeiros ao objeto

do projeto;

Recomenda-se a aprovação da prestação de contas, nos termos do item 5.7, inciso I do

Termo de Outorga.

 

III Voto do relator

 

Considerando o Demonstrativo de Receitas e Despesas; a Relação de pagamentos, com cópias dos respectivos documentos e comprovantes; os Extratos bancários mensais de conta corrente; os apontamentos realizados pela DCONT, pelo Comitê Assessor de Pesquisa, e as respostas da responsável pelo contrato, recomendamos a aprovação da Prestação de contas final do projeto “Avaliação do potencial genotoxico da exposição aguda de três tipos de agrotóxicos em anfíbios”, do Processo nº 23205.106697/2019-49.

 

 

Celso Eidt

Relator

 

Chapecó-SC, 17 de março de 2022.

Alcindo Oliveira Lopes

Presidente do Conselho Curador

PROGRAD

Estabelece os critérios e procedimentos para a concessão de auxílio financeiro para viagens de estudo para o ano de 2022

O PRÓ-REITOR DE GRADUAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições e tendo em vista a delegação de competência do Magnífico Reitor através da Portaria nº 442/GR/UFFS/2020, torna público os critérios e procedimentos para a concessão de auxílio financeiro para Viagens de Estudo no ano de 2022, mediante as condições estabelecidas neste Edital, em conformidade à Portaria nº 0652/GR/UFFS/2016, que institui o Programa de Auxílio Financeiro para Viagens de Estudo.

 

1 OBJETIVO

1.1 O Programa de Auxílio Financeiro para Viagem de Estudo objetiva conceder auxílio financeiro aos estudantes regularmente matriculados em cursos de graduação da UFFS, visando sua participação em atividades previstas nos Planos de Ensino dos Componentes Curriculares e desenvolvidas fora das dependências do Campus de oferta, cujo desenvolvimento extrapole os horários de início e fim da jornada de aula dos respectivos turnos.

 

2 NATUREZA DAS ATIVIDADES

2.1 Define-se como Viagem de Estudo o deslocamento dos estudantes para fora das dependências do Campus universitário, com a finalidade de desenvolver atividades de ensino obrigatórias e previstas nos Planos de Ensino dos CCRs, envolvendo as seguintes modalidades:

I - atividades de campo;

II - visitas técnicas;

III - aprofundamento de estudos.

 

3 PÚBLICO ALVO

3.1 O Auxílio para Viagens de estudo destina-se a atender aos estudantes regularmente matriculados nos cursos de graduação da UFFS para viabilizar sua participação em atividades de ensino previstas nos Planos de ensino, em conformidade com o estabelecido no respectivo Projeto Pedagógico.

 

4 CARACTERIZAÇÃO DO AUXÍLIO

4.1  O montante de recursos destinado ao desenvolvimento das atividades dos auxílios, para o ano de 2022, é de R$ 100.000,00 (cem mil reais), distribuído entre os campi, proporcionalmente, segundo o percentual total da matriz de desconcentração orçamentária, resultando nos seguintes valores:

I - Campus Cerro Largo: R$ 17.000,00

II - Campus Chapecó: R$ 30.000,00

III - Campus Erechim: R$ 21.000,00

IV - Campus Laranjeiras: R$ 13.000,00

V - Campus Realeza: R$ 14.000,00

VI - Campus Passo Fundo: R$ 5.000,00

4.2 Havendo necessidade de ampliação dos recursos e disponibilidade orçamentária, o valor destinado para a realização das atividades de viagens de estudo poderá ser complementado mediante pactuação com as Coordenações Acadêmicas e solicitação de reforço dos empenhos.

4.3 Cabe às Coordenações Acadêmicas dos respectivos campi definir a distribuição dos recursos no âmbito do Campus, em diálogo com as Coordenações dos Cursos, os Fóruns do Domínio Comum e Conexo e a Coordenação do NAP.

4.4 A alocação dos recursos no âmbito dos campi destina-se a finalização do semestre 2021.2 e a ambos os semestres letivos do ano de 2022, devendo sua previsão de uso ser encaminhada à DPGRAD até o dia 01/09/2022, de forma que poderá haver realocação de recursos para outros campi em caso(s) de não utilização do montante destinado a algum(uns) destes.

4.5 A realocação de recursos aludida no item 4.4 será feita mediante avaliação de demandas pela DPGRAD, em diálogo com as Coordenações Acadêmicas dos campi.

4.6 As Coordenações Acadêmicas dos campi, deverão encaminhar à DPGRAD a planilha de controle dos gastos no fim de cada ano, permitindo assim o acompanhamento da Execução do recurso pela DPGRAD.

4.7 Os recursos não utilizados para a respectiva finalidade, mediante protocolo, até o dia 30/10/2022, serão recolhidos pela PROPLAN e realocados para outros fins.

4.8 O auxílio financeiro será concedido em caráter individual e durante o semestre letivo em que são desenvolvidas as atividades de ensino.

4.9 O valor do auxílio financeiro, por dia de atividade, poderá envolver 01 (um) café da manhã, 01 (um) almoço, 01 (um) jantar e 01 (um) pernoite, considerando os seguintes valores:

I - para café da manhã - R$ 7,00 (sete reais);

II - para almoço - R$ 12,00 (doze reais);

III - para jantar - R$ 12,00 (doze reais);

IV - para pernoite - R$ 40,00 (quarenta reais).

4.10 Os auxílios poderão ser requeridos quando o desenvolvimento das atividades extrapolar os horários de início e fim da jornada de aula dos respectivos turnos.

I - Será concedido auxílio financeiro para café da manhã quando o deslocamento para o local de destino se iniciar antes das 07h00min.

II - Será concedido auxílio financeiro para o almoço quando o retorno ao Campus de origem for posterior às 14h00min.

III - Será concedido auxílio financeiro referente ao jantar quando o retorno ao Campus de origem ocorrer posteriormente às 21h00min.

 

5 CRITÉRIOS PARA CONCESSÃO

5.1 Constituem critérios para a concessão de auxílio financeiro para Viagem de Estudo:

I - realização de atividades de ensino fora das dependências do Campus, cujo desenvolvimento extrapole os horários de início e fim da jornada de aula dos respectivos turnos.

II - estar previsto no(s) Plano(s) de Ensino entregue(s) no início do semestre letivo, aos estudantes matriculados no(s) CCR(s) e aprovado(s) pelo(s) Colegiado(s) de Curso.

III - envolver, no mínimo, 50% dos estudantes matriculados no CCR;

5.2 Estudantes não matriculados no(s) CCR(s) poderão participar da atividade, mas não farão jus a qualquer auxílio.

5.3 Nas atividades em que o docente solicitar a participação de Monitor(es) e/ou bolsista(s), estes farão jus ao recebimento do auxílio.

 

6 PROCEDIMENTOS PARA SOLICITAÇÃO

6.1 A organização das atividades de ensino vinculadas às Viagens de Estudo e a solicitação do auxílio financeiro aos estudantes participantes, é de inteira responsabilidade do(s) docente(s) que responde(m) pelo(s) CCR(s).

6.2 A solicitação do auxílio obedecerá aos seguintes procedimentos:

I - a solicitação deverá ser feita pelo(s) docente(s), por meio de processo cadastrado no SIPAC (seguir o fluxo definido no Mapa do Processo – MP0320 disponível em: https://www.uffs.edu.br/pastas-ocultas/bd/proplan-dplan/processos/processos-academicos-discente/auxilio-financeiro-para-viagens-de-estudos-prograd-mp0320), com, no mínimo, 30 (trinta) dias antes da data da realização da viagem;

II - o Formulário de solicitação de auxílio -  F0240 do SIPAC/ANEXO I deste edital -  deve ser preenchido pelo docente, sendo de sua responsabilidade o correto preenchimento e conferência dos dados informados;

III - no processo de solicitação, deverá ser incluído cópia legível do CPF e do cartão bancário da conta corrente (ativa) em nome do estudante ou de comprovante de abertura de conta corrente aberta em nome do estudante, preferencialmente do Banco do Brasil (pode ser de outros bancos também). Inserir um arquivo único em PDF com todas as cópias.

IV - o processo deve ser enviado para a Coordenação do Curso analisar e inserir o parecer – F0241 do SIPAC. Em seguida, encaminhar à Coordenação Acadêmica do Campus, para autorização;

V - após parecer - F0242 do SIPAC - da Coordenação Acadêmica, o processo deve ser encaminhado ao Setor/pessoa do Campus, responsável pelo lançamento dos dados dos estudantes no Sistema Financeiro – SIAFI e solicitação do pagamento;

VI - em situações excepcionais, devidamente justificadas e comprovadas, solicitações protocoladas com prazo menor do que o previsto no item I, acima, poderão ser autorizadas a critério da Coordenação do Curso e Coordenação Acadêmica.

6.3 O docente responsável pela solicitação do auxílio também deverá encaminhar, via e-mail para o Setor/pessoa do Campus responsável pelo lançamento dos dados dos estudantes no Sistema Financeiro – SIAFI e solicitação do pagamento, planilha em arquivo editável com os mesmos dados que constam no modelo de planilha descrito no F0240 do SIPAC/Anexo I deste Edital, na mesma data que encaminhar a solicitação, isso para viabilização dos encaminhamentos administrativos;

6.4 Caso seja informada conta corrente inativa, conta poupança, conta-salário, conta-corrente em nome de outra pessoa, ou tenham sido informados dados incorretos/inconsistentes, o pagamento do auxílio poderá ser cancelado.

6.5 No caso da atividade envolver mais de um CCR, os docentes responsáveis por todos os CCR envolvidos deverão assinar a solicitação;

6.6 No caso da viagem envolver turmas de diferentes cursos de graduação, os coordenadores de todos os cursos envolvidos deverão inserir parecer - F0241 do SIPAC;

6.7 A aprovação da solicitação do auxílio financeiro aos estudantes não implica aprovação de diária(s) ao(s) docente(s) que participará(ão) da viagem. O pedido de diária(s) do(s) docente(s) deverá tramitar no seu campus de lotação, concomitantemente à solicitação de auxílio financeiro aos estudantes.

6.8 O transporte para realização da viagem de estudo deve ser solicitado no campus.

 

7 RELATÓRIO DA VIAGEM

7.1 Após a realização da viagem, é de inteira responsabilidade do docente que solicita o auxílio,  anexar no processo em até 10 (dez) dias, o relatório final – F0243 do SIPAC/ ANEXO II deste Edital -, e cópia da Guia de Recolhimento da União - GRU paga pelo estudante que recebeu o auxílio e não participou da viagem,  e encaminhar o processo para o Setor/pessoa do Campus, responsável pelo lançamento dos dados dos estudantes no Sistema Financeiro – SIAFI e solicitação do pagamento, para que seja feito o acompanhamento das pendências

7.2 A falta da entrega do relatório final dentro do prazo estabelecido, implica na cessação do pagamento de auxílios previstos neste Edital aos discentes do curso de vinculação do CCR que originou a viagem e o docente ficará proibido de solicitar novos auxílios financeiros.

