Campus Erechim realiza diagnóstico na área de educação em município da região

Publicado em: 17 de dezembro de 2013 13h12min / Atualizado em: 06 de janeiro de 2017 12h01min

A Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) – Campus Erechim está realizando, em parceira com a Secretaria Municipal de Educação e Cultura (SMEC) da cidade de Paim Filho/RS, um trabalho de diagnóstico participativo sobre a situação da educação no município, com o envolvimento de estudantes, professores, funcionários, pais e gestores municipais. O objetivo é apresentar os limites e as potencialidades na área da educação e subsidiar seu planejamento.

 O trabalho teve início ainda no primeiro semestre de 2013 com reuniões preparatórias entre a SMEC e a equipe de professores da UFFS responsáveis pelo diagnóstico: Adriana Loss, Éverton Kozenieski, Isabel Gritti, Robson Paim e Ulisses Pereira de Mello. Reuniões específicas com os professores e funcionários das escolas foram realizadas em outubro e, com os pais dos alunos, em novembro. Já o trabalho com os estudantes foi realizado pela própria SMEC.

Os dados levantados estão, neste momento, em fase de análise. O trabalho conta ainda com o apoio de diversos órgãos e entidades: Prefeitura Municipal, Câmara de Vereadores, Secretaria de Estado de Planejamento, Sindicato dos Trabalhadores Rurais (STR), Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Sicredi, Cooperativa Paimfilhense de Produtos Agrícolas (Coppal), Banrisul, Igreja Evangélica e Cooperativa de Crédito Rural (CRESOL).

Segundo o professor Ulisses Pereira de Mello, este trabalho é pioneiro no Campus Erechim pois buscou envolver no debate várias entidades do município de Paim Filho, evitando análises pontuais e fragmentadas. “A área da educação foi priorizada nesse primeiro momento, mas outros diagnósticos poderão ser realizados em outras áreas como agricultura, indústria, saúde, comércio, dependendo dos futuros acordos entre o município e a UFFS”, explica.

Outro aspecto destacado pelo professor é que “a equipe que realizou o diagnóstico é composta por professores de várias áreas do conhecimento – Geografia, Pedagogia, História e Agronomia – o que confere à atividade um caráter multidisciplinar, com vários olhares sobre a situação da educação no município”.

Os resultados desse trabalho serão apresentados e debatidos no Conselho Municipal de Desenvolvimento Econômico e Social de Paim Filho no mês de janeiro de 2014. Após, será iniciado o planejamento das ações com base no diagnóstico apresentado.