Realeza: combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolescentes é tema de Cinedebate

Publicado em: 16 de maio de 2016 09h05min / Atualizado em: 11 de janeiro de 2017 09h01min

Nesta sexta-feira (20), haverá Cinedebate na Casa da Cultura de Realeza. Desta vez, o projeto da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) – Campus Realeza busca fazer uma reflexão sobre o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, instituído no dia 18 de maio, exibindo o filme brasileiro “Anjos do Sol”. O evento, que é aberto a todos, inicia a partir das 19h10min e tem entrada gratuita.

O filme "Anjos do Sol" apresenta a história de Maria (Fernanda Carvalho), uma jovem de 12 anos que mora no interior do nordeste brasileiro. A menina é vendida pelos pais e passa a trabalhar como prostituta em um garimpo na Amazônia. Após meses sofrendo abusos, Maria consegue fugir, mas a prostituição volta a cruzar o seu caminho.

Sobre o Dia 18 de maio

O Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes foi instituído pela Lei Federal 9.970/00, com base no "Crime Araceli", ocorrido em 18 de maio de 1973, em Vitória, no estado do Espírito Santo. A menina Araceli Cabrera Sánchez Crespo, que na época tinha 8 anos, foi sequestrada, violentada e cruelmente assassinada. Seu corpo apareceu carbonizado seis dias depois, e os seus agressores, jovens de classe média alta, nunca foram punidos.