7.3 É de inteira responsabilidade do docente responsável pela viagem encaminhar o relatório final com as devidas GRU’s pagas pelos discentes que não participaram da viagem e ou/ justificar a ausência delas.

 

8 DEVOLUÇÃO DO AUXÍLIO

8.1 O estudante contemplado com o auxílio que, por qualquer motivação, não venha a participar da atividade acadêmica deverá ressarcir o valor recebido por meio da Guia de Recolhimento da União - GRU. Para emissão da guia, deverá utilizar os seguintes dados:

I - Acessar: https://consulta.tesouro.fazenda.gov.br/gru_novosite/gru_simples.asp

II - Na página principal digitar os dados da Unidade Gestora (nº 158517), Gestão (nº 26440 - Universidade Federal da Fronteira Sul), Código de recolhimento (nº 68888-6 para o ano corrente e nº 18806-9 para anos anteriores) e clicar em avançar.

III - Na página seguinte, preencher os campos da seguinte forma: Número de referência (corresponde ao número do empenho e será informado para o docente responsável pela atividade); competência igual ao mês/ano de recebimento do auxílio; a data de vencimento é o dia em que a GRU será paga; CPF e nome completo do estudante; valor principal e total igual ao recebido para realização da atividade; selecionar a opção de geração em PDF e imprimir o documento. Realizar o pagamento dentro do prazo lançado na Guia e entregar ou enviar uma cópia da guia paga ao docente responsável pela viagem, que a anexará ao Relatório Final, conforme previsto no Art. 7 deste edital.

8.2 A não quitação do valor recebido, impossibilitará os estudantes em débito de receber novos auxílios para participação em atividades de ensino.

 

9 DISPOSIÇÕES FINAIS

9.1 O acompanhamento das Guias de Recolhimento da União - GRU pagas são de incumbência do Setor/pessoa do Campus responsável pelo lançamento do auxílio no SIAFI.

9.2 Os processos de auxílio financeiro para o mês de dezembro, devem ser protocolados até o dia 30 de outubro de 2022, tendo em vista o fim do ano/exercício financeiro.

9.3 Os casos omissos serão analisados pelas Coordenações Acadêmicas e PROGRAD.

 

 

 

 

 

Chapecó-SC, 14 de março de 2022.

Jeferson Saccol Ferreira

Pró-reitor de Graduação

ALTERA A COMPOSIÇÃO DO NÚCLEO DOCENTE ESTRUTURANTE (NDE) DO CURSO DE GRADUAÇÃO INTERDISCIPLINAR EM EDUCAÇÃO DO CAMPO: CIÊNCIAS DA NATUREZA LICENCIATURA DO CAMPUS LARANJEIRAS DO SUL (EMEC 1455378)

O PRÓ-REITOR DE GRADUAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições legais, tendo em vista a delegação de competência do Magnífico Reitor através da Portaria nº 442/GR/UFFS/2020,

 

RESOLVE:

 

Art. 1º ALTERAR o art. 1º, da Portaria nº 132/PROGRAD/UFFS/2019, de 5 de novembro de 2019, que passa a vigorar com a seguinte redação:

 

“Art. 1º DESIGNAR os membros do Núcleo Docente Estruturante (NDE), do curso de graduação Interdisciplinar em Educação do Campo: Ciências da Natureza - Licenciatura e Interdisciplinar em Educação do Campo: Ciências Naturais, Matemática e Ciências Agrárias - Licenciatura, do Campus Laranjeiras do Sul, nos termos da Resolução nº 001/2011-CONSUNI/CGRAD, gestão 2019/2022:

Nome

Siape

Vitor de Moares

2063267

Ana Cristina Hammel

2073353

Joaquim Gonçalves da Costa

1800810

Marciane Maria Mendes

2022824

Ricardo Key Yamazaki

1542283

Vivian Machado de Menezes

2144383

Yasmine Miguel Serafini Micheletto

           3083396” (NR)

 

Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação no Boletim Oficial da UFFS.

 

Chapecó-SC, 14 de março de 2022.

Jeferson Saccol Ferreira

Pró-reitor de Graduação

Designa os membros do Núcleo de Apoio Pedagógico (NAP), do Campus Realeza.

O PRÓ-REITOR DE GRADUAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições legais, tendo em vista a delegação de competência do Magnífico Reitor através da Portaria nº 442/GR/UFFS/2020 e, considerando a Resolução nº 13/2013- CONSUNI/CGRAD,

 

RESOLVE:

 

Art. 1º DESIGNAR os membros do Núcleo de Apoio Pedagógico (NAP), do Campus Realeza:

 

Nome

Cargo/Função

Siape

Andréia Florêncio Eduardo de Deus

Pedagoga (Coordenadora)

1911243

Bárbara Grace Tobaldini de Lima

Professora do Magistério Superior

2154589

Mariane Inês Ohlweiler

Professora do Magistério Superior

2426991

Marcos Leandro Ohse

Professor do Magistério Superior

1479843

Ronaldo Aurélio Gimenes Garcia

Professor do Magistério Superior

2036184

Rosiane Moreira da Silva Swiderski

Professora do Magistério Superior

1106098

Vanessa Silva Retuci

Professora do Magistério Superior

1670205

Vanessa dos Santos Moura

Professora do Magistério Superior

1146055

 

Art. 2º Conforme disposto na Resolução nº 13/2013 - CONSUNI/CGRAD, o NAP tem por finalidade ser um espaço institucional de apoio didático e pedagógico aos professores da UFFS e de articulação para a formação docente.

 

Art. 3º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação no Boletim Oficial da UFFS.

Chapecó-SC, 14 de março de 2022.

Jeferson Saccol Ferreira

Pró-reitor de Graduação

CECCH

DIVULGA A LISTA FINAL DE ELEITORES DO CAMPUS CHAPECÓ/SC DA UFFS – VAGAS REMANESCENTES

A Comissão Eleitoral do Conselho de Campus Chapecó/SC da UFFS homologada pela Resolução Nº 70/CONSCCH/UFFS/2022, em cumprimento às atribuições previstas na Resolução Nº 56/CONSCCH/UFFS/2021, torna pública a lista final de eleitores do processo eleitoral, regido pelo Edital N°1/CECCH/UFFS/2022, para escolha dos representantes dos segmentos da comunidade acadêmica do Campus Chapecó no Conselho do Campus – Vagas Remanescentes.

 

1 A listagem final de eleitores está disposta no Anexo I do presente edital.

 

2 Este edital entra em vigor na data de sua publicação.

Chapecó-SC, 14 de março de 2022.

Jane Kelly Oliveira Friestino

Presidente da Comissão Eleitoral

ALTERA CRONOGRAMA DO PROCESSO DE ESCOLHA DE REPRESENTANTES PARA O CONSELHO DE CAMPUS – CHAPECÓ – VAGAS REMANESCENTES

A Comissão Eleitoral do Conselho de Campus Chapecó/SC da UFFS homologada pela Resolução Nº 70/CONSCCH/UFFS/2022, em cumprimento às atribuições previstas na Resolução Nº 56/CONSCCH/UFFS/2021, torna pública a alteração do cronograma do processo eleitoral, regido pelo Edital N°1/CECCH/UFFS/2022, para escolha dos representantes dos segmentos da comunidade acadêmica do Campus Chapecó no Conselho do Campus – Vagas Remanescentes.

 

1 Altera o Cronograma disposto no Art. 3º do Edital N°1/CECCH/UFFS/2022:

 

Onde se lê:

 

Eleições

Das 8 h de 17/03/2022 até as 17hs de 18/03/2022

Publicação do resultado provisório das eleições

Até 21/03/2022

Período para recursos ao resultado provisório das eleições

Até as 17hs de 22/03/2022

Publicação do resultado final das eleições

Até 23/03/2022

 

Leia-se:

 

Eleições

Das 8hs de 24/03/2022 até as 15hs de 25/03/2022

Publicação do resultado provisório das eleições

Até 28/03/2022

Período para recursos ao resultado provisório das eleições

Até as 17hs de 29/03/2022

Publicação do resultado final das eleições

Até 30/03/2022

 

 

2 Este edital entra em vigor na data de sua publicação.

Chapecó-SC, 17 de março de 2022.

Jane Kelly Oliveira Friestino

Presidente da Comissão Eleitoral

GR

ALTERAÇÃO DO EDITAL Nº 189/GR/UFFS/2022 DO PROCESSO SELETIVO PARA ALUNO REGULAR NO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO
O REITOR DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições legais, torna pública a alteração dos itens 2.5, 3.1 e 3.2, inciso VIII, do EDITAL Nº 189/GR/UFFS/2022, que dispõe sobre a admissão de alunos do processo seletivo regular do curso de Mestrado em Educação (PPGE), com ingresso no segundo semestre de 2022, que passam a vigorar com a seguinte redação:
2.5 Os pré-projetos de pesquisa devem, necessariamente, contemplar as temáticas conforme quadro abaixo:
Linha 1 - Políticas Educacionais
Orientador
Espaço e tempo enquanto conceitos e indutores das políticas educacionais. Políticas educacionais e relações produto-produtoras de espaço-tempo histórico e geográfico. Cotidiano e lugar nos documentos das políticas educacionais. Políticas educacionais no cotidiano e lugar.
Profª. Drª. Adriana Maria Andreis
1. Educação, Discurso e Poder (A Educação em relação com discursos globais. Discurso e Políticas Educacionais Brasileiras. As políticas educacionais e o discurso nos lugares. Discurso, poder e resistência). 2. Discurso, Políticas Educacionais e Atividade Estética (Os discursos e as lutas ideológicas. A atividade estética como resposta a lógicas hegemônicas na esfera da educação. A palavra literária e a construção de diferentes olhares. Manifestações artísticas e literárias na relação com visões cristalizadas nas políticas educacionais).
Profª. Drª. Camila Caracelli Scherma
Ensino Médio; Formação de Professores; Carreira Profissional; Atratividade da Profissão Docente.
Prof. Dr. Claudecir dos Santos
Estado e Políticas Públicas de educação básica e superior no Brasil.
Prof. Dr. Joviles Vitório Trevisol
Políticas Públicas para Educação no contexto Latino-americano.
Profª. Drª. Maria Sílvia Cristofoli
A Política Educacional da BNCC e as relações entre Tecnologias Digitais e a Matemática para a Educação Básica.
Profª. Drª. Nilce Fátima Scheffer
Gestão, inovação e financiamento da educação no âmbito das políticas e administração educacional brasileira.
Prof. Dr. Oto João Petry
Políticas de inclusão e diversidade
Profª. Drª. Patrícia Gräff
Linha 2 - Formação de Professores: conhecimentos e práticas educacionais
Orientador
Conhecimentos e o desenvolvimento profissional de professores que ensinam matemática examinados no contexto dos Lesson Studies (estudos de aula)
Profª. Drª. Adriana Richit
Formação de Professores: saberes e fazeres nas práticas educacionais. Tecnologias na Educação.
Profª. Drª. Ana Maria de Oliveira Pereira
Educação, barbarização e formas de resistência: neoliberalismo e neoconservadorismo. A escola e o Outro: cuidado, hospitalidade, responsabilidade e ética na docência.
Prof. Dr. Bruno Antonio Picoli
Ação pedagógica e epistemologia: as inter-relações necessárias.
Profª. Drª. Iône Inês Pinsson Slongo
Docência, campo discursivo e formação humana.
Prof. Dr. Odair Neitzel
Educação das relações étnico raciais; Educação antirracista; Diversidade.
Profª. Drª. Renilda Vicenzi
Desenvolvimento humano e educação escolar na perspectiva histórico-cultural.
Profª. Drª. Solange Maria Alves” (NR)
 
