Visitação de escolas e Encontro de egressos finalizam atividades da Semana do Diversa em Realeza
Campus Realeza recebeu cerca de 350 alunos do Ensino Médio na visitação que encerrou a Semana do Diversa, na qual se realizaram mais de 50 atividades e integração de outros eventos

Publicado em: 30 de outubro de 2017 15h10min / Atualizado em: 30 de outubro de 2017 15h10min

A Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) – Campus Realeza proporcionou momentos de descobertas e interação com a VII Semana do Diversa finalizada na última sexta-feira (27). O encerramento ocorreu com a visitação de alunos do Ensino Médio que conheceram os cursos, as iniciativas e a estrutura da Universidade, e também com o I Encontro de Egressos, uma reunião com ex-acadêmicos que falaram sobre os desafios, as realizações e as expectativas para o futuro. Iniciada no dia 23 de outubro, a Semana do Diversa trouxe mais de 50 atividades, assim como integrou outros eventos.

Aproximadamente 350 alunos da região Sudoeste do Paraná compareceram à visitação que buscou apresentar diferentes atividades práticas desenvolvidas no cursos de Letras Português/Espanhol, Química, Física, Ciências Biológicas, Nutrição e Medicina Veterinária do Campus Realeza. Confira mais fotos da visitação.

Para o diretor do Campus Realeza, Antônio Marcos Myskiw, a Universidade buscou proporcionar espaços multidisciplinares de interação entre a comunidade universitária e regional. "Desenvolvemos um conjunto de ações que envolveu a participação de professores, acadêmicos e técnicos, culminando com a visitação de cerca de 350 alunos da região que puderam acompanhar essa dinâmica de trabalho produzido na área do Ensino, da Pesquisa e da Extensão na Universidade", destacou.

Encontro de egressos

Outra atividade de encerramento foi o I Encontro de Egressos realizado na noite da última sexta-feira (27). A conversa envolveu a participação de seis ex-acadêmicos, professores e a equipe diretiva do Campus Realeza. Os convidados relataram como foi o processo de formação, a preparação para superar os desafios de ingresso no mercado de trabalho, bem como apontaram os novos rumos da Educação diante do cenário político.

Entre os que participaram, estava a ex-acadêmica do curso de Letras, Fernanda Rozeng da Rocha, que atua como professora de Língua Portuguesa nas cidades de Enéas Marques e Nova Esperança do Sudoeste. "Voltar para a Universidade é algo que nos inquieta a buscar sempre esse processo de formação para não ficarmos naquela chamada zona de conforto", comentou. A visitação à UFFS foi outro momento importante, já que ela pôde trazer seus alunos do Ensino Médio para conhecer a Instituição. "Foi uma realização e uma mescla de sentimentos do tempo em que era aluna e agora com a responsabilidade em ser professora", enfatizou.

Alguns egressos também enviaram vídeos dizendo como estavam, a exemplo da ex-acadêmica do curso de Física, Flávia Luane Rommel. Hoje ela é aluna do Programa de Pós-Graduação em Física e Astronomia (PPGFA) da Universidade Tecnológica Federal do Paraná, em Curitiba. Integrando uma equipe internacional de astrônomos, com a participação do professor Felipe Braga Ribas e de Flávia, o PPGFA anunciou a descoberta de um anel em torno de Haumea, um dos planetas anões do Sistema Solar Exterior. O estudo foi publicado na nova edição da Revista Nature. 

Confira mais fotos da Semana do Diversa

II Encontro Acadêmico das Licenciaturas (EALIC)

A Semana do Diversa também agregou a realização do II Encontro Acadêmico das Licenciaturas (EALIC) ofertando diferentes palestras, minicursos e oficinas. Destaque para a palestra sobre neurociência e educação, ministrada pelo professor da Universidade Federal do Paraná (UFPR), Fernando Mazzilli Louzada.

O neurocientista abordou diferentes estudos associando os ciclos de sono em crianças e adolescentes com desempenho escolar, um dos principais objetivos de investigação do Laboratório de Cronobiologia da UFPR, do qual é coordenador. "Antigamente, pensávamos na importância do sono antes de realizar uma tarefa, ou seja, preciso dormir bem para não ficar sonolento e ter um bom desempenho. No entanto, sabemos hoje como o sono é importante depois de realizar uma tarefa, precisamos dormir para consolidarmos o que aprendemos", enfatizou. 

I Campeonato de Lançamento de Minifoguetes da UFFS

Como parte da programação do II EALIC, também foi realizado o I Campeonato de Lançamento de Minifoguetes da UFFS. A atividade foi proposta pelo Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBIB) do curso de Física. A competição contabilizou a participação de dez equipes. Os competidores eram alunos do Ensino Médio das escolas de Capanema, Planalto e Pérola D'Oeste.

O campeonato consistia em tentar manter por maior tempo possível o minifoguete no ar, sendo assim o 1º lugar foi conquistado pela Equipe Apolo V, do Colégio Estadual Padre Réus, de Pérola D'Oeste, que atingiu o tempo de voo de 9,31 segundos; em 2º, a Equipe TTS, da Escola Estadual Padre Cirilo, de Capanema, com tempo de voo de 7,92 segundos; já em 3º lugar ficou a Equipe Tudo ou Nada, da Escola Estadual Rocha Pombo, também de Capanema, com tempo de 6,61 segundos.

O coordenador da atividade, professor Eduardo de Almeida, apontou que apesar de não ter um expressivo número de participantes, o saldo da atividade foi positivo. "Tivemos um momento de integração entre escola e universidade e também entre as diferentes escolas que participaram. O campeonato fecha um ciclo de trabalho que foi bastante prazeroso, pois vínhamos desenvolvendo a atividade nas escolas por meio de oficinas realizadas pelo PIBID", destacou.

I Feira de Trocas de Livros

O Campus Realeza também fez a I Feira de Trocas de Livros. A ação que buscava incentivar a leitura totalizou a arrecadação de 59 livros, destes 42 títulos de literaturas ou poesias e 17 títulos na área técnica-científica. A próxima feira deve ocorrer no primeiro semestre de 2018. Os livros que não foram trocados poderão ser incorporados ao acervo da Biblioteca da UFFS, após análise com base na política de desenvolvimento de coleções.