Realeza: Projeto Cinedebate busca reflexão sobre questões de gênero e movimentos sociais

Publicado em: 22 de março de 2016 09h03min / Atualizado em: 11 de janeiro de 2017 09h01min

Promover o debate sobre as questões de gênero e movimentos sociais e culturais. Este é o objetivo do Projeto Cinedebate da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) - Campus Realeza para o ano de 2016. As sessões foram retomadas na última sexta-feira (18), na Casa da Cultura de Realeza, quando foi exibido o filme "As sufragistas". O evento contou ainda com a parceria da Prefeitura de Realeza, por meio da Secretaria de Educação, e de escolas da região.

A escolha do filme faz referência ao Dia Internacional da Mulher, comemorado no dia 8 de março, conforme explica a coordenadora do projeto, professora Renata Orlandi. “O filme é emblemático para pensar a legitimidade do movimento feminista que tem sido duramente atacado nos últimos anos. Ainda que o Brasil seja um Estado laico e democrático, um forte posicionamento conservador tem ressurgido, por isso a importância de promover debates no campo dos estudos de gênero”, opina.

Sobre os estudos de gênero, Orlandi pontua que estes “contemplam toda forma de assimetria e opressão nas relações de poder entre homens e mulheres, dizendo respeito a todo tipo de violência generificada que pode ocorrer na vida pública e privada, destacando-se a violação de direitos sexuais e reprodutivos, o assédio moral no trabalho, a desqualificação das profissões naturalizadas como femininas e da trajetória intelectual das mulheres, a violência doméstica, a violência sexual, em última análise, o cerceamento das liberdades das mulheres como um todo”.

A exibição gerou um debate focado na situação da mulher atualmente, assim como do contexto político brasileiro. "É um debate de grande valor cultural, pois muitos dos temas levantados não são considerados como uma agressão à mulher", destacou a acadêmica de Letras, Jéssica Chimoia. "O filme nos faz pensar em todo o sofrimento para a conquista do direito ao voto. Porém, hoje temos pessoas no poder que não valorizam nossos direitos", comentou a acadêmica de Química, Gecielle Schust.

O próximo Cinedebate ocorrerá no dia 19 de abril, na Casa da Cultura de Realeza, e irá abordar as questões indígenas, em alusão ao Dia do Índio.

Sobre o filme “As sufragistas”

O filme "As sufragistas" retrata a luta das mulheres pelo direito ao voto no século XIX e início do XX, na Inglaterra, que ficou conhecido como movimento sufragista. Também é apresentada a vida dessas mulheres que resistiam à opressão. Cansadas de protestar pacificamente e ouvir não dos homens que lideram o país, as mulheres partem para a desobediência civil, sendo brutalmente reprimidas pela polícia.