“3.1 As inscrições devem ser realizadas entre os dias 4 de março e 24 de abril de 2022, por meio de formulário eletrônico, disponível no caminho: sítio eletrônico da UFFS, página do PPGE em Pós-Graduação > Mestrado em Educação > ingresso > Processo Seletivo Regular > Formulário de inscrição 2022.” (NR)
 
3.2 ............................
....................................
VIII -  uma cópia do pré-projeto de pesquisa e do memorial descritivo, sem identificação do nome do candidato, em arquivo único - conforme template disponível no caminho: sítio eletrônico da UFFS, página do PPGE em Pós-Graduação > Mestrado em Educação > Ingresso > Processo Seletivo Regular > Template do pré-projeto e memorial descritivo. O arquivo deve ser nomeado com os 4 (quatro) primeiros dígitos do CPF do candidato, que serão usados como identificação do candidato. O não cumprimento desses requisitos implica em desclassificação;
....................................................
....................................................” (NR)
 
 

Chapecó-SC, 14 de março de 2022.

Marcelo Recktenvald

Reitor

Documento Histórico

EDITAL Nº 251/GR/UFFS/2022

HOMOLOGAÇÃO DO RESULTADO DE CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDO DO PROGRAMA DE DEMANDA SOCIAL CAPES E PROGRAMA DE BOLSA INSTITUCIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO PARA O CURSO DE MESTRADO EM AMBIENTE E TECNOLOGIAS SUSTENTÁVEIS
O REITOR DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições legais, torna público o resultado final do EDITAL Nº 174/GR/UFFS/2022, que trata do processo seletivo de candidatos a bolsas de estudo, do Programa de Demanda Social Capes e Programa de Bolsa Institucional de Pós-Graduação, para o Programa de Pós-Graduação em Ambiente e Tecnologias Sustentáveis.
 
1 CANDIDATOS APROVADOS
1.1  Linha I - Qualidade Ambiental (Item 2.2.1 do Edital 174/GR/UFFS/2022).
Ordem
Candidato
Situação
Modalidade da Bolsa
Rodrigo Rogoski Soltis
Contemplado
Bolsa DS Capes
1.2  Linha II - Desenvolvimento de Processos e Tecnologias (Item 2.2.2 do Edital 174/GR/UFFS/2022).
Ordem
Candidato
Situação
Modalidade da Bolsa
Thalía Lopes Friedrich
Contemplado
Bolsa DS Capes
1.3  Classificação Geral (Item 2.2.3 do Edital 174/GR/UFFS/2022).
Ordem
Candidato
Situação
Modalidade da Bolsa
Maíra Regina Giehl
Contemplado
Bolsa DS Capes
1.4  Classificação Suplentes (2.3 e 5.10 do Edital 174/GR/UFFS/2022).
Ordem
Candidato
Situação
Modalidade da Bolsa
Gustavo Kuhn Kreutz
Primeiro Suplente
Conforme disponibilidade
Bruna Ester Grumicker Pereira
Segundo Suplente
Conforme disponibilidade
 
2 CONCESSÃO DA BOLSA
2.1  O candidato contemplado com a bolsa deverá apresentar a seguinte documentação, na Secretaria do Programa de Pós-Graduação em Ambiente e Tecnologias Sustentáveis (Sala 1-2-16 - Unidade Seminário da UFFS, Rua Major Antônio Cardoso, 590, Cerro Largo), no período de 15 e 16 de março de 2022, das 08h às 12h e das 13h às 17h.
2.1.1  Documento de identidade com foto (RG) e CPF;
2.1.2  Comprovante de titularidade de conta corrente no Banco do Brasil (cópia do cartão da conta ou do contrato).
2.1.2.1  A conta bancária deve ser individual e na modalidade conta corrente.
2.1.3  Comprovante de residência no município de Cerro Largo, RS. No caso de declaração do proprietário do imóvel, a declaração deve estar com firma reconhecida em cartório.
2.1.4  Carteira de Trabalho e cópia das páginas de identificação e do último contrato de trabalho;
2.1.5  Formulário de Cadastro de Bolsista (DS Capes ou Institucional), assinado, disponíveis no site (www.uffs.edu.br/ppgats> Formulários).
2.1.6  Termo de Compromisso DS Capes, assinado (somente para o Bolsista DS Capes), disponíveis no site (www.uffs.edu.br/ppgats> Formulários).
2.2  O candidato selecionado deverá cumprir com todos os demais requisitos previstos no EDITAL Nº 174/GR/UFFS/2022.
 
 

Chapecó-SC, 14 de março de 2022.

Marcelo Recktenvald

Reitor

Documento Histórico

EDITAL Nº 252/GR/UFFS/2022

HOMOLOGAÇÃO DO RESULTADO FINAL DO EDITAL Nº 110/GR/UFFS/2022 ADMISSÃO DE ALUNOS EM DISCIPLINA ISOLADA NO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ESTUDOS LINGUÍSTICOS
O REITOR DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições legais, torna publica a homologação do resultado final do EDITAL Nº 110/GR/UFFS/2022 - Admissão de Alunos em Disciplina Isolada no Programa de Pós-Graduação em Estudos Linguísticos, com ingresso em 2022.1.
 
1 DA RELAÇÃO DOS CANDIDATOS APROVADOS PARA CCRs DO MESTRADO
1.1  Disciplina Mestrado: Língua e Discurso
1.1.1  Candidatos classificados:
Classificação
Nome
Rosane Natalina Meneguetti Silveira
André Fabiano Bertozzo
Mayara Picoli Colombo
Tatiane Percio
Ketlin Thaís Lolatto
1.1.2  Candidatos Suplentes:
Classificação
Nome
Marcos Roberto de Mattos
1.2  Disciplina Mestrado: Discurso, identidade e formação de professores
1.2.1  Candidatos classificados:
Classificação
Nome
Josicler de Carvalho Klein
Maria Eduarda Castanha
Matheus Cardoso da Silva
Suzana Rovadoscki
1.3  Disciplina Mestrado: Leitura e Cognição
1.3.1  Candidatos classificados:
Classificação
Nome
Maiara Olkoski
 
2 DA RELAÇÃO DOS CANDIDATOS APROVADOS PARA CCRs DO DOUTORADO
2.1  Disciplina Doutorado: Tópicos Especiais em Estudos do Discurso (arquivo e memória)
2.1.1  Candidatos Classificados:
Classificação
Nome
Alana Capitânio
Luciana Fátima Narcizo
Andressa Cristina Oliveira da Silva
Grazielli Alves Almeida Canalle
Tatiana Gritti
2.1.2  Candidatos Suplentes:
Classificação
Nome
Andreia Aparecida Signori
Ana Carolina Bresolin Stakonski
Juliana Cristina Morona
Vilker Germano Martins
10º
Darlise Vaccarin Fadanni
11º
Natal Canalle Junior
2.2  Disciplina Doutorado: Estudos Avançados em Sintaxe
2.2.1  Candidatos Classificados:
Classificação
Nome
Elis Regina Baú Maier
Bruna Marzullo Fonseca
2.3  Disciplina Doutorado: Plurilinguismo e Educação
2.3.1  Candidatos Classificados:
Classificação
Nome
Elena Wendling Ruscheinsky
Gláucia Pasini
Cíntia de Souza Dacoregio
Sara Alves dos Santos Carvalho
Jussani Derussi
Keila C. R. Dillmann
Natalyê Fonseca Steffen Miranda
Franciele Zanella
Gabriel Figueredo
 
3 DA MATRÍCULA
3.1  O candidato aprovado e classificado conforme o resultado final de seleção terá sua matrícula efetivada automaticamente entre os dias 14 e 18 de março de 2022, de acordo com o cronograma disponível neste edital.
3.2  O candidato aprovado e classificado que desistir da vaga deve comunicar a secretaria do programa pelo e-mail sec.ppgel@uffs.edu.br para que os candidatos suplentes possam assumir a vaga remanescente.
 
4 DAS DISPOSIÇÕES FINAIS
4.1  Aos alunos na condição de matrícula especial em disciplina isolada não será garantida a matrícula como aluno regular em futuros processos seletivos do PPGEL.
4.2  A oferta de disciplinas está condicionada à matrícula de 05 (cinco) alunos regulares na turma (Art. 107, RESOLUÇÃO Nº 18/CONSUNI CPPGEC/UFFS/2016).
4.3  Os alunos matriculados em disciplinas isoladas que ocorrerão no formato presencial terão que apresentar comprovação vacinal contra a COVID-19, conforme orientam a RESOLUÇÃO Nº 94/CONSUNI/UFFS/2021 e a INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 7/PROGRAD/UFFS/2022.
4.4  Enquanto perdurar a crise de saúde pública ocasionada pela pandemia da COVID-19, poderá haver “suspensão imediata ou readequação das atividades presenciais”, conforme estabelecem a RESOLUÇÃO Nº 77/CONSUNI/UFFS/2021 e a RESOLUÇÃO Nº 66/CONSCCH/UFFS/2021.
4.5  A qualquer tempo, se constatada a apresentação de documentos e/ou assinaturas inidôneas, será considerada cancelada a matrícula do candidato.
 
 

Chapecó-SC, 14 de março de 2022.

Marcelo Recktenvald

Reitor

Documento Histórico

EDITAL Nº 253/GR/UFFS/2022

RESULTADO PROVISÓRIO DO AUXÍLIO À PERMANÊNCIA DOS POVOS INDÍGENAS NA UFFS REFERENTE AO MÊS DE MARÇO
O REITOR DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições legais, e em cumprimento ao EDITAL Nº 358/GR/UFFS/2021, torna público o resultado provisório referente à concessão, atualização e desligamento do Auxílio à Permanência dos Povos Indígenas na UFFS, referente ao mês de março de 2022.
 
