Palestra marca abertura de curso de extensão na área de Educação Integral no Campus Erechim

Publicado em: 14 de março de 2014 13h03min / Atualizado em: 09 de janeiro de 2017 08h01min

Acontece na próxima quinta-feira (20) a abertura do I Curso de Extensão em Docência e Currículo na Educação Integral, oferecido na Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) – Campus Erechim. A atividade conta com financiamento do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), através dos recursos da Ação 20 RJ – destinada especificamente ao financiamento de atividades relacionadas à formação de professores – e com a parceria institucional da Diretoria de Educação Integral da Secretaria Municipal de Educação de Erechim/RS.

O ato de abertura do curso acontecerá a partir das 18h45min, no auditório da UFFS-Campus Erechim, com a palestra “Qualidade na escola pública brasileira: um olhar sobre a educação integral”, ministrada pelo professor Élton Nardi, doutor em Educação pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos) e pós-doutor pela Universidade do Minho, Portugal. Atualmente é professor titular e pesquisador do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade do Oeste de Santa Catarina (Unoesc – Campus Joaçaba).

A palestra é aberta a todos os interessados, e o curso de formação é destinado aos professores já inscritos por meio da Secretaria Municipal de Educação de Erechim.

Atividades abrangidas pelo projeto

O coordenador do projeto, professor Roberto Rafael Dias da Silva, explica que o curso de extensão visa realizar a formação continuada dos professores que atuam nas práticas de educação integral em Erechim, “particularmente os envolvidos na implementação do programa Mais Educação”. A atividade está vinculada ao projeto intitulado “Currículo e Docência em Experiências de Ampliação da Jornada Escolar: acompanhamento da implementação do Programa Mais Educação no município de Erechim/ RS”, que vem sendo executado desde novembro de 2013, estendendo-se até outubro de 2014.

De acordo com o coordenador, o projeto está estruturado em três ações: a realização do curso de formação complementar destinado a 80 profissionais que atuam no Ensino Fundamental de Erechim; o desenvolvimento de oficinas nas escolas que executam o programa Mais Educação; e a organização e a publicação de um caderno pedagógico.

Nos primeiros meses, após a aprovação do projeto, várias atividades já foram realizadas, como a seleção dos professores formadores, a realização de reuniões periódicas de planejamento das atividades junto à Diretoria de Educação Integral da Secretaria Municipal de Educação de Erechim, sessões de estudo e planejamento junto aos professores formadores na preparação das atividades, dentre outras.