UFFS - Campus Laranjeiras do Sul empossa Conselho Comunitário

Publicado em: 19 de setembro de 2011 15h09min / Atualizado em: 01 de fevereiro de 2017 14h02min

Na última sexta-feira (16), tomou posse, no auditório da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) – Campus Laranjeiras do Sul, o Conselho Comunitário do Campus, para um mandato de dois anos. Estiveram presentes na cerimônia da posse o reitor da UFFS, Jaime Giolo, o diretor do Campus Laranjeiras do Sul, Paulo Henrique Mayer, o coordenador administrativo, Elemar Cezimbra, a coordenadora acadêmica do Campus, Betina Muelbert, além de servidores e alunos da UFFS e comunidade externa. 

De acordo com o reitor da UFFS, Jaime Giolo, o Conselho Comunitário, assim como o Conselho Estratégico Social é uma forma privilegiada que a universidade tem de dialogar com os setores organizados da sociedade civil e política da região. Todos são integrados por lideranças públicas ou de órgãos de movimentos sociais. “A universidade necessita deste organismo porque ela quer manter fidelidade ao movimento e aos princípios que criaram a universidade, ou seja, que as ações da universidade tenham conexão real com as necessidades de um modo de vida da região onde ela está inserida”, afirmou.

Para Giolo, as atividades específicas do conselho comunitário e do conselho estratégico social ainda precisam ser definidas. “Os dois conselhos estão começando agora a funcionar e uma coisa é certa, estes conselhos não são apropriados para opinar sobre o cotidiano da instituição, pois só quem vive o dia a dia consegue compreender o que se passa em uma instituição e decidir o que é melhor, mas eles terão, certamente, a função nas grandes políticas, por exemplo: no desenho dos futuros cursos, nas articulações de grandes atividades para a inserção social”, ressaltou.

O diretor do Campus  Laranjeiras do Sul, Paulo Henrique Mayer, afirmou que o Conselho Comunitário, assim como o Conselho Estratégico Social, é importante para a universidade porque ele pode dar a continuidade política de atuação institucional do Campus Laranjeiras do Sul. “Nós vivemos em uma região que tem o segundo pior IDH do estado do Paraná, com uma taxa de pobreza situada em 42% da população. A universidade precisa estar atenta e pensar esta realidade para propor as mudanças necessárias no sentido de melhorar o índice de desenvolvimento humano, a inclusão social, a educação pública de qualidade, gratuita e popular e também a questão da geração de tecnologias, de ciência adequada para contribuir com o desenvolvimento da região”, analisou Mayer.

MEMBROS

Fazem parte do Conselho Comunitário do Campus  Laranjeiras do Sul, representantes do Conselho Estratégico do Conselho de Desenvolvimento do Território Cantuquiriguaçu (Condetec),  da comunidade indígena, dos professores, alunos e técnicos administrativos da UFFS - Campus   Laranjeiras do Sul.  Ao  total,  20 membros compõem o Conselho Comunitário.