1 RELAÇÃO DE ESTUDANTES
1.1  Deferidos:
CAMPUS
MATRÍCULA
NOME
RESULTADO
VALOR (R$)
Chapecó
2111301033
Adriane Layssa Graciela da Silva Fermin
Deferido
*600,00
Chapecó
2111100033
Alex Fortes Mendes
Deferido
*400,00
Chapecó
2111100048
Diogo Antonio Ponciano Junior
Deferido
*490,00
Chapecó
2111501034
Jaciane Maila da Silva
Deferido
*400,00
Chapecó
2011721030
Jucileia Danuza Kagso Inacio Jacobsen
Deferido
*400,00
Chapecó
2111301038
Tainanda Kynin Samara Ferreira
Deferido
*600,00
Chapecó
2011100016
Vanessa Inês Antunes de Lima
Deferido
*490,00
Chapecó
2011730039
Zenilde Alves
Deferido
*490,00
Erechim
2115510030
Arilso Franco
Deferido
*600,00
Erechim
1925510021
Eliziane Alice Mineiro
Deferido
*600,00
Erechim
2015732001
Karine Kavagtá Fortes Kanheró
Deferido
**400,00
Erechim
2015732023
Mel de Souza
Deferido
*400,00
Erechim
2015502021
Milquezideque Sales
Deferido
*400,00
Erechim
2015610001
Nando Carvalho
Deferido
400,00
Erechim
1515510025
Silvana Pinto
Deferido
*690,00
Laranjeiras do Sul
2122550002
Angela Caroline Kofej Belino
Deferido
490,00
Laranjeiras do Sul
2122550005
Erovildo Fenhvaj Zacarias
Deferido
400,00
Laranjeiras do Sul
2122550014
Lucieli Gavãgnãh Fermino
Deferido
400,00
Laranjeiras do Sul
2122550016
Zedilene Vãkopra de Abreu
Deferido
490,00
Valor alterado de acordo com o item 3.3 do EDITAL Nº 358/GR/UFFS/2021.
**  Valor alterado de acordo com o item 3.3.1 do EDITAL Nº 358/GR/UFFS/2021.
1.2  Indeferidos e Desligados:
CAMPUS
MATRÍCULA
NOME
RESULTADO
MOTIVO
Erechim
2115732032
Edina Maristela Dos Santos
Desligado
03
Erechim
1525510008
Elisane Lopes
Indeferido
02
Laranjeiras do Sul
2122550015
Zedimara Rigsanh Pinheiro
Indeferido
01
1.3  Legenda:
MOTIVO
DESCRIÇÃO
01
Não atende ao art. 5.2 do EDITAL Nº 358/GR/UFFS/2021
02
Não atende ao art. 7.2 do EDITAL Nº 358/GR/UFFS/2021
03
Não atende ao art. 8.1 do EDITAL Nº 358/GR/UFFS/2021
 
2 DISPOSIÇÕES FINAIS
2.1  O estudante terá o prazo de 5 (cinco) dias úteis, após a publicação do resultado provisório, para solicitar revisão do resultado, por meio de formulário, disponível em https://www.uffs.edu.br/institucional/pro-reitorias/assuntos-estudantis/repositorio-pro-reitoria-de-assuntos-estudantis/formulario-para-pedido-de-revisao, encaminhando, por e-mail, ao SAE de seu campus.
2.1.1  Nos pedidos de revisão não será aceito acréscimo de documentos que tenham sido motivo de indeferimento da inscrição.
2.2  O resultado final das inscrições e a relação dos estudantes beneficiários de auxílio PIN serão publicados no site da UFFS (www.uffs.edu.br) > Acesso Fácil> Boletim Oficial> Editais> Gabinete do Reitor, nos meses de suas respectivas ocorrências.
 
 

Chapecó-SC, 14 de março de 2022.

Marcelo Recktenvald

Reitor

Documento Histórico

EDITAL Nº 254/GR/UFFS/2022

HOMOLOGAÇÃO DO RESULTADO FINAL DO EDITAL Nº 145/GR/UFFS/2022 DE CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDO DO PROGRAMA DE DEMANDA SOCIAL CAPES E DA UFFS
O REITOR DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições legais, torna pública a homologação do Resultado Final do Processo Seletivo de Candidatos a bolsas de mestrado do Programa de Demanda Social (DS), da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e da UFFS, de acordo com o EDITAL Nº 145/GR/UFFS/2022.
 
1 DO RESULTADO
1.1  Candidatos Aprovados e Contemplados:
Candidato
Nota
Situação
Bolsa
Linha de Pesquisa
Naiára Berwaldt Wust
8,62
Aprovado e contemplado
UFFS
Linha I- Políticas Educacionais e Currículo
Letiane Lopes da Cruz
9,64
Aprovado e contemplado
CAPES/DS
Linha II- Formação de Professores e Práticas Pedagógicas
1.2  Candidatos Suplentes:
Classificação
Candidato
Nota
Situação
Linha de Pesquisa
Tailine Penedo Batista
9,10
Suplente
Linha II- Formação de Professores e Práticas Pedagógicas
 
2 DAS DISPOSIÇÕES FINAIS
2.1  O candidato aprovado e contemplado com bolsa deverá apresentar, no momento em que for chamado para assumir a bolsa, originais e cópia dos seguintes documentos:
I -  Termo de Compromisso de aluno bolsista - será disponibilizado por e-mail pela secretaria do Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências;
II -  Documento de identidade com foto (RG) e do CPF;
III -  Carteira de trabalho (identificação e do último contrato de trabalho);
IV -  Comprovante de titularidade de conta corrente no Banco do Brasil (cópia do cartão da conta ou do contrato);
V - Comprovante de residência no município de Cerro Largo-RS, no caso de declaração do proprietário deve estar com firma reconhecida em cartório.
2.2  Os documentos solicitados deverão entregues na Secretaria do Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências (PPGEC), situada na sala 1-2-16 do Seminário da UFFS, Rua Major Antônio Cardoso, nº 590, Centro, Cerro Largo (RS).
2.3  Todos os documentos devem estar legíveis.
 

Chapecó-SC, 14 de março de 2022.

Marcelo Recktenvald

Reitor

Documento Histórico

EDITAL Nº 255/GR/UFFS/2022

CONVOCAÇÃO DE ESTAGIÁRIOS PARA ESTÁGIO NÃO OBRIGATÓRIO
O REITOR DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições legais, convoca o estagiário a seguir relacionado, classificado conforme o EDITAL Nº 157/GR/UFFS/2022, de 23 de fevereiro de 2022, a comparecer na data, local e horário indicado neste edital, para entrega da documentação para assinatura do Termo de Compromisso de Estágio.
 
1 DOCUMENTAÇÃO EXIGIDA PARA ASSINATURA DO TERMO DE COMPROMISSO DE ESTÁGIO
1.1  Os documentos exigidos e obrigatórios para o Termo de Compromisso de Estágio estão disponíveis no Site da UFFS (www.uffs.edu.br) em: Institucional > Pró-Reitorias > Gestão de Pessoas > Documentos para Admissão > Documentos para Compromisso de Estágio (link <https://www.uffs.edu.br/institucional/pro-reitorias/gestao-de-pessoas/documentos-para-admissao/documentos-para-compromisso-de-estagio>).
1.2  Caso seja necessário, outros documentos podem ser solicitados.
1.3  Para alunos de outras instituições de ensino é obrigatório convênio de estágio entre UFFS e a instituição do estudante.
 
2 CONVOCADOS
2.1  O candidato do Curso de Ciências Biológicas selecionado para a vaga de “Estagiário para Estágio Não-Obrigatório na Clínica-Escola de Nutrição da UFFS” deverá se apresentar no setor “Assessoria e Gestão de Pessoas”, localizado na Rua Avenida Edmundo Gaievski, 1000, sala 224, nas datas e horários a seguir:
Classificação
Candidato
Apresentação
João Pedro Dornelas
Data: 16/03/2022, às 14 horas.
2.1.1  Os candidatos deverão apresentar originais e cópias dos documentos solicitados no item 1.1 deste edital.
 
3 DISPOSIÇÕES FINAIS
3.1 O candidato que não comparecer com toda a documentação exigida, conforme item 1.1, no local, data e horário estipulados neste edital, será considerado desistente.
 

Chapecó-SC, 14 de março de 2022.

Marcelo Recktenvald

Reitor

Documento Histórico

EDITAL Nº 256/GR/UFFS/2022

CONVOCA PROFESSOR DO MAGISTÉRIO SUPERIOR SUBSTITUTO CLASSIFICADO CONFORME EDITAL Nº 742/GR/UFFS/2021
O REITOR DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS) no uso de suas atribuições legais convoca o Professor do Magistério Superior Substituto, classificado conforme EDITAL Nº 742/GR/UFFS/2021, de 19 de agosto de 2021, publicado no DOU de 20 de agosto de 2021, Homologado pelo EDITAL Nº 868/GR/UFFS/2021, de 27 de setembro de 2021, a comparecer a partir da publicação deste até as 16h30 horas do dia 21 de março de 2022, no respectivo campus da vaga concorrida, conforme endereço e horários especificados no item 2, para apresentar a documentação exigida para sua contratação, conforme item 3.
 
1 CONVOCADOS
I -  Campus: Realeza-PR
II -  Área de Conhecimento: Nutrição Clínica
Classificação
Candidato
Regime
03
Natália Tomborelli Bellafronte
40
 
2 LOCAL E HORÁRIO PARA ENTREGA DA DOCUMENTAÇÃO
2.1  Local:
I -  Campus Realeza: Rua Edmundo Gaievski, 1000; Rod. PR 182, Km 466, Bloco dos Professores, Sl. 222, Realeza-PR. Fone: (46) 3543- 8323. E-mail : agp.re@uffs.edu.br .
2.2  Horário de atendimento:
I -  Tendo em vista o regime de Trabalho Remoto pelos servidores se faz necessário agendar horário para a entrega da documentação pelo e-mail agp.re@uffs.edu.br.
 
3 DOCUMENTAÇÃO EXIGIDA PARA ASSINATURA DO CONTRATO
3.1  A documentação exigida encontra-se disponível no seguinte endereço eletrônico, item: https://www.uffs.edu.br/institucional/pro-reitorias/gestao-de-pessoas/documentos-para-admissao/teste ou na Página da UFFS (www.uffs.edu.br) > Institucional > Pró-Reitorias > Gestão de Pessoas > Documentos para Admissão > Documentos para contratação de professor substituto.
 
4 CONSIDERAÇÕES FINAIS
4.1 O não pronunciamento do candidato aprovado no prazo estabelecido facultará à Administração da UFFS a convocação dos candidatos seguintes, sendo seu nome excluído da lista de classificação.
 

Chapecó-SC, 14 de março de 2022.

Marcelo Recktenvald

Reitor

Documento Histórico

EDITAL Nº 257/GR/UFFS/2022

INSTITUI PROCESSO SELETIVO DE VAGAS REMANESCENTES PARA INGRESSO EM 2022/1 NAS MODALIDADES DE TRANSFERÊNCIA INTERNA, RETORNO DE ALUNO ABANDONO, TRANSFERÊNCIA EXTERNA PARA O CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA (BACHARELADO) DO CAMPUS CHAPECÓ (EMEC 1193759)
O REITOR DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições legais, torna públicas as condições de habilitação às vagas oferecidas pela UFFS, para a admissão em curso de graduação, mediante processo seletivo de Transferência Interna e Retorno de Aluno-abandono da UFFS e Transferência Externa, com validade para o ingresso no primeiro período letivo de 2022, para o curso de Medicina/Bacharelado/Integral, ofertado no Campus Chapecó.
 
