UFFS aprova três novos programas de mestrado

Publicado em: 18 de dezembro de 2015 00h12min / Atualizado em: 18 de dezembro de 2015 00h12min

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) aprovou três novos programas de Mestrado a serem ofertados em três diferentes campi da UFFS. A notícia foi veiculada oficialmente na quarta-feira (16). Com as novas propostas aprovadas, a Instituição passa a contar com 11 programas de Mestrado.

Os novos programas são os seguintes: Ambiente e Tecnologias Sustentáveis, para o Campus Cerro Largo; Ciência e Tecnologia de Alimentos, no Campus Laranjeiras do Sul; e História, a ser oferecido no Campus Chapecó.

De acordo com o pró-reitor de Pesquisa e Pós-graduação da UFFS, Joviles Vitorio Trevisol, "a aprovação de três novos mestrados pela Capes nos dá a certeza de que estamos implantando uma arrojada política institucional para a pós-graduação na UFFS. O número de programas aprovados é expressivo. Entre 2011 e 2015 foram aprovados onze programas. Além disso, estamos aprovando programas de pós-graduação em campus distintos. Isso significa que a pós-graduação e a pesquisa estão sendo concebidas e implementadas de forma equitativa. Os cursos de pós-graduação exercem um papel decisivo para a permanência dos docentes no campus, além de serem importantes para a formação de quadros. A UFFS está cumprindo o seu papel, estabelecido pelo Plano Nacional de Educação, de interiorizar, com qualidade, a graduação e a pós-graduação. Estamos levando os mestrados para todas as regiões que integram a Mesorregião Grande Fronteira Mercosul. A recomendação da Capes é um passo importante, mas é apenas o primeiro. A pós-graduação exige muito dos docentes, dos discentes e da Instituição. A consolidação dos programas deve ser pauta permanente na universidade. Nosso principal desafio de ora em diante é consolidar os programas e implantar os primeiros doutorados próprios. O regresso dos docentes que se encontram fazendo doutorado e pós-doutorado por meio da política institucional de capacitação docente será muito importante para a implantação dos nossos doutorados. A pesquisa é a base da pós-graduação. E é, portanto, uma das principais atribuições do exercício do magistério superior."

Saiba mais sobre os programas:

Mestrado em Ambiente e Tecnologias Sustentáveis (Campus Cerro Largo)

Área de concentração: Monitoramento, Controle e Gestão Ambiental

Duas linhas de pesquisa: (1) Desenvolvimento de Processos e Tecnologias e (2) Qualidade Ambiental

Vagas: 15 alunos por processo seletivo

Mestrado em Ciência e Tecnologia de Alimentos (Campus Laranjeiras do Sul)

Área de concentração: Biociência e Tecnologia de Alimentos

Quatro linhas de pesquisa: (1) Análise de alimentos e química de processos verdes; (2) Microbiologia e Bioprocessos; (3) Processamento de alimentos e aproveitamento de subprodutos; e (4) Processos e modelagem matemática aplicada a alimentos.

Vagas: 20 alunos por processo seletivo

História (Campus Chapecó)

Área de concentração: Fronteiras, Migrações e Sociedades

Duas linhas de pesquisa: (1) História do povoamento, da agricultura e do meio ambiente e (2) História dos movimentos e das relações sociais.

Vagas: 15 alunos por processo seletivo.