1 DAS VAGAS E MODALIDADES DE INGRESSO
1.1  O número de vagas, bem como os critérios de classificação e desempate constantes no presente Edital, estão definidos nos termos do Regulamento da Graduação da UFFS, aprovado pela Resolução 4/2014 - CONSUNI/CGRAD, de 26 de junho de 2014 alterada pela RESOLUÇÃO Nº 9/CONSUNI CGAE/UFFS/2018, de 13 de novembro de 2018, e conforme Ato Normativo expedido pelo Colegiado do Curso regido pela RESOLUÇÃO Nº 1/CCME CH/UFFS/2022.
1.2  As vagas estão distribuídas nas modalidades de Transferência Interna e Retorno de Aluno-abandono da UFFS e Transferência Externa.
1.2.1  Considera-se Transferência Interna a troca de turno, de curso ou de campus no âmbito da UFFS, sendo vedada a transferência interna no semestre de ingresso ou de retorno na UFFS no momento da inscrição.
1.2.2  Entende-se por Aluno-abandono aquele que já esteve regularmente matriculado e rompeu seu vínculo com a instituição, por haver desistido ou abandonado o curso.
1.2.3  Considera-se Transferência Externa a concessão de vaga a estudante regularmente matriculado em outra Instituição de Ensino Superior - IES, nacional ou estrangeira, para prosseguimento de seus estudos na UFFS.
1.2.4  De acordo com os arts. 3o e 4o da RESOLUÇÃO Nº 1/CCME CH/UFFS/2022, para as modalidades de Transferência Interna e Retorno de Aluno-abandono da UFFS e Transferência Externa, somente serão consideradas inscrições de candidatos oriundos do curso de Medicina, sem prejuízo dos demais requisitos estabelecidos na RESOLUÇÃO.
1.3  De acordo com o Regulamento de Graduação da UFFS não poderá concorrer às vagas ofertadas neste edital:
I -  Para Retorno de Aluno-abandono: estudante com vínculo jubilado, nos termos da Res.4/2014/CONSUNI/CGRAD.
II -  Para Retorno de Aluno-abandono e Transferência Externa: estudante cuja matrícula tenha sido excluída na UFFS por processo disciplinar.
1.4  Quadro de vagas:
Campus
Curso/Turno
Total de vagas
Transferência Interna e Retorno de Aluno-abandono da UFFS
Transferência Externa
CCH
Medicina - B/I
05
02
03
1.4.1  Legenda:
Código
Descrição
CCH
Campus Chapecó
B/I
Bacharelado/Integral
1.4.2  O quadro de vagas poderá ser alterado em decorrência de eventual desistência solicitada por aluno regularmente matriculado no curso.
 
2 DA INSCRIÇÃO
2.1  Para a realização da inscrição o candidato, precisa observar os seguintes procedimentos:
2.2 Preencher o Formulário de Inscrição Eletrônico das 8h do dia 15/03/2022 até as 17h do dia 24/03/2022 e encaminhar via SEDEX ou entregar presencialmente na Secretaria Acadêmica do campus Chapecó a documentação relacionada nos itens 2.2 ou 2.3 conforme a modalidade de inscrição pretendida.
I - Enviar o Formulário de Inscrição Eletrônico pela internet.
2.2.1 O formulário de inscrição online estará disponível na página do processo seletivo e poderá ser acessado por meio do link https://forms.gle/XGeedTsZngWHDVUN9.
2.2.2 As orientações para preenchimento do formulário de inscrição estarão disponíveis no link informado no item 2.1.1.
2.2.3 Se identificada mais de uma inscrição do mesmo candidato, será considerada a última inscrição registrada. Inscrições realizadas fora do período definido neste edital não serão consideradas.
2.2.4 As inscrições estão condicionadas à existência de vaga no curso, turno e modalidade de ingresso pretendidos (de acordo com o item 1.4 deste Edital).
2.2.5 Além dos documentos especificados no edital o candidato deve consultar a RESOLUÇÃO Nº 1/CCME CH/UFFS/2022 do curso para verificar a necessidade de envio de documentos complementares. Em caso de exigência os documentos precisam ser enviados pelo candidato na forma especificada neste edital.
2.2.6 Para fins de análise serão consideradas apenas as inscrições de candidatos oriundos do curso de Medicina, conforme disposto na RESOLUÇÃO Nº 1/CCME CH/UFFS/2022.
2.3 Além do preenchimento do formulário, o candidato a Transferência Interna e Retorno de Aluno-abandono da UFFS deverá encaminhar documentos adicionais, caso estejam especificados na RESOLUÇÃO Nº 1/CCME CH/UFFS/2022. A entrega dos documentos deverá ser providenciada pelo candidato em envelope identificado, via SEDEX ou presencialmente, no endereço e prazo definido neste edital.
2.4 O candidato a Transferência Externa deverá preencher o formulário eletrônico de inscrição e, além de informar os dados pessoais, deve:
I -  Informar o ano de realização do Enem, que deve ser igual ou posterior ao ano de conclusão do ensino médio e o ano de conclusão do Ensino Médio.
II -  Informar o número da inscrição do Enem referente à edição de opção. O candidato deve optar por apenas uma edição do Enem caso tenha participado de mais de uma edição deste exame.
III -  Anexar o boletim de desempenho referente à edição do Enem selecioanda para a inscrição. O boletim de desempenho pode ser obtido no link https://enem.inep.gov.br/participante.
a)  Conforme disposto na RESOLUÇÃO Nº 1/CCME CH/UFFS/2022 o candidato poderá utilizar a nota do Enem obtida em uma das últimas 5 (cinco) edições do exame (2017 a 2021).
b)  A edição do Enem de opção não pode ter sido realizada pelo candidato na condição de treineiro.
c)  Será considerada, para fins de obtenção dos resultados do Enem junto ao INEP (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), o número de inscrição informado pelo candidato no formulário eletrônico de inscrição.
d)  Caso o número da inscrição do Enem informado no formulário de inscrição não seja identificado junto ao INEP, o candidato será automaticamente desclassificado do Processo Seletivo.
IV - entregar a documentação relacionada a seguir, em envelope identificado, via SEDEX ou presencialmente, no endereço e prazo definido neste edital:
b)  Cópia simples do Registro Geral (RG) ou equivalente. Para candidatos estrangeiros, serão aceitos como documentos de identificação cópia simples do passaporte com visto permanente ou visto temporário de estudante e cédula de identidade emitida pelo Ministério da Justiça ou, na falta desta, o protocolo de registro no Departamento de Polícia Federal (Art. 19 da LEI Nº 13.445, DE 24 DE MAIO DE 2017).
c)  Cópia simples do Cadastro de Pessoa Física (CPF) ou comprovante de inscrição emitido por meio do site www.receita.fazenda.gov.br. Dispensável caso o Registro Geral (RG) já contenha o número do CPF.
d)  Certidão de Quitação Eleitoral obtida por meio do site www.tse.jus.br.
e)  Cópia simples do documento comprobatório de estar em dia com as obrigações militares, para candidato do sexo masculino entre 18 e 45 anos, nos termos do Art. 5º da LEI Nº 4375.
f)  Cópia simples do comprovante de vacinação contra rubéola para candidata do sexo feminino até 40 anos, nos termos da LEI ESTADUAL Nº. 10.196/96/SC.
g)  Histórico Escolar de Graduação emitido pela IES de origem, com assinatura digital, código verificador e endereço eletrônico para conferência de sua autenticidade, contendo as seguintes informações: comprovante de vínculo acadêmico (matrícula ativa ou trancada) no semestre letivo de 2021/2; comprovante de reconhecimento ou autorização do curso pelo Ministério da Educação (MEC) ou Conselhos Estaduais de Educação (CEE), ou órgão equivalente no país de origem no caso de IES estrangeira; comprovante da situação no ENADE, para estudante de IES brasileira; número de horas de cada disciplina cursada, as notas ou menções e a carga horária total obtida no curso de procedência.
h)  Cópia simples do Certificado de Conclusão do Ensino Médio e Histórico Escolar do Ensino Médio ou Certidão de Exame supletivo ou cópia simples do documento comprobatório de equivalência de Ensino Médio, expedido pela Secretaria Estadual de Educação, quando o candidato concluiu este nível de estudos no exterior (Art. 5º da RESOLUÇÃO 09/CFE/1978).
2.4.1 Caso uma ou mais informações relacionadas na letra “g” do inciso III do item 2.3 não estiver disponível no Histórico Escolar de Graduação, deverá constar em declaração complementar expedida pela IES de origem.
2.4.2 Caso a comprovação da situação do ENADE não seja realizada na inscrição, o candidato oriundo de IES brasileira selecionado para matrícula na modalidade de transferência externa deverá, obrigatoriamente, apresentar a comprovação no momento da matrícula por meio de declaração complementar expedida pela IES de origem.
2.5 Os documentos citados nas letras “c” e “d" do inciso III do item 2.3 têm a apresentação dispensada, desde que estejam disponíveis para consulta na base de dados oficial da administração pública federal, em atendimento ao DECRETO Nº 9.094, DE 17 DE JULHO DE 2017.
2.6 Caso o histórico escolar de graduação não possua assinatura digital, código verificador e endereço eletrônico para conferência de autenticidade, deverá conter carimbo, assinatura e ser apresentado em cópia simples.
2.7 A entrega da documentação em envelope identificado poderá ser realizada presencialmente na Secretaria Acadêmica do campus Chapecó ou pelo correio, via SEDEX, conforme endereço, local e horários relacionados no item 5 deste edital.
2.7.1 A documentação para inscrição deverá ser direcionada aos cuidados da Secretaria Acadêmica do campus Chapecó com a observação “Inscrição Processo Seletivo Transferências e Retornos 2022/1 - Curso de Medicina” e conter o nome do candidato.
2.7.1.1 No caso de encaminhamento de documentação via SEDEX o candidato deverá observar a data limite de postagem especificada no item 4 - cronograma e, no caso de entrega presencial o candidato deve observar os horários de atendimento da Secretaria Acadêmica do campus Chapecó.
2.7.2 A UFFS não se responsabilizará por eventuais problemas/atrasos decorrentes da prestação de serviços dos correios, tampouco por comparecimento do candidato em data ou horário sem atendimento presencial da Secretaria Acadêmica. Compete ao candidato certificar-se que a documentação chegará à UFFS até a data limite especificada no cronograma.
2.7.3 O preenchimento do formulário de inscrição eletrônico, na página do processo seletivo, é obrigatória para fins de inscrição.
2.7.4 O candidato às vagas ofertadas para Transferência Externa poderá realizar a inscrição com cópia simples do documento oficial de identificação com foto em substituição ao Registro Geral (RG). Caso o candidato seja selecionado para matrícula deverá apresentar, obrigatoriamente, o Registro Geral (RG).
2.8 Somente serão aceitas inscrições para transferência externa de candidatos provenientes de cursos reconhecidos ou autorizados pelo MEC ou órgão equivalente no país de origem.
2.9 Todos os documentos expedidos em idioma estrangeiro devem estar autenticados pela autoridade consular brasileira do país que os expediu e acompanhados por tradução pública juramentada para o idioma português.
2.9.1 Estão dispensados da apresentação de tradução os documentos expedidos em idioma francês, espanhol e inglês, de acordo com o disposto no parágrafo 5º do art. 7º da RESOLUÇÃO Nº 3/2016 - CNE/CES.
2.9.2 Para os documentos expedidos pelos países signatários da convenção sobre a Eliminação da Exigência da Legalização de Documentos Públicos Estrangeiros (celebrada em Haia, em 5 de outubro de 1961), será dispensada legalização diplomática ou consular de documentos públicos, com exigência de aposição nos documentos, da apostila de autenticação, conforme modelo definido pela respectiva convenção.
2.10 A entrega presencial da documentação poderá ser realizada por terceiro, sem a necessidade de procuração.
2.11 O interessado somente poderá inscrever-se para um único curso, turno, campus e modalidade ofertados no Processo Seletivo de Transferência Interna e Retorno de Aluno-abandono da UFFS, Transferência Externa e Retorno de Graduado para ingresso em 2022/1.
2.12 Na inscrição para Transferência Interna e/ou retorno de Aluno-abandono da UFFS será considerada, para fins de análise, a situação de matrícula e a documentação referente ao último vínculo do candidato com a UFFS.
2.13 A relação de inscritos por campus , curso, e modalidade de inscrição será publicada na data especificada no item 4- cronograma.
2.14 É de responsabilidade do candidato efetuar a verificação de seus dados na relação de inscritos (nome, campus , curso, e modalidade de inscrição) e, em caso de divergência, notificar a UFFS por meio do e-mail ps.uffs@uffs.edu.br.
2.14.1 Não serão aceitos pedidos de inclusão de documentos após o período de realização das inscrições.
2.15 A inscrição somente será válida mediante preenchimento do formulário de inscrição e o envio e recebimento, pela Secretaria Acadêmica, de toda documentação exigida conforme modalidade de inscrição no prazo determinado no edital.
2.16 O candidato selecionado dentro do número de vagas terá o registro de matrícula realizado automaticamente pela Secretaria Acadêmica do campus de acordo com os prazos e procedimentos definidos no respectivo edital de registro de matrícula, a ser publicado no site <www.uffs.edu.br>.
2.16.1 Compete ao candidato acompanhar a divulgação dos resultados e o processo de registro de matrícula em caso de obtenção da vaga, bem como solucionar as eventuais pendências de acordo com a solicitação da Secretaria Acadêmica.
2.17 O candidato pode tirar dúvidas referentes à inscrição através dos seguintes e-mails :
I -  Secretaria Acadêmica do Campus Chapecó: matriculas.ch@uffs.edu.b r .
II -  Processo Seletivo: ps.uffs@uffs.edu.br.
 
3 DA ANÁLISE DOS PEDIDOS
3.1  Somente serão analisadas as inscrições que contenham a documentação completa e que atendam as condições estabelecidas no presente Edital e da RESOLUÇÃO Nº 1/CCME CH/UFFS/2022.
3.1.1  Não será homologada inscrição realizada quando averiguada falta de documentação, divergência de dados ou informações na documentação apresentada ou que coloquem em dúvida a autenticidade da mesma.
3.2  O resultado provisório do processo seletivo será divulgado na data constante no item 4 - cronograma.
3.2.1  O candidato poderá solicitar recurso do resultado provisório por meio do e-mail ps.uffs @uffs.edu.br, no período constante no item 5 - cronograma. O pedido de recurso deverá conter:
I -  Requerimento assinado pelo interessado (a ser obtido na página do processo seletivo) contendo justificativa do pedido.
II -  Documentos anexos que comprovem a pertinência da solicitação de recurso, se necessário.
3.2.2  Após análise, o resultado do recurso será divulgado por meio de edital específico.
3.2.3  Não serão considerados recursos referentes à não apresentação da documentação e/ou às informações exigidas neste edital.
3.3  O resultado final do processo seletivo será divulgado na data constante no item 4 - cronograma.
3.4  A classificação e a seleção dos candidatos será realizada nos termos do Regulamento de Graduação da UFFS, e quando for o caso, conforme critérios de classificação estabelecidos pelo Colegiado do Curso constante na RESOLUÇÃO Nº 1/CCME CH/UFFS/2022.
3.5  O preenchimento das vagas disponíveis se dará conforme Art. 34 do Regulamento de Graduação da UFFS e RESOLUÇÃO Nº 1/CCME CH/UFFS/2022.
3.6  Conforme preconiza o Regulamento de Graduação da UFFS, para ocupação das vagas disponíveis, obedecida a prevalência indicada para os incisos I e II, cabe ao Colegiado de Curso definir os demais critérios de classificação e desempate para o preenchimento das vagas.
3.7  Serão selecionados para matrícula os candidatos classificados dentro do número de vagas ofertas neste edital de acordo com a modalidade.
3.8  Após a análise dos pedidos, restando vagas não ocupadas em alguma das modalidades de ingresso, as mesmas serão realocadas para ocupação por candidato classificado em outra modalidade ingresso do mesmo curso/turno que não foi convocado para matrícula.
3.9  O resultado será publicado por meio de edital no endereço eletrônico <www.uffs.edu.br>.
3.10  A relação de documentos e os procedimentos do registro automático da matrícula serão divulgados em edital próprio a ser publicado no site <www.uffs.edu.br> .
 
4 CRONOGRAMA
Datas
Procedimentos
15 a 24/03/2022
Período para inscrição no processo seletivo. O formulário ficará disponível para preenchimento das 8h do dia 15/03/2022 até as 17h do dia 24/03/2022.
24/03/2022
Data limite para postagem de inscrição via correio (SEDEX) ou recebimento da documentação presencial.
31/03/2022
Data limite para recebimento da documentação (via SEDEX).
Até 07/04/2022
Publicação da relação provisória de inscritos.
10/04/2022
Data limite para notificação à UFFS, via e-mail, da correção dos seguintes dados de inscrição: nome, campus, curso, e modalidade de inscrição.
Até 11/04/2022
Publicação da relação final de inscritos.
Até 22/04/2022
Período de análise dos requerimentos de inscrição
Até 26/04/2022
Publicação do edital de resultado provisório.
Até 28/04/2022
Período para recursos contra o resultado provisório.
Até 02/05/2022
Publicação do edital de resultado final. Período de registro de matrícula e notificação, via e-mail, dos selecionados.
Até 03/05/2022
Período de registro de matrícula e notificação, via e-mail, dos selecionados.
 
5 ENDEREÇOS E HORÁRIOS
5.1  Campus Chapecó
I -  Endereço e horários para entrega presencial da documentação: Rodovia SC 484, Km 02, s/n, bairro Fronteira Sul, (saída para Guatambu), Chapecó-SC, na Secretaria Acadêmica (bloco A - sala 106), de segunda a sexta-feira, no horário das 8h30 às 11h30, das 13h30 às 17h. Fone:(49) 2049-6421 ou 6491.
II -  Endereço para envio da documentação via SEDEX: Avenida Fernando Machado, Nº 108 - E, Centro, Chapecó-SC, CEP 89802-112, Caixa Postal 181 aos cuidados da Secretaria Acadêmica do Campus Chapecó.
 
6 DAS DISPOSIÇÕES FINAIS
6.1  A inscrição do candidato neste processo seletivo implica em ciência e tácita aceitação das condições estabelecidas no presente Edital, das quais não poderá alegar desconhecimento.
6.2  O candidato assume total responsabilidade pela veracidade das informações prestadas na inscrição.
6.3  Caso identificada inscrição de aluno da UFFS enquadrados na modalidade de transferência interna e retorno de aluno-abandono para a opção equivocada, a inscrição será regularizada de ofício para a opção correta.
6.4  As inscrições são exclusivamente por meio de formulário eletrônico, com documentação entregue presencialmente ou por correio (SEDEX), não sendo aceitos documentos rasurados, com assinaturas não identificadas ou enviados por e-mail, fax ou meios similares.
6.5  A UFFS não se responsabiliza por inscrições não efetivadas por motivos de ordem técnica, falhas de comunicação, congestionamento de linhas de comunicação, ou outros fatores que impossibilitem o preenchimento do formulário online e/ou a entrega da documentação nos formatos não especificados no edital.
6.6  O presente Edital e os demais editais referentes a este processo seletivo serão divulgados no endereço eletrônico <www.uffs.edu.br>.
6.7  De acordo com a LEI Nº 12.089 DE 11 DE NOVEMBRO DE 2009, a mesma pessoa não poderá assumir vaga simultaneamente em duas IES públicas.
6.8  O candidato selecionado que não comparecer, ou não constituir procurador para efetuar o registro de matrícula, no prazo estabelecido, perderá o direito à vaga.
6.9  Será cancelada a matrícula, a qualquer época, caso for comprovado que o candidato não atendeu às disposições do presente Edital, ou utilizou de quaisquer meios ilícitos, assegurado contraditório e ampla defesa.
6.10 Os procedimentos especificados neste edital poderão sofrer alterações em decorrência emergências sanitárias ou similares. Caso ocorram alterações, estas estarão especificadas nos respectivos editais de chamada ou nota técnica específica.
6.11  Os horários mencionados neste edital referem-se ao horário Oficial de Brasília.
6.12  Casos omissos serão resolvidos pela Pró-Reitoria de Graduação, ouvidos os Coordenadores de Curso.
 

Chapecó-SC, 14 de março de 2022.

Marcelo Recktenvald

Reitor

Documento Histórico

EDITAL Nº 258/GR/UFFS/2022

HOMOLOGAÇÃO DO RESULTADO FINAL E CONVOCAÇÃO PARA A MATRÍCULA DO PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NOS PROGRAMAS DE RESIDÊNCIA MÉDICA VAGAS REMANESCENTES CAMPUS PASSO FUNDO
O REITOR DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições legais, e em conformidade com o EDITAL Nº 177/GR/UFFS/2022, o EDITAL Nº 204/GR/UFFS/2022 e o EDITAL Nº 205/GR/UFFS/2022 torna público a homologação do resultado final e convocação para a matrícula do Processo Seletivo dos Programas de Residência Médica, campus Passo Fundo - Vagas Remanescentes.
 
1 DA CLASSIFICAÇÃO POR PROGRAMA
1.1  Cardiologia - Hospital São Vicente de Paulo
Nome completo
Nota Prova Objetiva
Data de Nascimento
Classificação
Horário de matrícula
Anneli Castelo Branco Majuri
7,00
12/08/1993
9h30
1.2  Clínica Médica - Hospital de Caridade de Carazinho
Nome completo
Nota Prova Objetiva
Data de Nascimento
Classificação
Horário de matrícula
Anna Carla de Lima Pinto
4,00
25/09/1991
10h
Andreia Cristina Rosa
Ausente
-
-
-
Giniseu Roque Matieli
Ausente
-
-
-
Heleno Strobel Rosa
Ausente
-
-
-
1.3  Medicina De Família E Comunidade - Passo Fundo-RS
Nome completo
Nota Prova Objetiva
Data de Nascimento
Classificação
Horário de matrícula
Thaís Chalub Bandeira Teixeira
Ausente
-
-
-
1.4  Radiologia E Diagnóstico Por Imagem - Hospital de Clínicas de Passo Fundo
Nome completo
Nota Prova Objetiva
Data de Nascimento
Classificação
Horário de matrícula
Kelly Vincenzi
8,00
27/06/1991
10h30
Suélen Muxfeldt
7,50*
03/07/1993
Suplente
Cristian Junior da Costa
7,50*
08/08/1995
Suplente
Víctor Baldi Faccenda
5,00
05/10/1995
Suplente
Ana Júlia Silveira Callegari
Ausente
-
-
-
Daniel Oliveira Queiroz
Ausente
-
-
-
Heloisa Omizzolo
Ausente
-
-
-
Marcelo Wilot Hettwer
Ausente
-
-
-
Matheus Antonio Bruschi
Ausente
-
-
-
Pedro Henrique De Abreu Souza Zanine
Ausente
-
-
-
Rafael Quixabeira Bezerra de Araújo
Ausente
-
-
-
Rodrigo Liscano Toescher
Ausente
-
-
-
Thiago Iwohn Ramos
Ausente
-
-
-
Item 7.1.1 do EDITAL Nº 177/GR/UFFS/2022
 
2 DOS PROCEDIMENTOS PARA A MATRÍCULA
2.1  O candidato convocado por esse Edital deve comparecer presencialmente na UFFS (Bloco A, sala 211, localizado na Rua Capitão Araújo, nº 20, Centro. CEP 99010-200) no dia 18 de março de 2022 conforme horário estipulado no item 1.1, 1.2, 1.3 e 1.4 para matrícula e assinatura do contrato padrão de matrícula.
2.2  Em caso de representação por Procuração, esta deverá ser específica para o Processo Seletivo 2022 da Residência Médica, ter firma reconhecida e estar acompanhada de documento de identificação com foto do procurador e dos documentos pessoais do candidato previstos neste Edital.
2.3  Documentação necessária em uma via:
2.3.1  Ficha cadastral preenchida com foto recente e devidamente assinada (Anexo I disponível em: https://www.uffs.edu.br/campi/passo-fundo/residencias-medicas-passo-fundo/processo-seletivo-2022);
2.3.2  Certidão de Nascimento ou Casamento;
2.3.3  Documento de Identidade (RG);
2.3.4  Comprovante de situação cadastral do CPF emitido pelo site <https://servicos.receita.fazenda.gov.br/Servicos/CPF/ConsultaSituacao/ConsultaPublica.asp>;
2.3.5  Certidão de Quitação Eleitoral atualizada no mês, emitida pelo site <http://www.tse.jus.br/>;
2.3.6  Comprovação da situação militar (para os homens);
2.3.7  Comprovante de endereço residencial (qualquer estado);
2.3.8  Número de inscrição PIS/PASEP unificado e atualizado, a ser obtido junto a uma agência da Caixa Econômica Federal (PIS) ou do Banco do Brasil (PASEP); ou Número de Inscrição do NIT;
2.3.9  Diploma de Graduação do curso de Medicina ou Declaração de conclusão com data de colação de grau anterior ao Início da Residência;
2.3.10  Comprovante de revalidação de diploma em instituição pública, de acordo com a legislação vigente, para médico brasileiro que fez a graduação em medicina no exterior;
2.3.11  Histórico Escolar da Graduação;
2.3.12  Comprovante de conclusão de Residência Médica (Certificado) ou Declaração de Provável Formando para programas que exigem pré-requisito;
2.3.13  Lista do PROVAB; ou Certificado de Conclusão ou Declaração de estar cursando R2 no PRMGFC para os candidatos que solicitaram pontuação adicional.
2.3.14  Registro em um Conselho Regional de Medicina;
2.3.14.1  Para o início da Residência Médica o registro do Conselho Regional de Medicina é obrigatoriamente do Rio Grande do Sul e deverá ser entregue até 31/03/2022.
2.3.15  Comprovante de dados bancários em que conste nome da instituição financeira, nome do titular da conta, número da agência com dígito verificador e número da conta com dígito verificador (cópia do cartão magnético, declaração da entidade bancária, extrato ou outro comprovante fornecido pela instituição financeira);
2.3.15.1  A conta bancária para recebimento da bolsa deve ser de titularidade do próprio residente (não pode ser conjunta, nem de pessoa jurídica) e deve ser do tipo " conta salário " - No ato da matrícula será entregue declaração para abertura de conta-salário.
2.3.15.2  O candidato que retirar declaração para abertura de conta-salário na matrícula deverá enviar os dados da conta salário (conforme descrito no item 2.3.15), em até 3 dias úteis para o e-mail: <agp.pf@uffs.edu.br>.
2.4  Documentação necessária para candidatos estrangeiros: Item 2.3.1, item 2.3.2, Cédula de identidade de estrangeiro, item 2.3.4, item 2.3.7, item 2.3.8, item 2.3.9, item 2.3.10, item 2.3.11, item 2.3.12, item 2.3.13, item 2.3.14, item 2.3.15.
2.5  O candidato convocado que não comparecer para efetivação da matrícula e assinatura do contrato de trabalho será eliminado do Processo Seletivo.
2.6  O candidato que desistir de cursar o Programa de Residência Médica, depois de ter efetivado a matrícula, deverá comparecer na COREME do Campus Passo Fundo-RS para formalizar a desistência do Programa de Residência Médica e Assinar o Distrato do Contrato.
2.7  Conforme determinação do Ministério da Educação somente poderão ser matriculados médicos residentes até 31 de março de 2021.
 

Chapecó-SC, 14 de março de 2022.

Marcelo Recktenvald

Reitor

Documento Histórico

EDITAL Nº 259/GR/UFFS/2022

DÉCIMA SEXTA CHAMADA DO PROGRAMA DE RESIDÊNCIA MÉDICA DO CAMPUS PASSO FUNDO EDITAL Nº 805/GR/UFFS/2021
O REITOR DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS), no uso de suas atribuições legais, convoca os aprovados no Processo Seletivo que cumpriram o item 7.1 do EDITAL Nº 805/GR/UFFS/2021 para a matrícula.
 
1 HOSPITAL SÃO VICENTE DE PAULO
1.1  Radiologia e Diagnóstico por Imagem
Nome
Classificação
Horário de matrícula
Marcelo Wilot Hettwer
23
9h
 
2 DOS PROCEDIMENTOS PARA A MATRÍCULA
2.1  O candidato convocado por esse Edital deve comparecer presencialmente na UFFS (Bloco A, sala 211, localizado na Rua Capitão Araújo, nº 20, Centro. CEP 99010-200) no dia 18 de março de 2022 conforme horário estipulado no item 1.1 para matrícula e assinatura do contrato padrão de matrícula.
2.2  Em caso de representação por Procuração, esta deverá ser específica para o Processo Seletivo 2022 da Residência Médica, ter firma reconhecida e estar acompanhada de documento de identificação com foto do procurador e dos documentos pessoais do candidato previstos neste Edital.
2.3  Documentação necessária em uma via:
2.3.1  Ficha cadastral preenchida com foto recente e devidamente assinada (Anexo I disponível em: https://www.uffs.edu.br/campi/passo-fundo/residencias-medicas-passo-fundo/processo-seletivo-2022);
2.3.2  Certidão de Nascimento ou Casamento;
2.3.3  Documento de Identidade (RG);
2.3.4  Comprovante de situação cadastral do CPF emitido pelo site <https://servicos.receita.fazenda.gov.br/Servicos/CPF/ConsultaSituacao/ConsultaPublica.asp>;
2.3.5  Certidão de Quitação Eleitoral atualizada no mês, emitida pelo site <http://www.tse.jus.br/>;
2.3.6  Comprovação da situação militar (para os homens);
2.3.7  Comprovante de endereço residencial (qualquer estado);
2.3.8  Número de inscrição PIS/PASEP unificado e atualizado, a ser obtido junto a uma agência da Caixa Econômica Federal (PIS) ou do Banco do Brasil (PASEP); ou Número de Inscrição do NIT;
2.3.9  Diploma de Graduação do curso de Medicina ou Declaração de conclusão com data de colação de grau anterior ao Início da Residência;
2.3.10  Comprovante de revalidação de diploma em instituição pública, de acordo com a legislação vigente, para médico brasileiro que fez a graduação em medicina no exterior;
2.3.11  Histórico Escolar da Graduação;
2.3.12  Comprovante de conclusão de Residência Médica (Certificado) ou Declaração de Provável Formando para programas que exigem pré-requisito;
2.3.13  Lista do PROVAB; ou Certificado de Conclusão ou Declaração de estar cursando R2 no PRMGFC para os candidatos que solicitaram pontuação adicional.
2.3.14  Registro num Conselho Regional de Medicina;
2.3.14.1  Para o início da Residência Médica o registro do Conselho Regional de Medicina é obrigatoriamente do Rio Grande do Sul e deverá ser entregue até 31/03/2022.
2.3.15  Comprovante de dados bancários em que conste nome da instituição financeira, nome do titular da conta, número da agência com dígito verificador e número da conta com dígito verificador (cópia do cartão magnético, declaração da entidade bancária, extrato ou outro comprovante fornecido pela instituição financeira);
2.3.15.1  A conta bancária para recebimento da bolsa deve ser de titularidade do próprio residente (não pode ser conjunta, nem de pessoa jurídica) e deve ser do tipo " conta salário " - No ato da matrícula será entregue declaração para abertura de conta-salário.
2.3.15.2  O candidato que retirar declaração para abertura de conta-salário na matrícula deverá enviar os dados da conta salário (conforme descrito no item 2.3.15), em até 3 dias úteis para o e-mail: <agp.pf@uffs.edu.br>.
2.4  Documentação necessária para candidatos estrangeiros: Item 2.3.1, item 2.3.2, Cédula de identidade de estrangeiro, item 2.3.4, item 2.3.7, item 2.3.8, item 2.3.9, item 2.3.10, item 2.3.11, item 2.3.12, item 2.3.13, item 2.3.14, item 2.3.15.
2.5  Para viabilizar novas chamadas, o candidato convocado poderá solicitar a desistência definitiva da vaga. Para tanto deverá enviar Termo de desistência no link específico que está disponibilizado no endereço: <https://www.uffs.edu.br/campi/passo-fundo/residencias-medicas-passo-fundo/processo-seletivo-2022>.
2.6  O candidato convocado que não comparecer para efetivação da matrícula e assinatura do contrato padrão de matrícula será eliminado do Processo Seletivo.
 

Chapecó-SC, 14 de março de 2022.

Marcelo Recktenvald

Reitor

Documento Histórico

EDITAL Nº 260/GR/UFFS/2022

CONVOCA CANDIDATOS DO PROCESSO SELETIVO REGULAR (SISU) PARA INGRESSO EM 2022/1 - 2ª (SEGUNDA) CHAMADA
O REITOR DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL (UFFS) no uso de suas atribuições legais, e considerando o disposto no item 4.5 e subsequentes do EDITAL Nº 59/GR/UFFS/2022, torna pública a lista dos candidatos convocados a participar da segunda chamada, na modalidade presencial realizada de modo online , para o curso de Graduação em Medicina/Bacharelado/Integral - Campus Passo Fundo, ofertado na primeira edição do SiSU de 2022, nos quais há vagas em aberto, conforme sistematizadas no item 3 deste Edital.
 
1 DA CHAMADA PRESENCIAL ONLINE
1.1  A segunda chamada do Processo Seletivo SiSU 2022/1 para o curso de Graduação em Medicina/Bacharelado/Integral - Campus Passo Fundo, ofertadas pela UFFS na primeira edição do SiSU de 2022, ocorrerá na modalidade presencial realizada de modo online , em sessão a ser realizada na data, horário e sala virtual conforme relação do quadro abaixo.
1.1.1  Quadro de data, horário e sala virtual da chamada presencial online :
Campus
Curso - Modalidade/Turno
Data da sessão
Horário do início da sessão
Link para acesso à chamada presencial
CPF
Medicina - B/I
17/03
9h
https://uffs.webex.com/meet/sec.acad.pf
1.2  Para participar da sessão de chamada presencial online , o candidato convocado por meio deste Edital ou seu procurador devidamente constituído, deverá acessar o link da reunião até o limite do horário de início da sessão do respectivo curso, conforme quadro constante no item 1.1.1.
1.2.1  O link da chamada presencial onlin e é:
I -  Campus Passo Fundo: https://uffs.webex.com/meet/sec.acad.pf.
1.2.2  Os presentes não poderão ausentar-se do local após o início da sessão de chamada presencial.
1.2.3  Somente poderão ingressar no local da sessão de chamada presencial candidato convocado por meio deste edital, ou seu procurador devidamente constituído, exceto no caso de candidato menor de 18 anos de idade, o qual poderá estar acompanhado de seu responsável legal - pai, mãe ou tutor devidamente identificado - ou portador de necessidades especiais que necessite de acompanhante, devidamente identificado.
1.2.4  Durante a participação na chamada presencial online os recursos de vídeo devem estar ativados por todos os candidatos presentes. Os recursos de áudio devem ser ativados quando solicitado pelo servidor que estiver conduzindo a chamada presencial online .
1.2.5  O candidato deve providenciar e/ou garantir acesso à internet, com os requisitos técnicos que permitam acesso com qualidade à chamada presencial online .
1.2.6  A UFFS não se responsabiliza por qualquer questão de ordem técnica e/ou operacional que impossibilitem a participação do candidato na chamada presencial online .
1.2.7  O candidato convocado deve fazer download do programa de acesso à chamada presencial online por meio do link https://uffs.webex.com/webappng/sites/uffs/dashboard?siteurl=uffs.
1.2.8  A chamada presencial online será gravada em áudio e vídeo pela Secretaria Acadêmica do Campus .
1.3  No momento da chamada presencial online o candidato ou seu procurador deverá estar de posse de documento de identificação com foto. Deve também organizar a documentação de matrícula relacionada no Anexo I do EDITAL Nº 59/GR/UFFS/2022.
1.4  Na chamada presencial online , será realizada a chamada nominal dos candidatos convocados do curso para posterior preenchimento das vagas apontadas no item 3 deste edital, de acordo com os critérios constantes no item 5 do EDITAL Nº 59/GR/UFFS/2022.
1.4.1  Será realizada a chamada de todos os candidatos presentes, os quais continuarão concorrendo às vagas ofertadas no curso de inscrição na UFFS. Os candidatos que não se fizerem presentes na respectiva sessão, serão automaticamente desclassificados do certame.
1.4.2  Finalizada a chamada presencial online a UFFS publicará, na página do processo seletivo, a relação de candidatos presentes na chamada presencial do curso e encaminhará, para o endereço eletrônico de todos os candidatos presentes, o login e a senha para acesso no Portal do Candidato.
1.4.3  O candidato deverá encaminhar a documentação para matrícula exclusivamente pelo Portal do Candidato conforme datas e orientações constantes no item 2.1 deste edital, independente do número de vagas não preenchidas no curso.
1.4.4  Inicialmente, será analisada somente a documentação dos candidatos classificados dentro do número de vagas, considerando a classificação e a modalidade de inscrição. O registro da matrícula somente se efetivará mediante o atendimento dos critérios da respectiva modalidade de concorrência e da análise documental.
1.4.5  Os candidatos não classificados dentro do número de vagas e que encaminharem a documentação no prazo permanecerão, automaticamente, na lista de espera do curso. Caso as vagas não sejam ocupadas pelos candidatos inicialmente classificados, poderão ter sua documentação analisada para fins de obtenção da vaga e registro de matrícula.
1.5  O candidato ou seu representante legal que, no momento da chamada presencial online , não estiver presente no local da sessão ou que não encaminhar toda a documentação relacionada no Anexo I do EDITAL Nº 59/GR/UFFS/2022 no prazo especificado no item 2.1 será automaticamente desclassificado do processo seletivo.
1.5.1  O candidato cuja documentação não atenda aos critérios da modalidade de inscrição será reclassificado, conforme item 2.6.1 do EDITAL Nº 59/GR/UFFS/2022.
1.6  A relação de candidatos convocados do curso consta no item 4 deste Edital.
1.7  É de responsabilidade do candidato observar a data, horário e endereço eletrônico para acesso à chamada presencial online do respectivo curso de inscrição.
1.8  É recomendado acessar a sala virtual com 15 (quinze) minutos de antecedência pois, após o horário limite estabelecido para o início da chamada oral, a sala virtual será bloqueada para acesso.
1.9  O candidato convocado por este Edital poderá sanar suas dúvidas referentes à documentação e ao procedimento por meio do seguinte endereço eletrônico:
I -  Campus Passo Fundo: matriculas.pf@uffs.edu.br.
 
2 DO REGISTRO DA MATRÍCULA
2.1  O candidato que participar da chamada presencial online , deve encaminhar a documentação, de acordo com a modalidade de concorrência de inscrição, no período de 18 a 21/03/2022 até as 17h, exclusivamente por meio do Portal do Candidato.
2.1.1  A UFFS encaminhará para o endereço eletrônico do candidato o login e a senha para acesso ao Portal do Candidato.
2.1.2  O Portal do Candidato está disponível no link https://spm.uffs.edu.br/.
2.1.3  A relação de documentos está disponível no Anexo I do EDITAL Nº 59/GR/UFFS/2022.
2.2  Os arquivos para upload no Portal do Candidato devem estar digitalizados, considerando a frente e o verso de todos os documentos que contiverem informações, em resolução nítida que permita a visualização e leitura das informações, e ajustada ao tamanho do documento. O encaminhamento dos documentos deve ser realizada preferencialmente em formato PDF, a fim de evitar problemas de compatibilidade de arquivos, exceto no caso previsto no item 2.4.
2.2.1  O candidato deverá acompanhar o processo de registro de matrícula exclusivamente através do Portal do Candidato, monitorando o andamento dos procedimentos e acompanhando os respectivos prazos para recurso, quando for o caso. O registro da matrícula fica condicionada à comprovação de todos os requisitos inerentes à modalidade de inscrição.
2.3  A critério das Comissões e demais equipes que atuam no processo de matrícula, pode ser realizada reunião presencial ou virtual com o candidato, com horário, data, local ou link de acesso informado diretamente ao interessado, para tratar de questões relativas à matrícula.
2.3.1  A reunião somente será cancelada por motivo devidamente justificado, sendo a participação do candidato obrigatória.
2.4  Os candidatos inscritos nas modalidades L2 ou L6, devem encaminhar a documentação comprobatória para análise da Comissão de Aferição de Autodeclaração do Campus por meio do Portal do Candidato, no período especificado no item 2.1. A documentação e as orientações para sua elaboração estão disponíveis no documento Orientações Para Postagem da Documentação Comprobatória Para Aferição da Autodeclaração, disponível no link https://www.uffs.edu.br/institucional/pro-reitorias/graduacao/repositorio-prograd/formularios-sisu/orientacoes-para-postagem-da-documentacao-autodeclaracao. O documento é de leitura e observância obrigatória para todos os candidatos selecionados nas modalidades L2 e L6.
2.4.1  Se averiguado que o candidato já teve sua autodeclaração homologada por Comissão Institucional nos processos seletivos para ingresso nos cursos de graduação da UFFS, está dispensado da realização do procedimento de aferição.
2.5  As Comissões de Análise de Renda e de Aferição da Autodeclaração e demais equipes de matrícula podem, após o retorno às aulas presenciais, convocar candidatos para entrevista presencial, em data, local e horário informado ao interessado com antecedência.
2.6  Os originais dos documentos encaminhados por meio do Portal do Candidato devem ser apresentados, pelos candidatos matriculados, na primeira semana de aula presencial na UFFS.
 
3 DO QUADRO DE VAGAS
3.1  Quadro de vagas:
Campus
Curso
A0
L1
L2
L5
L6
L9
L13
V6104
V6105
Total de vagas
CPF
Medicina - B/I
00
03
00
02
00
00
00
00
01
06
3.2  Legenda:
SIGLA
DESCRIÇÃO
A0
Vagas destinadas a todos os candidatos, independente da procedência escolar, renda familiar, raça/cor e/ou deficiência.
L1
Vagas reservadas a candidatos com renda familiar bruta per capita igual ou inferior a 1,5 salários mínimos e que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas (LEI Nº 12.711, DE 29 DE AGOSTO DE 2012).
L2
Vagas reservadas a candidatos autodeclarados pretos, pardos ou indígenas, com renda familiar bruta per capita igual ou inferior a 1,5 salários mínimos e que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas (LEI Nº 12.711, DE 29 DE AGOSTO DE 2012).
L5
Vagas reservadas a candidatos que, independentemente da renda, tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas (LEI Nº 12.711, DE 29 DE AGOSTO DE 2012).
L9
Vagas reservadas a candidatos com deficiência com renda familiar bruta per capita igual ou inferior a 1,5 salários mínimos e que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas (LEI Nº 12.711, DE 29 DE AGOSTO DE 2012).
L13
Vagas reservadas a candidatos com deficiência que, independentemente da renda, tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas (LEI Nº 12.711, DE 29 DE AGOSTO DE 2012).
V6104
Vagas reservadas a candidatos que tenham cursado parcialmente o ensino médio em escola pública (pelo menos um ano com aprovação) ou em escolas de direito privado sem fins lucrativos, cujo orçamento da instituição seja proveniente do poder público, em pelo menos 50%. Não se enquadram nesta modalidade candidatos(as) que tenham cursado o ensino médio integralmente em escola pública.
V6105
Vagas reservadas a candidatos indígenas, condição que deve ser comprovada mediante apresentação do Registro Administrativo de Nascimento de Indígena (RANI) ou declaração atestada pela Fundação Nacional do Índio (FUNAI).
CPF
Campus Passo Fundo
B/I
Bacharelado/Integral